APdo Banespa - Bancários aposentados - direitos - justiça
Cadastre-se no APdoBanespa - É GRÁTIS - Clique aqui



COMENTÁRIOS ENVIADOS POR COLEGAS, SOBRE
AS NOTÍCIAS POSTADAS NESTE SITE


| Participe você também! | Comente! |
| Últimos 333 Comentários | Ver Próximos |



  134603 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

A REFORMA ESTATUTÁRIA DA CABESP

Finalmente, no dia de ontem, 23 de junho, a Afabesp colocou no seu site uma nota informando que tinha recebido “inúmeros contatos, e-mails e ligações a respeito de uma reforma estatutária da Cabesp, que estaria sendo feita sem o conhecimento da representação”. Pelos seus esclarecimentos, na verdade, as nossas associações já tinham sido chamadas pelo presidente anterior, Prupest, sobre a necessidade de se fazer a reforma. E a nova presidente, logo na sua chegada, convidou as entidades para lhes comunicar as suas intenções na gestão da Cabesp.

No seu comentário, a Afubesp não deixou claro se a atual presidente teria se referido especificamente à tal reforma, esclarecendo apenas que “não fomos chamados em nenhum momento para discutir a reforma estatutária e temos a informação que o assunto está sendo discutido internamente na Cabesp”.

Como se percebe, a montagem da reforma estatutária da NOSSA CABESP estará transcorrendo com absoluta falta de transparência. E, sobre ela, o que temos até agora é tão somente a ‘versão’ da Afubesp. Porque, pelo jeito, a nossa Afabesp está preocupada mesmo com assuntos outros.

O “PORCO NO ROLETE”, por exemplo.

  25/06/2017 - 22:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134602 - OCTAVIO RUGGIERO   Sao Jose dos Campos

Complementando....de preferência, composta por banespianos com mais de 80 anos.

  25/06/2017 - 21:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134601 - OCTAVIO RUGGIERO   Sao Jose dos Campos

Vamos formar logo a nossa comissão. Não temos nada a perder. Como diz o Tiririca, pior que tá não fica.

  25/06/2017 - 21:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134600 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C- 134579 - Carlos Alberto Bonini - Saúde é tudo para nós, endosso seus elogios à Cabesp. Tenho um carinho todo especial por essa entidade. Minha esposa já foi submetida a 17 intervenções cirúrgicas, a maioria com o suporte da Cabesp. Consultas exames, muitos! Se eu não tivesse a Cabesp para socorro nessas emergências, certamente as vidas na minha família estariam comprometidas. Meus parabéns à Diretoria e funcionários da Cabesp, de 1 a 10, 10!

Cutucando: Por que a Afabesp, nos dispobiliza aquele programa com grau de satisfação de 1 a 5.

  24/06/2017 - 14:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134599 - Adernilson Alves da Silva   Presidente Prudente

Estou de acordo com a visita à Ministra! Isto ainda não aconteceu porque somos uma cambada de frouxos e acomodados! Todos nós só comentamos e reclamamos, mas não movemos uma palha para buscar o resultado que queremos.

  24/06/2017 - 12:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134598 - Adernilson Alves da Silva   Presidente Prudente

Estou de acordo com a visita à Ministra! Isto ainda não aconteceu porque somos uma cambada de frouxos e acomodados! Todos nós só comentamos e reclamamos, mas não movemos uma palha para buscar o resultado que queremos.

  24/06/2017 - 12:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134597 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Pirolo:

Tudo o que não atrapalha eventualmente pode ajudar.

Como já coloquei aqui, a minha sugestão de irmos até a ministra Carmen Lúcia me ocorreu ao assistir à sua entrevista na TV em que ela comentou que recebe gente das mais diversas origens em seu gabinete, fazendo referência a três dessas audiências, uma delas com representantes indígenas e outra com (se não me engano) um arcebispo sírio. O que eles foram fazer lá? Aquilo que nós, banespianos, também podemos fazer: conversar com ela a respeito da nossa situação.

Por que não?
Em que isso pode nos prejudicar? Entendo que em nada!
A nossa realidade qual é? As nossas perspectivas, quais são? A de termos de esperar talvez mais 20 anos pelo desfecho de uma ação que já dura esse tanto! Não é isso mesmo?
Não dá para esperar mais. O tempo que nos resta é curto. E, se a ministra recebe normalmente pessoas no seu gabinete, haverá a necessidade de se fazer um agendamento – claro! – mas este não seria o problema. Certamente, a Afabesp conseguiria fazer isso.
E, se ela não faz, por que não fazermos nós?

Existem coisas na vida que, só fazendo, só tentando para se saber se vão dar certo ou não.
Conversar com a presidente do STF pode ser uma dessas ‘coisas’.

  24/06/2017 - 11:53 -   |   Responder/Comentar  |   




  134596 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Prezados colegas, bom dia!

Ao João Batista Chneider - o famoso " China" de Taquaritinga. Quero desejar-lhe muita saúde, paz, e sucesso em sua vida.
Vc. foi um dos colegas que marcaram minha passagem por Taquaritinga.
Educado e cordial, alias como todos daquela Agência.
Boa sorte.
Um forte abraço.
Carlos Zitelli

  24/06/2017 - 11:33 -   |   Responder/Comentar  |   




  134595 - PAULO SERGIO TASSO   Franca-sp

VAMOS SAIR DA TOCA, VAMOS A BRASÍLIA MEUS IRMÃOS, CORAGEM , VAMOS MOSTRAR QUE ESTAMOS VIVOS.

  24/06/2017 - 11:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134594 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Desencadeou-se mais um requentado festival de críticas, sugestões, chamamento a atitudes contra a Afa, visita ao STF, etc. O resultado do burburinho, tal como das outras inúmeras vezes, já é conhecido. Nonato-Teresina.

  24/06/2017 - 10:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134593 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Pirolo...saude....uma comissão para ir à Afa é uma boa idéia,já que a nova diretoria não vem a nós,como vinha o antigo presidente,temos que ir a eles...Se Maomé não...vai á montanha...a montanha tem que ir a ele.Não é isso???.
Eu por exemplo não sabia que parte dos titulos esta reservada aos optantes do fundão...841 pessoas senão me engano,que continuam inegociaveis, e o restante dos titulos que seriam para garantir quem não optou viraram negociaveis.
Acredito que com mais essa informação,na época,o ideal teria sido optar pelo fundão e não seguir a orientação da AFU e dos Sindicatos,pois,quem optou recebe o dobro de nós pobres mortais não optantes.Será que essas foram informações reservadas e devido ao pouco tempo para optar não soubemos analisar,afinal o Banespa era nossa Mãe Querida e tomamos ferro com o Satanico Capeta.
Ernesto...Desculpe se falei bobagem,pois,não adianta chorar sobre leite derramado.Saude a todos e Deus nos guie e abençoe.

  24/06/2017 - 10:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134592 - Rubens José de Freitas-SP   SAO JOSE DO RIO PRETO

134584 - Gilberto Pirolo - Não seria o caso de formarmos a tão sonhada comissão e irmos à AFABESP, inclusive no Departamento Jurídico e discutirmos o que está sendo feito e o que nós achamos que deveria ser feito, ao invés de metermos o pau neles sem saber o que está ocorrendo? Tempos atrás, quando o Yoshime estava na ativa, periodicamente ele, acompanhado dos advogados dos processos iam a Brasilia conversar com os Juízes, tanto é que o Yoshime ficou conhecido entre os mesmos. Cada um sabe um pedaço da estória dos títulos, indo até a AFABESP, esse problema também poderia ser resolvido com a explanação dos advogados. Eu, por exemplo não sabia que a transformação dos títulos em negociáveis e transferidos para o Satã teria sido feito através de lei.

  24/06/2017 - 00:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134591 - sebastião chaim junior chaim junior   Ribeirão Preto

Com a intransigência e infantilidade e obscuridade do Jurídico da Afabesp, podemos constituir grupos para acionarmos os advogados e a Afabesp.

  24/06/2017 - 21:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134590 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Sobre IGPDI FGV:
1-Temos a decisão do MPF de 23.09.2016 com parecer a nosso favor do Dr.Robério Nunes dos ANJOS filho-Ministerio Publico Federal opinando pela condenação dos réus a reajustar doravante as complementações segundo indice do IGPDI FGV.
2-Temos duas noticias da Afa,uma de 12.05017 Tutela Antecipada com voto do desembargador Nelton dos Santos-relator e outra noticia de 16.05.2017 da Afa dizendo que não haveria atrasos no julgamento noticia de 19.5..Afinal...os advogados contratados não podem falar nada a respeito????
Falei bobagens?
Ernesto

  24/06/2017 - 21:19 -   |   Responder/Comentar  |   




  134589 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Prezados Banespianos,saude a todos...ontem escrevi um vasto texto sobre IGPDI FGV e na hora do enviar perdi tudo.Caramba,deve ser meu computador pifando,porisso vou ser rapido sobre a segunda ação perdida da Gratifica,ou seja,sendo pre 75,não optante a nada,não estarão os pre 75 atingidos por possivel repercussão geral,caso ela aconteça na primeira ação.considerando a isonomia ???????Falei bobagem???
Ernesto

  24/06/2017 - 21:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134588 - Wanderley Morotti   Araçatuba

Acabei de crer, hoje, que nem o idoso com 80 anos ou mais é respeitado.
Estão oferendo antecipação nos precatórios, que na realidade são poucos.E, por sinal é um direito não pago pelo devedor.
Então, se querem realmente favorecer os idosos todos, sem exceção basta isenta-los do Imposto de Renda Retido na Fonte. Quem já paga o IRRF desde o primeiro salário deveria por mérito ficar ser contemplado com o benefício .
O que está sendo proposto e parece aprovado é fazer cortesia com o chapéu dos outros.

  23/06/2017 - 19:56 -   |   Responder/Comentar  |   




  134587 - Adélia Mauricio silva   Divinópolis

Sobre os porcos,-respeitando a inocência deles- são muito parecidos com os humanos, que na convivência, fazem lambanças imperdoáveis, mas não inocentes.Após mais de uma década, a ganhar em todas as instâncias-a Afá repete isto até hoje!,pergunto:-Porquê mudar a inicial em 2011, na 2ª ação? Gol contra? Quer nos manter no cabresto, nos ferrar e soprar com essas tertúlias? Prefiro passear em Paris, Milão, Roma,Berlim,etc, como fui várias vezes. Sem mais...

  23/06/2017 - 19:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134586 - José Roberto Barin   Campinas/SP

Com.134581-Adélia, o que será que os milhares de colegas como eu e vc, que se "encontravam" na segunda turma da Gratificação, e que ficaram chupando o dedo, pensam desse convite postado hoje pela Afabesp, quando deveria no mínimo, por respeito e consideração, esclarecer o que houve com a falha do departamento jurídico? Afinal tem ex ministro contratado pela Afabesp a peso de outro para acompanhar nossa ações, e não perceberam o erro? Se lembra que constantemente diziam que estavam diuturnamente atentos aos processos? Pois é.......
********************************************

23/06/2017 – PORCO NO ROLETE – 05/08/2017
Publicado em 23 de junho de 2017 por Afabesp
A Diretoria estará realizando no próximo dia 05/08/17, sábado a partir das 12h00 no Recanto Campestre Vinhedo, o tradicional evento “PORCO NO ROLETE“, e para tanto convida nossos associados e familiares

  23/06/2017 - 18:54 -   |   Responder/Comentar  |   




  134585 - LUIZ GUERINO FRANCHI   Taquaritinga sp

ROMUALDO CAPATO
Parabens pelo aniversario muitas felicidade e muitos anos de vida
junto aos seus.
Bons tempos de Martinopolis

  23/06/2017 - 17:54 -   |   Responder/Comentar  |   




  134584 - Gilberto Pirolo   Ourinhos sp

Oba!Oba! O congresso arrumou a minha vida!
Agora vou receber as gratificações,IGP DI e
demais direitos,pois tenho mais de 80 anos.
Vocês que são crianças devem esperar.kakakakaka,
Engane-me que eu gosto.
Abraços Pirolo.
Bem!Vamos conversar sério:
Tenho lido diversas opiniões a respeito de irmos á
Brasília conversar com a presidente do STF para a-
pelar ao seu grande coração para agilizar o julga-
mento do processo das gratificações.
Tal atitude me parece arriscada,se a fizermos isoladamente.
Porque isso seria, como diz o ditado,passar a carroça à fren-
te dos bois.
Vamos analisar com calma:
Existiria norma no STF ou seria uma exceção essa audiência?
Se existir a norma, teríamos que agendar esse encontro.
Acertada a audiência ela iria nos perguntar sobre o motivo.
Aí nós iríamos explicar á ministra que somos idosos e
temos uma ação na justiça que já tramita há quase vinte anos
e está emperrada no STF e gostaríamos que ela desse uma
empurradinha para agilizar o seu julgamento.
O que ela poderia responder?
Talvez diria:Pode deixar eu vou passar o seu processo á frente
e logo será julgado.
Ou diria:Eu vou falar com os ministros Fux,Marco Aurélio,Celso de Melo,Barroso,Moraes e a Rosa Weber.
Ou poderia dizer:Olha aqui,eu tenho que presidir um enorme número
de processos envolvendo criminosos comuns,políticos etc.etc.e nada
posso fazer,vocês devem falar com seus advogados.
Tudo isso são conclusões minha que talvez nada tenha a ver com
a realidade.
Abraços Pirolo.










  23/06/2017 - 17:51 -   |   Responder/Comentar  |   




  134583 - URANDI AMPUDIA BERTI   PARAGUAÇU PAULISTA

Galvão - concordo com você - desconsidere meu comentário. Abraços

  23/06/2017 - 17:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134582 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Urandi:

Pode ser que eu não tenha sido bem interpretado, mas, na minha sugestão de irmos até a ministra Carmen Lúcia, não fiz referência a ‘bater de frente’ com quem que seja. Seria, na verdade, um contrassenso, uma ‘jogada’ muito infeliz de nossa parte se fôssemos até Brasília para ‘brigar’ com ela.

A minha sugestão surgiu após verificar o comportamento da ministra durante a entrevista na TV, em que ela mostrou ser uma pessoa aberta ao diálogo e que costuma receber em seu gabinete gente das mais diversas origens.

Então, pensei: “Nós, que temos uma pendência no judiciário, que acabou (ninguém pode me explicar por que) indo acabar no STF e que já dura quase vinte anos, O QUE PERDEREMOS indo até lá para conversar com ela, expor a ela – ao vivo – a nossa situação?”

Acho que nada!

Quem sabe estaríamos conseguindo as ‘boas graças’ dela e a sua ‘força’ para que a nossa ação das Gratificações não se arraste na Suprema Corte por mais vinte anos...

Quem sabe...

Será que não valeria a pena a gente tentar?!



  23/06/2017 - 16:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134581 - Adélia Mauricio silva   Divinópolis

O tiro pela culatra já saiu faz tempo, eliminando milhares de aposentados da 2ª ação das gratificações. Só que os competentes advogados, cometeram erros infantis, ao modificarem o pedido da inicial(eles não leem as súmulas do TST e STF?).Foi dito aqui que o recurso cabível seria Agravo de Instrumento, a Afá interpôs Embargos de Declaração (via estreita e inadequada).A Afá matou a Ação e o direito de milhares de aposentados.Finalmente, brigava p/ não pagar as custas.Só.

  23/06/2017 - 14:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134580 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

com:578 Caro Pelegrino. O banco Santander está defendendo os seus interesses.A lei o permite. Não queremos caridade e sim justiça.Abraços.

  23/06/2017 - 14:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134579 - CARLOS ALBERTO BONINI   BOTUCATU-SP

Quero utilizar este espaço que o Alvaro nos disponibiliza para agradecer a CABESP, pois só quem teve problema de saúde com a família ou consigo mesmo para avaliar o quanto é importante termos essa Associação que muito competente e bem administrada presta assistência a nossa saúde e de nossos familiares. Enquanto outros planos dificultam ao máximo autorizarem cirurgias,utilização de ambulâncias, compra de aparelhos, atendimentos Home Care e até medicamentos de alto custo, a NOSSA CABESP tem nos atendido muito bem, agilizando essas autorizações. Portanto muito cuidado para que NOSSA CABESP não vá para as mãos de pessoas incompetentes e má intencionadas.

  23/06/2017 - 14:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134578 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C- 134572 - Marco Antônio - Antes de tecermos comentários que possam denegrir a imagem da Afabesp, vamos apenas ater-se ao seu Departamento Jurídico. Seus advogados recebem vencimentos da Afabesp e defendem Ações Judiciais particulares, até aí tudo bem. Porém essas Ações geralmente são contratadas com 30% de Honorários. Eu imagino que há ganância e individualidade, dá para sentir diante do desrespeito que têm conosco. Se recebermos nossas ações, os 5% de honorários serão incorporados à Afabesp, uma nota! Nos merecemos mais atenções: Sempre voltamos maciçamente nos candidatos indicados pela Afabesp e estamos satisfeitos com a defesa de nossos interesses. Agora só um comentário a mais: O Banesprev, diga-se Banco Santander do Brasil, procura de todos os lados jogar os que eles consideram bagaços de laranjas na lixeira(NÓIS), só não estão conseguindo graças aos nossos representantes: Os acordos na privatização, os antigos conluios com os sindicalistas,ajudam-nos.Senão, nosso FUNDO estaria ao lado daqueles arrebentados pelo PT. Alguém sabe onde se encontra nosso FUNDO, se é que existe.

  23/06/2017 - 14:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134577 - URANDI AMPUDIA BERTI   PARAGUAÇU PAULISTA/SP

Um ditado no meio forense diz “juiz pensa que é Deus e um desembargador tem certeza que é!” Imaginemos, então, qual éa convicção de certos ministros das mais altas cortes da justiça brasileira.
Ao longo destas quase duas décadas, a Afabesp tem nos representado muito bem, já conquistou várias vitórias, tanto é que chegamos onde chegamos e se a decisão final não é proferida a ela culpa não cabe, com certeza.
É louvável o pensamento de vários colegas em querer pressionar os julgadores na esperança de uma solução imediata dos nossos processos. Eu pergunto: vale a pena? É viável? Com quem vamos bater de frente? Será que o tiro não pode sair pela culatra?
A morosidade da justiça brasileira é pública e notória, os atalhos que os bons advogados usam para postergar mais e mais as decisões são muitos e incluídos na legislação. O poder econômico que ao que se percebe pelas últimas ocorrências nos escândalos da política brasileira impera também na esfera judicial (muito já se falou, mas pouco se comprovou sobre isso).
Então, para não passarmos os carros na frente dos bois, é melhor, antes de qualquer decisão se consultar alguém com notório saber a respeito do assunto (visita dos banespianos à suprema corte). É o que penso, mas posso estar errado.

  23/06/2017 - 14:19 -   |   Responder/Comentar  |   




  134576 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Será que se criarmos mais uma associação não estaremos dividindo mais as nossas forças???

  23/06/2017 - 14:01 -   |   Responder/Comentar  |   




  134575 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

INTERESSANTE !!!

A Afubesp acaba de publicar no seu site uma nota em que comenta sobre “Eleições transparentes e democráticas no SantanderPrevi de 28/7 a 3/8”.
Ao ver esse nome, “SantanderPrevi”, fui pesquisar e verifiquei que em agosto do ano passado, a mesma Afubesp divulgou na mídia informação de que, em razão de denúncia feita por ela mais sindicatos e até o Ministério Público, o mesmo SantanderPrevi havia sido autuado por má gestão.
Muito interessante, não? Será que realmente bons ventos democráticos, depois disso, sopraram por lá, no SantanderPrevi?

E, falando em SantanderPrevi, acho que cabe uma perguntinha:
Por que o Santander, ao invés de enfiar o pessoal das ‘caixinhas’ do ex-Meridional e a turma dos tais Sanprev I, II e III no nosso BANESPREV não os colocou no seu SANTANDERPREVI?

>
> Vejam a informação divulgada em 24/08/16:

SANTANDER
Direção do SantanderPrevi autuada por má gestão
Superintendência Nacional de Previdência Complementar toma medida após dois anos da denúncia e várias cobranças do Sindicato, Afubesp e participante
São Paulo - Os administradores do Fundo SantanderPrevi (sucessor do Holandaprev, do antigo banco Real) foram autuados pela Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) por prejuízos de cerca de R$ 53 milhões causados a participantes do plano que, em 2013, optaram pelo chamado Perfil Moderado. O SantanderPrevi é gerido exclusivamente pelo Santander.
A denúncia à Previc foi elaborada pelos participantes do plano, apoiados pela Sindicato, Afubesp (Associação dos Funcionários do Santander), Contraf-CUT (Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro) e Anapar (Associação Nacional dos Participantes dos Fundos de Pensão), além dos ministérios públicos de São Paulo e Santa Catarina.
“Há muitos anos reivindicamos eleição para que os assistidos tenham representantes na gestão do fundo de pensão, o que é essencial para que os participantes sejam prevenidos de investimentos de risco e tenham ciência sobre a real situação das contas da entidade”, afirma o diretor do Sindicato Ramilton Marcolino, acrescentado que o processo eleitoral feito unilateralmente pelo Santander em 2011, para os Conselhos Deliberativo e Fiscal, foi anulado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo devido à série de irregularidades.
“Esse episódio mostra a urgência de medidas que garantam a transparência e a democracia no SantanderPrevi. Além disso, o banco, único responsável pela gestão do fundo, tem de ressarcir os prejuízos das pessoas.”

Entenda o caso – Segundo a Anapar, desde 2013 participantes do SantanderPrevi denunciam prejuízos sofridos com operação de compra e venda de títulos públicos federais indexados ao IMA-B (Índice de Mercado Anbima-B), que representa carteira de títulos públicos NTN-B, com remuneração de IPCA mais taxa de juros real definida no seu lançamento. Segundo levantamento feito à época, os prejuízos financeiros alcançaram R$ 52 milhões.
O caso foi levado à Previc que só agora se pronunciou.
“Esse episódio também escancara o risco do projeto de lei sobre os fundos de pensão (PLP 268) que substitui representantes dos trabalhadores por ‘especialistas do mercado’ na gestão dessas entidades. Ter participantes eleitos é essencial para zelar por uma boa administração. Afinal não podemos titubear quando se trata do futuro de nossa aposentadoria”, complementa Ramilton.

Redação, com informações da Afubesp – 24/8/2016





  23/06/2017 - 13:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134574 - paulo renan finholdt   valinhos sp

O Congresso modificou o Estatuto do Idoso para dar prioridade especial ao atendimento a cidadãos com idade a partir de 80 anos, que passam a ter preferência sobre idosos de 60 a 79 anos==================================================================
Bom dia, colegas aposentados banespianos. Eu(76), nessa promoção do caralho, posso exercitar esperança até, e depois, do 80 anos. Aí, espertos que são, e nóis alegrão de sempre, estenderão a brincadeira para os 90 anos, e, com a medicina avançada e excelente assistência à saúde disponível, irão acenar pra nóis até os 100 anos. P.Q.P.!!!!!!
Fraterno abraço.

  23/06/2017 - 12:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134573 - Angelo Giacomeli   Laranjal Paualista-sp

VAMOS RELAXAR UM POUCO ?? DE 18 ÀS "26" HORAS.
ESTAMOS FESTEJANDO SÃO JOÃO EM LARANJAL PAULISTA, 133 ANOS. CASO QUEIRAM UM CHOPP ARTESANAL, UM VINHO DE FLORES DA CUNHA, UM CUSCUZ DA HORA, FRANGO FRITO EM TIRAS, EXCELENTE TILÁPIA FRITA, BATATA IDEM, TORRESMINHO DE FRIGORIFICO LOCAL, VENHAM, ENCONTRAR-ME-ÃO NA BARRACA DA A L A R D E, SENTADO, POIS ANDAR CANSA.
QUEM COMPARECER NÃO SE ARREPENDERÁ.

  23/06/2017 - 11:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134572 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Agora acharam a responsável pela morosidade de nossa Justiça. Acreditem é a AFABESP. Isto é incrível!

  23/06/2017 - 11:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134571 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

Abraços Nonato. Na verdade estamos ansiosos e isso nos deixa um tanto quanto abalados. O que precisamos na verdade é nos unirmos cada vez mais.

  23/06/2017 - 10:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134567 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Que vocês esperam da Afabesp? É uma Rede Globo que só passa aos brasileiros notícias filtradas de o EUA. Primeiro, suas ações são defendidas por advogados contratados, e quando os advogados resolvem ir ao Tribunal para saber do andamento, transmite à Afabesp, que depois as publica no site. Devagar quando parando...

  23/06/2017 - 22:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134566 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Com. 558 - Desculpa colega Dorival mas minha crítica absolutamente nada tem a ver com a sua opinião sobre a Afa, que aliás é a mesma minha. Abraços, Nonato-Teresina.

  23/06/2017 - 21:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134565 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Adélia, sai fora não. Ainda tem o Processo do IGP-DI, que com certeza todos farão parte.

  23/06/2017 - 21:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134564 - Adélia Mauricio silva   Divinópolis

Concordo Sr. José Roberto Barin(134563). Considero a Afabesp o tipo "Me engana que eu gosto". Após estúpida enrolação durante longos 13 anos, acompanhados com o crachá no pecoço:-somente os que forem associados e que fazem parte da ação... E quer nos fazer crer que são competentes advogados?! E a intempestividade? Não conta? Ora, vamos! Já disse aqui que jamais verão minha contribuição novamente. Tô fora, realmente>e tenho dito!

  22/06/2017 - 19:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134563 - José Roberto Barin   Campinas/SP

Com.134556 - Pois é Péricles, Eu me incluo nos infelizes 7 ou 8 mil que ficaram de fora da primeira turma das gratificações, por exclusiva culpa dos departamentos sociais e jurídicos Afabesp. Já relatei isso a eles, mas se calam, saem pela tangente e nada comentam jáque no meu caso foi sim falha deles. Sem falar que o processo só começou a valer mesmo em 2.011, ou seja longos 13 anos após o ingresso da primeira turma. Daí o judiciário argumenta estar prescrita. E agora José? Como ficamos? chupando os dedos? A Afabesp vai dar uma de Pilatos?

  22/06/2017 - 18:41 -   |   Responder/Comentar  |   




  134562 - Carlos Alberto Nonato   Indaiatuba - SP.

134560-ANTONIO GALVÃO RAIZ PORTO - Prezado colega Porto, concordo plenamente com o seu comentário e por coincidência, ontem à noite comentei com outro colega nosso, que a melhor alternativa para nos mobilizarmos, seria o envolvimento da AFABESP e dos advogados que conhecem como poucos, todos os detalhes da nossa ação, acompanhados talvez, por uma comissão formada entre nós. Comentei ainda que você, pelos comentários anteriores muito bem escritos, em que demonstra conhecimentos e estar bem informado a respeito das nossas pendências, seria o colega mais indicado para liderar esse movimento, com a participação de colegas nobres como o Orly, Péricles, José Milton e outros. Afinal, Altinópolis não está tão longe assim de São Paulo. Pense nisso. Abs. Nonato-SP.

  22/06/2017 - 16:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134561 - Antônio Pelegrino   Cafelândia

É para se pensar: A Senadora Regina de Souza (PT-PI) está com 66 anos. Veio da Zona Rural do Piauí, foi quebradeira de côco, foi criada por mãe adotiva que faleceu recentemente com 92 anos. Tomara que isso não se torne um horizonte para quem está chegando aos 80 anos, passem para 90, 100,110,120, etc..

  22/06/2017 - 14:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134560 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Caros colegas:

Sejamos práticos e objetivos!
O que nos falta é a figura do LÍDER, aquele que assume, que define, que marca “tal dia, tal hora, em tal local, estaremos nos reunindo para fazermos isso ou aquilo”. Os meios de comunicação de que hoje dispomos - como grupos na internet, Whatsapp, Facebook, etc – ajudam bastante, mas com eles ficamos na discussão, na troca de sugestões, ficamos apenas na ‘teoria’. Sem a ‘pratica’, que é a ‘realização’ do que ‘queremos fazer’, jamais iremos colher qualquer resultado.
Com respeito à criação de um grupo, a “Força Banespiana”, ele somente se concretizará quando aparecer alguém que se disponha a assumir – na prática – esse papel, o papel de LÍDER. Até lá, iremos ficar aqui fazendo propostas e sugestões que, fatalmente, acabarão caindo no vazio e nada, nada vai mudar.
Como já coloquei várias vezes, entendo que ele terá que surgir entre os banespianos que residem na Capital ou na Grande São Paulo. A condição de morarem lá seria um grande facilitador. E é de lá que devem partir as iniciativas como esta, tendo em vista o fato de que é lá que fica a sede da Afabesp.
No caso de nossa ida à Brasília, por exemplo, ela terá que ser muito bem organizada e planejada de tal forma que seja realmente proveitosa. Continuo achando que o ideal seria que a audiência fosse marcada pela Afabesp, que é a entidade que nos representa, a todos nós, banespianos, e que poderia levar os advogados que detêm o conhecimento de todos os detalhes da nossa ação. Na falta dela, iríamos nós mesmos, mas devidamente preparados e contando com a presença de colegas devidamente munidos de elementos convincentes a ser apresentados à ministra Carmen Lúcia.
Já com relação a ir buscar o apoio das Afabans, não sei se valeria a pena. A verdade é que elas têm que ‘rezar’ pela ‘cartilha’ da Afabesp e dificilmente irão fazer alguma coisa sem o seu consentimento.

Respeito os que não concordam, mas é o que eu penso.

  22/06/2017 - 13:40 -   |   Responder/Comentar  |   




  134559 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP


OS POLÍTICOS CONTINUAM PREJUDICANDO OS CHAMADOS IDOSOS VEJAM ABAIXO;

ainda chego lá .....................

Senado aprova alteração do Estatuto do Idoso para dar preferência a
octogenários

O plenário do Senado aprovou ontem (21) projeto de lei que concede
prioridade para pessoas acima de 80 anos em relação aos demais
idosos. O texto altera o Estatuto do Idoso, que trata dos direitos das
pessoas com idade a partir de 60 anos, para garantir a preferência
dos mais velhos.

O objetivo é criar duas faixas porque, a partir dos 80, as pessoas
têm mais dificuldade de locomoção e ficam com a saúde ainda mais
fragilizada. A preferência valerá para processos judiciais e em
atendimentos de saúde que não envolvam situações de emergência.

"Dentro dos idosos tem um segmento mais vulnerável", explicou a
relatora do projeto, senadora Regina Souza (PT-PI). "Como a lei diz
que é a partir dos 60, todo mundo chega e usa a prioridade,
independente de observar se atrás tem uma pessoa com mais de 80",
disse.

Ela ressaltou ainda que, em contendas judiciais, é ainda mais
importante a preferência para os octogenários porque "não adianta
atender ao direito depois que a pessoa morre". Para a senadora, os
precatórios são o principal ponto em que pessoas acima de 80 anos
devem ter prioridade. O projeto segue para sanção presidencial.

  22/06/2017 - 12:16 -   |   Responder/Comentar  |   




  134558 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

É incrível que acabo de postar a minha valorização da Afabesp e colocam comentário como se a estivesse denegrindo.
Sou associado da Afabesp há muito tempo e continuarei sendo até o último dia de minha existência, pois confio na condução dos seus trabalhos.

  22/06/2017 - 12:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134557 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Alô sr. Dario Barbosa de Andrade.
Bem vindo ao Apdobanespa.
Com certeza vai gostar.
Um abraço.

  22/06/2017 - 12:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134556 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caro e nobre causídico Nonato, de Teresina, e demais colegas, nem em todas as ações a Afabesp está ganhando. Ainda ontem, 21.06, o TST, por unanimidade, rejeitou os embargos de declaração, tanto da autora como do réu, no proc. em que ela pleiteia o pagamento das gratificações devidas aos colegas que não fazem parte daquele de 1.998. Em 05.04 a min. Katia Magalhães Arruda já havia negado o recurso de revista interposto pela Associação, o que implica a manutenção da prescrição declarada pelo TRT, com a extinção do proc. com resolução do mérito. Infelizmente, foi o que aconteceu. Vamos aguardar o que dirá a Afabesp, ante este triste quadro. Abs,

  22/06/2017 - 12:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134555 - francisco de assis labadeça   bragança paulista

amigo joao batista baraldi, meus cumprimentos pelo aniversario, desejando muita paz, saúde, sempre. estou lembrando do nosso tempo em olimpia, aquele futebol de quadra, o nosso banespinha. os bons amigos que fiz ai. Se encontrar com algum daquela época de um forte abraço em todos.

  22/06/2017 - 10:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134554 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Quando contratamos a prestação de um serviço, qualquer que seja, e o prestador não corresponde nós o dispensamos e procuramos outro. Pois bem. Vejo alguns colegas todo dia metendo o pau na Afabesp, só mostrando defeitos na condução dos nossos processos, o que evidentemente contamina os menos avisados que não entendem como andam as demandas judiciais. Cara, se tu não está gostando, não confia, etc., vai lá e pede a revogação do teu mandato, contrata outro advogado e pronto. É assim que se faz. Aliás neste grupo tem gente pra tudo. Através da Afa estamos ganhando em todas as instâncias, com perspectivas concretas de sucesso final e essas coisas ainda acontecem. Imaginem se estivéssemos perdendo. Nonato-Teresina.

  22/06/2017 - 10:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134553 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

Bom dia a todos. Quero deixar claro que em nenhum momento eu quero e creio que ninguém quer afrontar a Afabesp, até porque se a ação existe foi ela que entrou para nos defender. O que pretendo é agilizarmos os processos.

  22/06/2017 - 09:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134552 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

Uma ideia seria comunicar as AFABANS que será formada uma comissão dos aposentados mais ligados aos processos, para ir a Brasilia conversar com os Juízes e que as despesas serão rateadas às AFABANS. Não creio que irão negar essa contribuição, mas pedir a confirmação de cada uma. As AFABANS têm recursos para isso e é obrigação delas dar-nos apoio. A ideia de incluir um advogado da AFABESP é muito boa. O Dr. Leite acompanhava o YOSHIME nas várias visitas que fizeram à Brasilia e conhece bem o caminho, além de conhecer alguns Juízes. Acredito que agora é só formar o grupo, que acho já está formada, pois escolheram os mais conhecedores do assunto.

  22/06/2017 - 22:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134551 - OCTAVIO RUGGIERO   Sao Jose dos Campos

Já que a AFÁ não dá bola para nós, devemos mandá-la às favas, instituir nossa própria comissão e ir à Brasilia lutar pelos nossos direitos, repetindo, os nossos direitos.

  21/06/2017 - 20:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134550 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES


COLEGAS, a AFABESP não aceitará companhia NOSSA para ir à Brasília pedir pelos nossos processos. A AFÁ acha que é ingerência e que não temos nada que nos meter nos assuntos jurídicos.

Já perceberam que não existimos para a diretoria da AFÁ?

Se formos à Brasília seremos somente NÓS!
--

  21/06/2017 - 18:51 -   |   Responder/Comentar  |   




  134549 - NÃO PODEMOS DESANIMAR   Brasilia

Copia JusBrasil

Processo mais antigo em andamento no Brasil é da família real em briga por palácio
Desde 1895, herdeiros da Família Real brigam com a União pela posse do Palácio Guanabara
O art. 932 do CPC enumera diversos atos processuais que são incumbidos ao relator. Das decisões monocráticas do relator, quaisquer que sejam elas, tanto as relativas ao processamento quando ao julgamento do recurso, cabe agravo interno para o órgão colegiado.

  21/06/2017 - 17:21 -   |   Responder/Comentar  |   




  134548 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

Alvaro, Péricles, Orly, etc.....

  21/06/2017 - 15:39 -   |   Responder/Comentar  |   




  134547 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

Concordo com alguns colegas que se manifestaram sobre a representação de 10 que mais tenham conhecimento do que ocorre na justiça e assim em sendo necessário, e creio que seja, vamos nos cotizar no custeio das despesas para ir a Brasilia. Primeiro passo levantar qual valor seria necessário e em seguida proceder aos cálculos pela quantidade de Afabans e seus componentes e as Afabans promoverem reunião a fim de acrescentar naquele mês no valor da contribuição mensal ou ainda custear com os recursos que tem sob aprovação em uma assembléia. Enfim os que lideram este site, por favor tomem a frente pois creio que terão o apoio de todos os demais. Afabans tomem a frente e se preciso for, entrar em contato com a AFABESP e também indicarem um ou dois representantes para acompanhar esta comissão a Brasília. Ninguém vai por a faca no pescoço de ninguém, apenas pedir que se faça a justiça.

  21/06/2017 - 15:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134546 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Olá Armando, esta aproximação do Marco Aurélio da Abesprev é uma boa iniciativa que poderá estreitar os contatos com o Orlando, pres. em exercício da Afabesp.
Estou temporariamente em SP até 31.07.17, meu fixo aqui é 11-2368-9098 e whatsap 21-99916-0435 email dorn@uol.com.br
Alguma coisa precisa ser feita e seria bom que mais pessoas se intercomunicassem conforme sua orientação.
Abraços.

  21/06/2017 - 13:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134545 - COMUNICADO - (Cópia de e-mail recebido)   SÃO PAULO

HAPPY HOUR – FESTA JUNINA
afabesp@afabesp.org.br
11:58 (Há 12 minutos)

HAPPY HOUR – FESTA JUNINA
COMUNICADO
Tendo em vista a propalada Greve Geral dos Trabalhadores marcada para o próximo dia 30/06 sexta feira, a Diretoria decidiu transferir o evento em referência evitando assim maiores transtornos aos nossos associados.
Estaremos homenageando os aniversariantes dos meses de Abril, Maio e Junho no próximo dia 07/07 sexta feira com uma festa julina regada a quentão, vinho quente e comidas típicas.
AFABESP – DIRETORIA

  21/06/2017 - 12:15 -   |   Responder/Comentar  |   




  134544 - Natanael Thomaselli   FLORIANÓPOLIS

Caro Orly Guerra,
é que mandei a mensagem pelo messenger.
Enviarei por e-mail.
Abraços

  21/06/2017 - 12:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134543 - Natanael Thomaselli   FLORIANÓPOLIS

Caro Orly Guerra,
é que mandei a mensagem pelo messenger.
Enviarei por e-mail.
Abraços

  21/06/2017 - 12:13 -   |   Responder/Comentar  |   




  134542 - Armando Candido Borges   Vinhedo sp

Msgs. 134524 / 531 Galvão
134529/541 Eliel
134526 - Zitelli - 527 Torreta - 530 Alis - 533 Ferraresi
534 Valdomiro - 537 Carlos - 540 Oscar
Venho falando aqui e no site do Bosco , insistentemente e sem nenhuma repercussão , ressalvando-se nossos grandes batalhadores Orly,Galvão,Péricles sobre a formação de um GRUPO de pessoas que realmente querem enfrentar o Satan com denuncias e ou viagens para reunião primeiramente em São Paulo na própria Afabesp e depois à Brasilia , mas como dito aqui estamos dispersos aqui , no fórum e no Facebook onde nem os próprios responsáveis por tais ferramentas participam com suas opiniões ... Por último sugeri a criação de um novo grupo no WhatsApp e já coloquei meu telefone à disposição ( 19-981461444) para mensagens rápidas curtas e objetivas mas também não ocorreu repercussão.
Comuniquei-me recentemente com Dr.Marcos Aurélio pelo WhatsApp o qual , mesmo estando em uma posição delicada na Abesprev ,prontifi
cou-se a nos ajudar individualmente ... Fica aqui mais este pedido de socorro aos demais colegas dentre os quais temos sim grandes lideres , no sentido de viabilizarmos um minimo de organização neste grupo e JUNTOS melhor lutarmos por nossos direitos.

Armando Borges

  21/06/2017 - 11:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134541 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Concordo com o Valdomiro e Oscar Fernandes, precisamos ajudar nas despesas de quem reside fora de SP. Eu, apesar de estar em SP, não devo ir, pois já o fiz por muitas vezes e poderia não ser bem recebido lá na Afabesp, da última vez que fui o Presidente não me recebeu, apesar de me conhecer bem. Fui atendido pelo Dr. Gáudio, mas quem decide é o nosso Colega Orlando que substitui o Yoshimy. Porém, pessoas como o Péricles e Dr.José Milton, que possuem um pleno domínio sobre os processos são imprescindíveis. O nosso guerreiro ORLY se ele puder, seria uma pessoa muito importante. Há outros Advogados aqui em SP que também estão bem a par dos processos e se puderem poderiam se oferecer. Estarei torcendo que sejam recebidos para iniciar nossa empreitada até a Dra. Carmem Lúcia do STF.

  21/06/2017 - 10:53 -   |   Responder/Comentar  |   




  134540 - Oscar Jose Fernandes   Avare/SP

Acompanhando os comentários sobre nossa situação ,ressalto os esforços incansáveis de alguns colegas . Entre esses esta Orly a quem parabenizo e agradeço a incansável batalha para se fazer justiça. Obrigado Orly ! Infelizmente já com 85 anos ,também advogado aposentado ,só me resta continuar apoiando e orando para concluirmos essa etapa ( talvez minha última ) com sucesso !

  21/06/2017 - 08:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134539 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES


Colegas, por falar em tribunais, corrupção e outras cositas mais, vejam o vídeo da Jovem Pan Online:

https://facebook.com/portaljovempan/videos/10153467460811472/
--

  21/06/2017 - 08:40 -   |   Responder/Comentar  |   




  134538 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134515 - Natanael Thomaselli Florianopolis

Prezado Thomaselli, ontem nem liguei o computador; tive que tomar conta dos meus netos e não deu tempo.

No meu outlook não tem msg sua mandando ir pro facebook.

Mande msg: orlyguerra@gmail.com
--

  21/06/2017 - 08:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134537 - carlos h. ferreira   são paulo

Se deixarmos por conta da AFABESP marcar uma reunião no STF talvez eles ainda consigam marcar este ano, mas somente iríamos saber do resultado em meados de 2018, isto com muito esforço, e sendo assim, o melhor mesmo é uma comissão de aposentados tomar a frente e partir para o tudo ou nada.
Sou um contribuinte para os gastos financeiros.

Minha única sugestão é que na comissão deve estar pelo menos um advogado, José Milton, ou se for o caso até convidar o advogado contratado pela AFABESP e que esta responsável pelo processo.

  21/06/2017 - 23:47 -   |   Responder/Comentar  |   




  134536 - Valdomiro Moreira Silva   São Paulo sp

Eu me referi aos colegas que demonstram um elevado grau de capacidade e deixei de comentar que nomes como esses deveriam ser quase que obrigatórios nessa ida à Brasília, pois, a nossa representatividade seria excelente, juntamente com outros nomes que certamente haverão de surgir. Desculpem a falha!!!

  21/06/2017 - 23:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134535 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Se alguém sabe, também gostaria de saber! Acaso a Afabesp deu entrada na Ação Judicial do ABONO?

  21/06/2017 - 23:20 -   |   Responder/Comentar  |   




  134534 - Valdomiro Moreira Silva   São Paulo sp

Também sou a favor de que formemos uma comissão bem representativa p/ irmos até o STF e levar à Ministra Carmen Lúcia os dramas que passam entre todos os Banespianos aposentados. Me proponho fazer parte desta comitiva, apesar de que me sentiria apenas um número diante de colegas que admiro bastante pelos discernimentos, capacidade e luta constante que sempre postam neste site. Creio que os colegas José Milton, Orly, Pericles , Gilberto Pirolo, Oscar Machado e Eliel, pelos predicados que observo nos mesmos (conheço somente o José Milton)! Outros colegas também deveriam ir, talvez num maximo de 10 pessoas. Vamos constituir um fundo p/ pagarmos as despesas dos colegas c/ depósitos de 50/100/200 até 500 reais p/ colega que possa contribuir. Sem duvida, os esforços valerão a pena! A luta do Setembre não pode parar! Estamos vivendo um momento sumamente importante! Vamos esquecer que a Justiça é morosa! O Mestre viajará nesta comitiva! Vamos todos orar, de conformidade com cada crença e nós agigantemos! Sugiram mais nomes, e, por que não um desses nomes poderia ser o "caixa arrecadador". Não quero por ninguém em fria, mas... pessoas extremamente organizadas como o Pericles e o Orly seriam nomes certos! Manifestem-se, por favor, e passem seu (s) número (s) de conta (s). Faríamos transferências e não simplesmente depósitos. Obrigado e vamos pelejar!!!



  21/06/2017 - 23:16 -   |   Responder/Comentar  |   




  134533 - Claudemir Ferraresi   GUARARAPES - SP

Com. 134531 Antônio Galvão, concordo plenamente com você.
è a nossa AFABESP, quem deva nos representar seja aonde for.

  21/06/2017 - 22:16 -   |   Responder/Comentar  |   




  134532 - Natanael Thomaselli   FLORIANÓPOLIS

Colega Orly Guerra,
Boa noite, postei uma mensagem no seu facebook, podes me dar um retorno.
Abracos

  21/06/2017 - 22:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134531 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Colega Adalbertio (comentário 134527):

O pedido de reunião com a ministra Carmen Lúcia seria mais facilmente viabilizado se partisse da nossa entidade representativa, a Afabesp. Certamente o pedido partindo de uma entidade que representa uma comunidade como a nossa teria maiores chances de ser atendido do que se fosse feito por uma pessoa ou mesmo um grupo de pessoas. E ela, Afabesp, iria até lá acompanhada pelos advogados que cuidam da nossa ação e que, melhor do que ninguém, estão totalmente por dentro de todos os seus detalhes.

  21/06/2017 - 21:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134530 - alis diba   sao pedro do turvo,sp

Colegas, apesar de nossas idades, acho que ainda podemos lutar. É preciso uma direçao e organizaçao partindo dos colegas mais esclarecidos. Como já comentei aqui, nao conheço a fundo os nossos processos, mas, no que tiver ao meu alcance, estou disposta a colaborar.

  20/06/2017 - 19:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134529 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caro colega Antônio Galvão, agradecemos a você pelos esclarecimentos, lembretes e até mesmo advertências, principalmente, sobre a Cabesp.
Aqui no site há pessoas lutadoras, aguerridas que chegam a nos surpreender com as estratégias implementadas em favor de todos. Trata-se de o Orly, mas há outros que muitas vezes foram à Afabesp por vários motivos, inclusive por pertinentes aos compromissos próprios deles, há também pessoas que se dirigiram aos nossos Advogados, também várias vezes, mas infelizmente, não foram atendidos por uma alegação formal, não há exceção ao idoso, que às vezes precisa tão somente de um esclarecimento.
Quem conhece, por trabalho, pesquisa, consultoria às organizações de pequeno, médio e grande portes, sabe que essas organizações não vivem só por princípios jurídicos. Há outras especialidades a se implementar. Quando seus clientes são idosos, no mínimo um pouco de Psicologia Organizacional, realizada por pessoa competente deveria existir para amenizar os conflitos desses clientes, haja vista quando esses são de mais de setenta anos, presume-se que merecem alguma consideração.
O homem pode burlar as leis e corromper os tribunais da terra, mas jamais enganar Aquele que se assenta no trono. Deus está na Gestão e Controle de tudo e haverá um dia em que todos precisarão passar pelo Tribunal Divino.
Muitos leram, compreendem o que você escreve, mas também, por suas idades como a minha, às vezes ficamos a esperar por limitações naturais. Que Deus console o seu coração.

  20/06/2017 - 18:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134528 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Há muitos indícios de que a canoa do golpe está afundando.

  20/06/2017 - 16:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134527 - Adalbertio Torretta   São Paulo - SP

coment. 134524 Antonio Galvão

Com respeito ao seu comentário acima,também entendo que devamos fazer alguma coisa e tentarmos fazer acontecer.
Acho, como você, que só teríamos a ganhar. Como são poucas as manifestações, proponho formarmos uma comissão que verificaria os prós e os contras, e em caso positivo, elaboraria o conteúdo e a forma de como iremos abordar o assunto.
Os demais colegas interessados em participar, enviarão seus nomes para integrarem o grupo.
Se a Ministra concordar em nos receber, ponho-me à total disposição para compor a comissão, porém sei que outros colegas, incluindo você, já estudaram a fundo e teriam mais condições para nos representar em Brasília.
Meu e-mail é ap73@terra.com.br
Um abraço a todos.

  20/06/2017 - 16:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134526 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Colega Antonio Galvão e demais colegas, boa tarde!

Não fique aborrecido. Já postei aqui algumas sugestões, sendo a última que alguém fosse na Av. Paulista na noite de ontem quando foi lançado o livro no Marco Antonio Vila.
Ele é alguém com grande potencial na mídia e poderia colocar os nossos assunto Gratificação/IGPDi em pauta. Principalmente nossa Gratificação, falando sobre o FUX, ele critica sempre que pode.
Como Araraquara fica +- 350 km de S.Paulo sugeri que alguém que reside em S.Paulo ou Grande S.Paulo que fosse até ele.
Gritei no deserto.
Não darei mais sugestões, só participo quando eu achar conveniente.
Um abraço a todos.

Carlos Zitelli

  20/06/2017 - 15:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134525 - Antonio Guaraciaba Souza Martins   Capivari SP

Gostaria muito de agradecer ao INFORMATIVO que foi de uma presteza incomum respondendo o meu pedido com muito mais dados dos quais eu pedi. Já me comuniquei com o Sr. Dorival Crott. Obrigado a todos e fiquem com DEUS, abraços a todos os banespianos.
Antônio Guaraciaba

  20/06/2017 - 13:39 -   |   Responder/Comentar  |   




  134524 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Pirolo:

Já faz um tempinho que falei sobre isso: irmos até a ministra Carmen Lúcia e expor a ela a nossa situação. Falei da entrevista dela na TV em que a presidente do STF comentou que havia recebido no seu gabinete diversos tipos de pessoas, como representantes da comunidade indígena. Acho que até postei o vídeo.
Perguntei: Por que não irmos nós também até ela? Se não ganhássemos com isso, certamente nada perderíamos!
Não repercutiu. Infelizmente, as coisas que são realmente do nosso interesse, não repercutem entre nós.
Você quer temas mais RELEVANTES para nós, banespianos, do que são BANESPREV E CABESP?
Pois falo deles CONSTANTEMENTE por aqui e no grupo Yahoo (do Bosco) e não vejo nenhum retorno – apenas algumas pouquíssimas manifestações.
Ainda bem que nos nossos grupos do Facebook consigo alguma repercussão.
É o que me anima a continuar manifestando a minha indignação.

  20/06/2017 - 13:20 -   |   Responder/Comentar  |   




  134523 - Gilberto Pirolo   Ourinhos sp

CHORAR O LEITE DERRAMADO.
Esse ditado é velho,porém parece que muitos não o conhecem.
Meus avós já o diziam quando eu era pequeno.
Quando morria um cachorro de estimação,um cavalo ou quando
qualquer coisa se quebrava e não tinha mais conserto.
Eles sempre o repetiam.
A verdade é uma só: O Banespa foi para nós como uma mãe, isso
não temos a menor dúvida mas veio um Tsunami e o levou.
Não temos como recuperá-lo,reconstruí-lo,pois nos foi tomado
pela ganância dos políticos,banqueiros nacionais e multinacio-
nais.Não adianta ficar nomeando esse ou aquele como culpado
porque no fundo,nós também temos uma parcela de culpa.
O Tsunami passou e nos causou enormes prejuízos,tanto finan-
ceiros, como de ordem de projeção de futuro.O que podemos
fazer? Correr atrás do prejuízo,como estamos fazendo.Entrando
como ações na justiça e nos conservando unidos para tentar
recuperar alguma coisa.Xingar o Santander não vai fazer as coi-
sas mudarem.O seu objetivo é não pagar nada.Se houvesse a mini-
ma vontade de pagar alguma coisa já teria proposto um acordo para
resolver a demanda.Ele está na dele,orientado por seus advoga-
dos que confiam na justiça mais que nós.Confiam na sua morosi-
dade,bem entendido!Temos que ter na cabeça que o que o banco
ganha de juros com o total que deveria nos pagar dá para
molhar a mão de muita gente.
Para nós é uma luta desigual,dado as condições da justiça e as
pessoas envolvidas nessa luta.Vivemos em um momento em que o di-
nheiro fala mais alto.Temos que contar com a honestidade de um
ou outro que faz parte das decisões a nosso favor.
Só vejo como uma possível possibilidade de solução um encontro com
a diretoria da Afabesp,os advogados das causas e solicitar á Presi-
dente do STF uma audiência para para se expôr a situação.
Abraços Pirolo

  20/06/2017 - 12:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134522 - ODAIR NEVES   Franca SP

De acordo com as ultimas manifestações sobre Cabesp e Banesprev, estaremos aguardando o posicionamento de nossas entidades representativas e dos companheiros eleitos que foram apoiados por nossas entidades. Com a palavra Afabesp, Afubesp, Abesprev.

  20/06/2017 - 11:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134521 - alis diba   são pedro do turvo/sp

Prezado Antonio Galvão, então é muito grave o que está acontecendo com Cabesp e Banesprev. Você e colegas mais entendidos deveriam questionar a Afabesp sobre estes assuntos. Alguma providência tem que ser tomada, não se pode deixar o santander fazer o que quiser sem respeitar os estatutos.

  20/06/2017 - 11:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134520 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

AINDA SOBRE A CABESP

À época em que foi montado o Estatuto da CABESP, não levamos em consideração o fato de que ele praticamente dava plenos poderes ao banco. Éramos felizes, sabíamos, mas não nos demos conta de que um dia o Banespa poderia deixar de existir, e a nossa história tomaria rumos que jamais imagináramos pudesse tomar. Concordamos, ‘numa boa’, por exemplo, com o Art. 38, que reza no seu parágrafo 2º:
“Nenhuma alteração estatutária entrará em vigor se não for referendada pelo Banco do Estado de São Paulo S.A.”

Acontece que, hoje, esse poder foi para o Santander e, por isso, quando senti no ar aquela conversa de que estaria em andamento uma reforma estatutária da Cabesp, me bateu um calafrio só de pensar nas consequências que essa reforma possa nos trazer. Tentei levantar então junto às nossas associações maiores detalhes a respeito dessa questão – que mexe diretamente com cada um de nós –, e os esclarecimentos foram chegando, através de vias outras, por partes que fui juntando. Em resumo, o pouco que sabemos até agora é que se trata de uma ‘atualização’ do estatuto, que estará sendo conduzida por um grupo de gerentes das diretorias da Cabesp, e que, uma vez concluído o seu texto, será o mesmo submetido à apreciação das nossas associações.

Muito bem, a primeira cobrança que nos compete fazer pelo legítimo direito que nos é dado como associados da Cabep – muitos de nós, seus fundadores – é com relação à falta de transparência com que esse processo está sendo levado. O segundo questionamento, que considero da mesma forma legítimo, é o porquê de não estarem os nossos representantes participando – diretamente – desse processo. Tinham que estar nele – desde já!

Por que deixar que pessoas que nada têm a ver conosco laborem - só elas - na mudança do Estatuto da Cabesp, façam lá as ‘mexidas’ que apenas agradem a quem representam – que é o banco -, para só depois de pronto o ‘doce’ entrarmos em cena? E como é que ficará toda essa estória? Somente, na sequência, irão as nossas associações debater e tentar reverter aquilo que considerarem prejudiciais a nós? Por que protelar esse confronto que, fatalmente, irá ocorrer?

Sem dúvida, cabem perfeitamente aqui aqueles versos sempre muito atuais de Vandré:
“Quem sabe faz a hora / Não espera acontecer”.







  20/06/2017 - 10:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134519 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

AINDA SOBRE O BANESPREV

Como bem sabemos, BANESPREV significa FUNDO BANESPA DE SEGURIDADE SOCIAL, e o BANESPA no seu nome quer dizer que ele foi criado e existe para atender, exclusivamente, aos BANESPIANOS. Por assim entender, e mesmo tendo que ser repetitivo, sinto-me na obrigação de continuar manifestando o meu inconformismo acerca do que foi feito no nosso BANESPREV, onde foram incluídos planos que nada têm a ver conosco, banespianos. Tudo feito à nossa revelia, desrespeitando – a meu ver - escancaradamente o seu Estatuto. E o Estatuto é muito claro.

Está lá, ‘ipsis litteris”:

“Art. 5º - O BANESPREV poderá firmar convênio de adesão com outras empresas ou entidades de caráter público ou privado, mediante cláusulas específicas e Regulamentação Básica própria, a serem firmados diretamente com cada interessado e mediante prévia aprovação do Conselho Deliberativo, da Diretoria do Banco Santander (Brasil) S.A., "ad-referendum" da Assembléia dos Participantes.”

Mas o Santander ‘deu uma banana’ para o estatuto e enfiou lá no (nosso) Banesprev primeiro o pessoal das tais ‘caixinhas’ do falecido Meridional e agora a turma dos tais Sanprev I, II e III. E, ao que tudo indica e ao que tudo leva a crer, os nossos representantes eleitos nada vão fazer a respeito. É isso mesmo, ao que tudo indica e ao que tudo leva a crer os representantes que elegemos para defender os nossos interesses no Banesprev aceitaram tudo ‘numa boa’.

Por que será que estão agindo assim?
Será por que entendem que vale outra interpretação, diferente da que estou fazendo, ao texto do Estatuto do Banesprev?
Ou será por que acharam ser melhor ‘deixar como está para ver como é que fica’?

Seja por um motivo ou por outro, cabe então a eles a obrigação de nos explicar o seguinte:
1- Embora o Banesprev vá, a princípio, apenas administrar esses planos e seus participantes não tenham, pelos seus respectivos regulamentos, os direitos - no que se refere à Assembleia Geral dos Participantes - que nós, banespianos, temos, quem nos garante que, com o tempo, não venham eles a possuir esses mesmos direitos?
2- Por onde passam alguns passam muitos e, dependendo do ‘humor’ do nosso Patrocinador, muito mais outros poderão passar, aumentando a legião de não-banespianos no Banesprev.

Aí, então, terá que se mudar o nome do BANESPREV para SANTANPREV.








  20/06/2017 - 10:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134518 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Uma coisa é uma coisa outra coisa é outra coisa. Ninguém é contra a manifestação de ninguém neste site. Até mesmo a divisão dos colegas em classe, como os tais "banespianos da gema", pra mim uma coisa baixa, discriminatória, ridícula e de muito mau gosto. É como se algum de nós fosse melhor do que o outro. E não é. Mas deixa pra lá. Agora a tal da privatização não é o assunto em si, mas qual o resultado dessa discussão para resolver nossos problemas. Ora, nós estamos precisando é de atitudes que ajudem na solução de nossas pendengas e não de discussões infindáveis sobre um mesmo tema que não leva a lugar nenhum. Se após mais de vinte anos, discutindo e contestando o assunto praticamente todos dias, ainda há quem não tenha entendido ou aceitado o fim do Banespa, peraí! Vai morrer sem entender. É o que livremente penso, sem querer causar polêmicas. Nonato-Teresina.

  20/06/2017 - 09:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134517 - INFORMATIVO   SÃO PAULO

COMENTÁRIO 134503 - Antonio Guaraciaba Souza Martins - Capivari-SP
Caros colegas de Sumaré se vocês conhecem Dorival Crott por gentileza.

Caro Antonio, os dados abaixo foram extraídos do GOOGLE
Escreva Dorival Crott, clique - vai aparecer
Crott, Dorival
FONE 19 3873-9200
Rua Hermelindo Argenton, 126
Planalto do Sol - Sumaré /SP 13171-290

Andamento do Processo n. 1000544-91.2017.8.26.0125 - Cumprimento de Sentença - 13/06/2017 do TJSP
Publicado por Diário de Justiça do Estado de São Paulo e extraído automaticamente da página 2736 da seção Judicial - 1ª Instância - Interior - Parte I do DJSP - 6 dias atrás
Capivari
Cível - 1ª Vara
JUÍZO DE DIREITO DA 1ª VARA
JUIZ(A) DE DIREITO ANA SYLVIA LORENZI PEREIRA
ESCRIVÃ(O) JUDICIAL MARIA CLAUDIA STEFANO FALSIROLLI
EDITAL DE INTIMAÇÃO DE ADVOGADOS
Relação Nº 0191/2017
Processo 1000544-91.2017.8.26.0125 - Cumprimento de sentença - Valor da Execução / Cálculo / Atualização - Dorival Crott... ------------
----> Antonio Guaraciaba Souza Martins <----> Companhia de Seguros do Estado de São Paulo - Requerente manifestar-se sobre impugnação apresentada...
Boa sorte!!!

  20/06/2017 - 23:51 -   |   Responder/Comentar  |   




  134516 - Paulo Roberto dos Santos   Batatais?SP.

Parabéns ORLY. Você tem feito tudo e um muito mais, levando a nossa verdadeira história, para altas personalidades, chegando agora a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil).Esta semente uma ora vai explodir e fincar raizes em terreno fertil, e vai nos trazer os bons frutos. EU SOU ORLY, JOSÉ MILTON, PÉRICLES, BOSCO e outros que estão lutando, plantando. Que muitos outros possam também ser ORLY, JOSÉ MILTON, PÉRICLES, BOSCO e outros com CORAGEM, FIRMEZA, DETERMINAÇÃO e continuar plantando a semente da nossa verdade, enviando a pessoas de alto escalão, que anida tenham DIGNIDADE, HONRA, EQUILÍBRIO MENTAL, DISCERNIMENTO,m, RESPEITO AS LEIS, REGULAMENTO, ESTATUTO e enxerga o próximo como ser humano. PARABÉNS ORLY.

  20/06/2017 - 23:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134515 - Natanael Thomaselli   Florianopolis

Colega Orly Guerra
Boa noite,mandei uma mensagem no deu Facebook,poderias me dar um retorno.
Abraços

  20/06/2017 - 23:07 -   |   Responder/Comentar  |   




  134514 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

O Alvaro criou este espaço justamente para comentarmos aquilo que achamos certo. Não sou advogado,apenas Bacharel em Direito, pois achei a carreira do Banco mais promissora e interessante e não me arrependo, pois cheguei no topo e poderia alcançar mais se minha esposa concordasse em mudar-se para São Paulo, já que fui prestar serviço no DEORG por uma temporada e convidado para permanecer. Acho que cada um deveria ler o artigo que lhe interessasse e pular os demais, sem criticar as opiniões de colegas, tentando provar que sabe mais que os outros, que é muito deselegante e não leva a nada.

  20/06/2017 - 22:39 -   |   Responder/Comentar  |   




  134513 - Oscar Machado Filho   Belo Horizonte-MG

MODESTAS SUGESTÕES:
Mediante tantos argumentos positivos e convincentes sobre a PRIVATIZAÇÃO, que também desconhecia, mesmo sendo da GEMA, como base e subsídio na redação de futuros documentos junto às autoridades constituidas, retiro solenemente o meu gesto de contribuição sobre o assunto, pedindo desculpas, por ter entrado em assunto tão polêmico.

  20/06/2017 - 22:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134512 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Aproveitando a msg da conferência Nacional dos Bispos do Brasil, mandei:

acabei de ver a mensagem de um Arcebispo de Aparecida (https://www.messenger.com/t/umbertoeduardo.vichier); não consegui saber o nome de Sua Excelência Reverendíssima. Então, aproveitando que o conteúdo da mensagem se refere aos brasileiros em geral, prejudicados pelos homens que dirigem o Brasil, resolvi repassar o drama que estou vivendo, com milhares de colegas aposentados do extinto-BANESPA – (Banco do Estado de São Paulo – éramos 15 mil em 2000). O Banespa foi privatizado em 20-novembro-2000; isto é, não foi vendido, foi DOADO por Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente, ao banco Espanhol SANTANDER. Este banco deu um cheque de sete bilhões e 50 milhões, mas recebeu “títulos inegociáveis” que pertenciam aos aposentados, no valor de QUATRO BILHÕES, 141 milhões; tais títulos hoje têm saldo atuarial de mais de TRINTA BILHÕES (correção pelo IGP-DI mais juros de 12% a.a.). Recebeu mais DOIS BILHÕES e 700 milhões de imposto de renda recolhidos das folhas de pagamento e não repassados à RECEITA FEDERAL, pelo BACEN, antes da privatização. Também recebeu LUCROS DE BALANÇOS NÃO PUBLICADOS (aqueles balanços escondidos por FHC para conseguir na justiça provar que o Banespa era deficitário e poder privatizá-lo - CONSEGUIU). Ao todo o Santander deve ter recebido mais de NOVE BILHÕES. Um verdadeiro negócio da CHINA!
De posse do Banespa, o Santander alegou que as aposentadorias eram muito altas - (teve ajuda da imprensa, um dos jornalistas: BORIS CASOY que chamou a todos nós de privilegiados). As aposentadorias foram calculadas com base na idade média de 72 anos e a folha de pagamento era menos de 1 (um) por cento do valor dos títulos (em torno de 39 milhões).
O Santander mancomunado com o ex-presidente do Sindicado de São Paulo (VACCARI), mais o ex-presidente do TST (ALMIR PAZZIANOTTO), CUT, FETEC e sindicalistas de muitas Capitais, impuseram REAJUSTE ZERO por cinco anos (setembro-2001 a agosto-2006). Conforme a Constituição não se pode reduzir salários e aposentadorias. Perdemos 35,6% de nossas aposentadorias em relação aos bancários; que representa perda de 60% do complemento que o Santander nos paga. Este banco ainda nos tira o reajuste que o INSS nos dá em janeiro de cada ano: em dezembro-2016 eu recebia R$ 3.641,61 e em janeiro-2017 passei a receber R$ 3.526,71 (menos R$ 114,90).
Para se ter ideia do nosso empenho no Banespa, teve ano que recebemos DOIS SALÁRIOS de Gratificação com base no lucro líquido. Vale mencionar que o banco SANTANDER teve LUCRO LÍQUIDO de SETE BILHÕES e 300 milhões em 2016. Nossa folha de pagamento hoje é de 74 milhões que corresponde a 1% desse lucro, e no nosso estatuto constava que o Banespa podia dar até 20% do lucro líquido. O Banespa era uma máquina de produzir lucros, apesar de financiar a indústria, o comércio e agropecuária com juros baixos em relação aos demais bancos.
Demos entrada a milhares de processos; mas nenhum passou no TST, todos foram para o arquivo.
Ganhamos duas ações coletivas, pela nossa Associação de aposentados (AFABESP), mas não conseguimos receber nada. Uma de 1998 – Gratificações, a outra de 2002 que faz o Santander nos devolver o dinheiro usurpado.
Já reclamamos à Sua Santidade PAPA FRANCISCO. O Núncio Apostólico do Vaticano nos enviou carta comunicando que sua Santidade fará ORAÇÕES POR NÓS; e nos pediu ORAÇÕES por Ele.
Vale mencionar que em fevereiro p.p. Sua Santidade divulgou mensagem dizendo que empresários fazem jogo sujo, conforme publicou o Estadão.
Este é o nosso drama; hoje pouco mais de 12 mil estão vivos (titulares e pensionistas). Como acreditamos que DEUS TODO PODEROSO está no COMANDO, temos esperança de receber nossos direitos.
Agradecemos à Conferência dos Bispos do Brasil toda ajuda que nos derem.
--

  20/06/2017 - 22:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134511 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134498 - ernesto jose rangel de castro -Lula, Quercia, Fleury, Covas, FHC e Temer nada poderão influir em nossos processos. Não importa quais foram os protagonistas, temos que enfrentar os Juízes e apenas sintetizando o enunciado dos processos para que eles o entendam facilmente sem tere que ler milhares de páginas, pois existem centenas de processos na fila, esperando como os nossos.

  20/06/2017 - 22:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134510 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Carissimo Colegas Alis Diba,respeito sua opinião,aliás todos devem se manifestar.
O que acho é que o assunto motivos da PRIVATIZAÇÂO,ou quem fez o que esta esgotado,TUDO que falarmos esta nos autos,e o que falta É DECISÃO e ordem para mandar pagar nossos direitos.
Ou estou errado???

  20/06/2017 - 21:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134509 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Atenção colegas, vejam o bispo de Aparecida falando a msg da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil:

https://www.messenger.com/t/umbertoeduardo.vichier

  20/06/2017 - 21:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134508 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Caro Orly,saúde.Infelismente eu não tenho a manifestação escrita do m articulista Boris Casoy,mas se tivesse encaminharia ao amigo.
O que me lembro perfeitamente eram os comentarios maldosos que ele FAZIA em horario nobre do jornalismo da TV,na defesa da maldita privatização e encerrava dizendo que o nosso salario,maior do que a média do mercado ERA UMA VERGONHA OU ISTO É UMA VERGONHA.
Mas...aguas passadas não movem moinho...O que precisamos,no minimo,é da determinação do Juiz da Nona Vara para que o maldito satã corrija nossa complementação,como já dito pelo desembargador,com opinião positiva a nosso favor pelo Ministerio Publico Federal,por mais de uma vez.
Abraços Ernesto.

  19/06/2017 - 20:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134507 - alis diba   sao pedro do turvo,sp

Acho que o assunto da privatizaçao nao está encerrado.Claro que nunca será cancelada,mas,foi aí que começou nosso drama. Nao tem como compreender nossa situaçao se nao se falar sobre a privatizaçao. Afinal os títulos inegociáveis(para pagamento de nossas aposentadorias), daquela ocasiao, que se tornaram negociáveis, motivou nossa agonia. A nossa história começa com a privatização e tem que ser contada desde o início para se entender.

  19/06/2017 - 20:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134506 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Luis Cesar - Vitória - ES
Tribunais Superiores tem seus Ministros indicados por políticos, quase sempre desonestos. Aí ficam amarrados aos políticos. Quando não, empregam seus Familiares, Amigos, Amantes e o diabo a quatro nos quadros da Administração Federal com altos salários. Aí ficam 100% amarrados aos políticos corruptos, ladrões e criminosos.

  19/06/2017 - 19:43 -   |   Responder/Comentar  |   




  134505 - Luiz Cesar da Fonseca   Vitória - ES

DIREITOS NA LATA DE LIXO

Reportagem do Jornalista Aloysio Biondi no Jornal Diário Popular, quinta-feira 30 de março de 2000.

Você pensa que a ação na Justiça pedindo a suspensão da privatização do Banespa foi ‘‘coisa de sindicato’’? Nada disso.

A iniciativa partiu de nada menos de 11 PROCURADORES DA REPÚBLICA, integrantes do Ministério Público que, como esta coluna relembrou ontem, foi criado exatamente para defender os direitos do cidadão e da sociedade em geral, inclusive contra abusos (isto é, desrespeito às leis) dos governantes.

Para justificar o pedido, os 11 PROCURADORES DA REPÚBLICA apontaram e demonstraram a existência de mais de 20 irregularidades, ilegalidades e inconstitucionalidade cometidas pelos governos FHC e Covas no processo de venda do banco.

Vale dizer, detalhes que trarão prejuízos ao Estado, à população, como aconteceu em tantas outras ‘‘privatizações’’, verdadeiros negócios da China para enriquecer grupos empresariais nacionais e multinacionais.

Os argumentos foram acolhidos, e o leilão suspenso, em uma primeira etapa.

Mas o governo recorreu a um Tribunal superior e o juiz anulou a suspensão.

Por quê?

Os procuradores da República estavam errados?

Não é nada disso.

Como foi explicado ontem, não é mais assim, com base em leis e direitos, que os tribunais superiores estão tomando decisões no Brasil — conforme críticas dos próprios juízes, advogados e juristas.

Agora, basta o governo dizer que ‘‘determinada’’ arbitrariedade sua ‘‘atende aos interesses nacionais’’, e os tribunais superiores decidem a seu favor.

Foi assim mesmo, no caso do Banespa.

Os advogados do governo alegaram que, com o atraso nos leilões e venda do banco, o governo teria um ‘‘prejuízo de R$ 189 milhões em seis meses, e de R$ 394 milhões em um ano’’.

Que cálculo é esse? Segundo os advogados do governo, se o Banespa fosse vendido — possivelmente pelo preço estimado em torno de R$ 2 bilhões —, o governo poderia usar esse dinheiro para pagar uma ‘‘fatia’’ de sua dívida, deixando assim de pagar juros de 19% ao ano, ou aqueles R$ 394 milhões em um ano.

O argumento é vergonhoso.

Primeiro, porque o Banespa pode dar lucros acima de R$ 1 bilhão por ano, isto é, muito mais que o dobro do ‘‘prejuízo’’ alegado com os juros de R$ 390 milhões.

Em segundo lugar, a venda do Banespa às pressas pode trazer prejuízos bilionários ao povo de São Paulo, várias vezes superior aos gastos com juros:

No Rio, auditorias contratadas pelo novo governo mostraram que o Estado teve um prejuízo estrondoso, de nada menos de R$ 12 bilhões (30 vezes, ou 3.000% do valor dos juros do caso Banespa) com a privatização do Banerj, vendido na administração anterior.

Esses cálculos mostram como são falsos os argumentos que falam em ‘‘interesse nacional’’. Mas, repita-se, não é esse o aspecto verdadeiramente importante da questão.

Nenhuma nação sobrevive se o próprio governo passa a descumprir, sistematicamente, as leis que estabelecem os direitos e deveres dos cidadãos e governantes.

No Brasil, direitos e democracia estão sendo jogados na lata do lixo, em nome de pretensos ‘‘interesses nacionais’’. Com a ajuda de tribunais superiores.

SAUDAÇÕES BANESPIANAS

  19/06/2017 - 18:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134504 - Luiz Cesar da Fonseca   Vitória - ES

Comentário 134493 de Raimundo Nonato da Silva.

Caro Raimundo Nonato, não se trata de desenterrar neste site assuntos a respeito da privatização do Banespa.

Talvez esse assunto de privatização do Banespa não te serve para mais nada, mas possivelmente, nem todos nós aposentados do nosso querido Banespa que hoje, tem conhecimentos de causas advocatícias como o nobre colega tenta demonstrar com seus comentários neste site.

Acredito que o Álvaro, que é mentor intelectual deste site, não tenha nada contra sobre esse assunto e mesmo se o tivesse já teria se manifestado.


MUITO DAS VEZES A HISTÓRIA É CRUEL, MAS DEVENDO SEMPRE APRENDER COM ELA.

Para reflexão:

A importância da história a respeito à privatização do Banespa, só se torna compreensível a partir do momento em que compreendemos o tipo de utilidade que ela pode nos oferecer.

Para tentar resolver, em parte, esse impasse, vamos pensar um pouco a partir da visão que um dos antigos pensadores romanos tinha da história. Para o orador romano Cícero, a história era a “mestra da vida”.

Com esta expressão, Cícero queria dizer que por meio dos exemplos do passado, dos sofrimentos e sucessos, das tragédias e dos grandes feitos das gerações anteriores, podemos extrair lições para nos orientarmos no presente, diante dos problemas que se apresentam.

Pode fornecer elementos para ação na vida prática. Elementos como: compreensão, entendimento das diferenças entre as pessoas e uma série de outras contribuições.

O estudo da história, portanto, tem a importância de dar, sobretudo, suporte compreensivo às pessoas, para que ajam com maior prudência, civilidade e tolerância, em seu meio e em situações estranhas à sua cultura.

Mas devemos reeducar nossa percepção sobre essa disciplina para poder compreender sua importância para a vida.

E para aqueles colegas que não tiveram oportunidade de conhecer algumas HISTÓRIAS alusivas a privatização do Banespa encaminho a abaixo para conhecimentos a quem possa interessar da matéria jornalística intitulado “Direitos na lata de lixo” do Jornalista Aloysio Biondi.

  19/06/2017 - 18:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134503 - Antonio Guaraciaba Souza Martins   Capivari SP

Caros colegas de Sumaré se vocês conhecem Dorival Crott por gentileza
eu preciso falar com êle , meu telefone é (19) 3491 1331 Desde já obrigado Guará-Capivari Apólice 10.

  19/06/2017 - 16:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134502 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134498 - ernesto jose rangel de castro - guaratinguetá 19/06/2017 -
“Não estão nem ai,aliás tem gente que acha que foi uma justa punição a nós,os marajás do Boris Casoy (filho da p...a)que assim se manifestava na época:Banespiano ganha acima do mercado,é tudo marajá e ferro ni nóis.portanto...”

Prezado Ernesto, acaso você tem a informação completa do Boris Casoy?
-

  19/06/2017 - 13:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134501 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Prezado Álvaro,
nós Banespianos da Gema, que mantivemos o Banespa em primeiro lugar entre os banco do país, e até teve o caso do Banco do Brasil precisar do AVAL DO NOSSO BANESPA PARA FAZER CERTAS OPERAÇÕES NO EXTERIOR, gostaria de lhe pedir para dizer CLARAMENTE se podemos ou não falar sobre a privatização quando quisermos?

Não estou aqui para aturar deboche de quem nunca suou no banco.

Então, ÁLVARO, peço-lhe que diga alguma coisa!
--

  19/06/2017 - 13:56 -   |   Responder/Comentar  |   




  134500 - Oscar Machado Filho   Belo Horizonte-MG

MODESTAS SUGESTÕES:
Alguém falou antes, não me lembro quem, e, volto a relembrar. Futuras interpelações a JUIZES, deveriam conter tão somente as SENTENÇAS FAVORÁVEIS, dos Juizes, Tribunais, Instâncias, Citações Legais para Idosos, Número de Aposentados Vivos, Falecidos, Viúvas, Injustiças do Santander, Acordos dos Sindicatos, Direitos Estatutários, Protelações do STF, Pareceres do Ministério Público, Títulos Públicos Garantidores, Divisão dos Aposentados em Grupos pelo Banesprev, Gratificações Estatutárias, IGP-DI, JUSTIÇA SOCIAL, INJUSTIÇAS, etc etc etc. A PRIVATIVAÇÃO NÃO VOLTA ATRÁS, E, NEM SERÁ CANCELADA. ACREDITO QUE O ASSUNTO JÁ ESTÁ ESGOTADO.

  19/06/2017 - 11:21 -   |   Responder/Comentar  |   




  134499 - INFORMATIVO   SÃO PAULO

COMENTÁRIO 134491 - JOÃO RAMOS - ASSIS -SP 18/06/2017 - 10:33HS.
Amigo Alvaro... Hoje constou no núcleo de aniversariantes o nome de ANTONIO PAES DE ALMEIDA FILHO de Paraguaçu Paulista... o mesmo já FALECEU... (Cópia AFABESP)

07/12/2010
Com muito pesar, lamentamos o falecimento dos seguintes colegas:
- Luiz Gilberto Cajado dia 03/12 – Guarujá.
- Waldyr Dias Rosa Filho – dia 03/12 – filho do colega e Conselheiro Waldyr Dias Rosa – Sorocaba.
-Helena Donatto Cury – esposa do colega Waldomiro Simão Cury – dia 04/12 – Botucatu.

* ---> Antônio Paes de Almeida Filho dia 05/12 – Paraguaçu Paulista.
AFABESP- DIRETORIA

  19/06/2017 - 10:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134498 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Carissimos Pericles e Rubens,com todo respeito o nosso passado - o da privatização-alem de constar nos autos,jã são favas contadas,repetir o que aconteceu pode ser um alivio para nossos males,porem de certa forma não faz diferença para quem não sofreu o mal.
Não estão nem ai,aliás tem gente que acha que foi uma justa punição a nós,os marajás do Boris Casoy(filho da p...a)que assim se manifestava na época:Banespiano ganha acima do mercado,é tudo marajá e ferro ni nóis.portanto...na sugestão que fiz ao amigo Orly Guerra para a preparação do texto, é que eu disse que o que importa é a sequencia dos nossos processos daqui para a frente, pois, estamos morrendo e a coisa não anda.Exemplos de "Manchete":
Para mexer com o brio,se é que ainda tem dos juizes:
1-Lula tinha razão:S.T.J.ou S.T.F não julgam nada e permitem assassinatos de aposentados do antigo Banespa pelo Satânico banco espanhol.
2-Quercia,Fleury,Covas,FHC,e agora Temer,POLITICAS PRIVATIVISTAS que matam velhos DIREITOS de aposentados e pensionistas do Banespa.
3-Se TEMER quer respeito e permanecer no governo FAÇA O POSSIVEL PARA FAZER JUSTIÇA A 15 MIL APOSENTADOS DO BANESPA.
4.JÁ FORAM 4.000 APOSENTADOS MASSACRADOS E ASSASSINADOS PELO SANTANDER,OUTROS 15000 AGUARDAM A JUSTIÇA DO BRASIL DE TEMER.
E OUTRAS TANTAS MANCHETES QUE PODEMOS INTITULAR COMO MANCHETE PARA O TEXTO DO CRAQUE ORLY,POIS AFINAL ESTAMOS NUMA GUERRA.....
ERNESTÃO,BANESPIANO DA GEMA,NÃO OPTANTE A NADA...SAUDE A TODOS.

  19/06/2017 - 09:47 -   |   Responder/Comentar  |   




  134497 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C- 134491 - João Ramos - Trabalhei com o Antônio Paes A. Filho, na Agência Banespa - Palmital 1968/9. Já sabia de seu falecimento. A última vez que o vi, foi um encontro casual no Posto Rodoserv ( Rod.Castelo Branco). Conversamos por pouco tempo e ele me disse que advogava em Paraguaçu Paulista. São notícias tristes que fazem parte de nosso cotidiano e sabemos que eu dia também estaremos partindo. abraço e boa semana.

  19/06/2017 - 23:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134496 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134490 - Péricles de Andrade - Obrigado pela correção, pois não tenho nada anotado e a memória com 76 anos falha muito. Essa é a melhor forma de reconstruir a verdadeira estória da privatização, nos permitindo monta-la e encaminha-la de forma sintetizada aos Juízes para que entendam como foram feitas as tramoias, sem terem que ler milhares de folhas do processo, que creio que é o motivo que atravanca o nosso processo, já que quando o Juiz está começando a entende-lo um outro Juiz é substituído e começa tudo de novo.

  18/06/2017 - 19:57 -   |   Responder/Comentar  |   




  134495 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Caro Orly,bom domingo,saúde aos amigos banespianos.
Meu querido Malba Tahan,voce é o cara ou então é amigo intimo do Cara,nosso Deus unico.
Então amigo, o que voce fizer de texto,seja qual for,será bem feito tenho certeza.
Se me permite dar só l palpite,simplifique o maximo concentrando-se na necessidade de andamento dos nossos processos daqui para frente.
Repetir a historia da privatização pode ser cansativo e desmotivador para a leitura.
Não sei se estou certo,desculpe-me a ousadia da sugestão.
O ideal talvez seja.....
Pedir que os Juizes e Ministros CUMPRAM a sua obrigação e JULGUEM,afinal estão ganhando e muito bem para isso.
O que PODE SER BOM é ANEXAR material que voce já tem,como o video gravado que alias é de excelente qualidade.
Mas o titulo do texto tem que ser no MAXIMO ATRATIVO,como MANCHETE IMPORTANTE para que o leitor se interesse em comprar e ler o artigo.
Abraços do seu fiel escudeiro,Banespiano da Gema,não optante a nada Ernestão - Palmeirense....é hoje,rsrsrs.
Ah,ia esquecento.
Sua idéia de aguardar o desenrolar dos futuros creditos do IGPDI é ótima para melhor preparar o texto e vamos torcer para que o Juiz da Nona Vara mande reajustar urgente,nos proximos holerites.
Deus abençoe a todos.

  18/06/2017 - 13:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134494 - Armando Candido Borges   Vinhedo sp

Caro Orly ,

Ainda não tinha visto esta sua msg .. às vezes ficamos vagando entre este site o do Bosco as páginas do Facebook e não produzimos material para nossas queixas ... Talvez , os mais participativos , poderiam fazer um grupo que até poderia chamar "Força Banespiana" como sugerido e trocarmos mensagens mais enxutas no WhatsApp e assim poderíamos ser mais produtivos . Se alguem achar boa idéia e quiser isso coloco desde já meu telefone à disposição 19-98146
1444 ... aí precisamos fazer alguns textos bem enxutos e objetivos e enviar para as várias autoridades , repartições ,deputados e senadores ...abs

  18/06/2017 - 11:19 -   |   Responder/Comentar  |   




  134493 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Vem cá, já vão outra vez desenterrar neste site a privatização do Banespa? Alguém pode me explicar pra que vai servir isso? Nonato-Teresina.

  18/06/2017 - 10:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134492 - Jose Carlos Franca   Campinas

Cumprimento os amigos e colegas ADELFO VICARI e ANTONIO DE PADUA RIBEIRO, pelos seus natalicios, invocando muita saúde, paz, amizade e
sucessos e que Deus os abençõe.

  18/06/2017 - 10:48 -   |   Responder/Comentar  |   




  134491 - JOÃO rAMOS   ASSIS -SP

Amigo Alvaro.,,, Hoje constou no núcleo de aniversariantes o nome de ANTONIO PAES DE ALMEIDA FILHO de Paraguaçu Paulista... o mesmo já FALECEU à alguns anos. Confirme.

  18/06/2017 - 10:33 -   |   Responder/Comentar  |   




  134490 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caro Rubens José de Freitas (com. 134489) e demais colegas, a bem da verdade e dado a gravidade e responsabilidade de um texto enviado a um ministro de Estado, com todo respeito e pedindo permissão ao Orly e todos, permita-me algumas correções:
1. No dia do leilão (20.11.2000), FHC não transformou os títulos inegociáveis por negociáveis. Isso foi feito em 19.06.2000 pela edição da MP 1.974/81, depois transformada na lei 101791/2001, de 06.02.2001, que autorizou a permuta dos títulos federais inegociáveis em certificados financeiros negociáveis. Esses certificados foram entregues ao Satãder em 20.11.2000, menos a parte dos títulos que couberam aos 851 colegas do Fundão, que não tiveram congelamento e, desde jan/2000 têm complementação pelo IGP-DI.
2. A resolução do Senado Federal que criou esses títulos foi a de nº 118/97.
3. Se estiver enganado, peço que me corrijam. Abs,
Péricles.

  18/06/2017 - 01:27 -   |   Responder/Comentar  |   




  134489 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134482 - ORLY GUERRA - Permita-me dar uma sugestão? Quando enviar essa próxima correspondência aos Ministros, fazer um apanhado sintetizado da história da privatização, por exemplo, Iniciando com os motivos da dívida do Estado, que complicou o Banco, depois do acordo para o Estado liquidar tal dívidas em 5 anos e que por ordem do Presidente Fernando Henrique o Estado parou de pagar as prestações e foi quando complicou a situação financeira da Instituição como era o desejo dele. Quando resolveu privatizar contrataram uma empresa americana, mas não gostaram do trabalho dela e buscaram uma empresa Inglesa. No relatório dela sugeriam que se emitisse os títulos inegociáveis da Dívida Publica do Brasil para tirar das costas do comprador o grande encargo da complementação dos aposentados (isso prova que os motivos desses títulos foram totalmente desvirtuados. No dia do leilão o Presidente FHC transformou os títulos em negociáveis, sem consulta ao Senado, que os criou e entregou de mão beijada ao comprador, deixando-nos a merce deles, sem qualquer garantia para nós, já que os títulos já lhes pertenciam. Isso desvirtuou a intenção da Resolução 186/96 do Senado Brasileiro sem que o fosse consultado.
Não sei se esses detalhes constam do processo, mas por ser muito extenso, ninguém vai lê-lo por inteiro e isso facilitaria para o referido Ministro se inteirar do mesmo lendo apenas este prefácio.
Desculpe-me intrometer no seu trabalho, que é muito bom, mas às vezes um palpite de um leigo pode lhe abrir uma janela para melhora-lo. Obrigado

  18/06/2017 - 22:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134488 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C-134485 - Marco Antônio - Pelo que comentou entende-se que o Congresso Nacional parece as favelas dos morros carioca, briga pelo domínio!

  17/06/2017 - 19:40 -   |   Responder/Comentar  |   




  134487 - Claudimir de Souza Pinto   Piedade -SP

134486 - Antônio Pelegrino - Cafelândia -SP -
Antes do comentário um abraço!
Posso acrescentar os instrutores das autos escolas?
Bom final de semana.

  17/06/2017 - 19:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134486 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Destruída em 1950, a Coreia do Sul se tornou um Tigre Asiático, onde o governo jogou todas as cartas na educação. No Brasil, grande maioria são motoristas mal educados e ofendem os educados. Assistindo a um programa de TV que falava sobre acidentes nas Estradas e Rodovias brasileiras dá para entender porque acontecem tantos acidentes. Primeiro: Estão dirigindo sem conhecer as regras que devem cumprir. Segundo: Dirigem sem conhecer as instruções para dominar seu veículo. Nunca escutei alguém dizer que o acidente foi causado pela falta de manutenção do veículo, que o veículo apresentava excesso de peso ou ainda que a carga estava mal distribuída no veículo. Perguntar não ofende: Você já o CÓDIGO BRASILEIRO DE TRANSITO? JÁ LEU O MANUAL DE INSTRUÇÕES DE SEU VEÍCULO?.

  17/06/2017 - 14:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134485 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Agora, estão aparecendo os chefes da quadrilha: o numero UM e o número DOIS. UMA PARTE DA POPULAÇÃO ESTÁ DECEPCIONADA.

  17/06/2017 - 14:07 -   |   Responder/Comentar  |   




  134484 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

A noite passada tive um sonho...

...cujo cenário era e sede da CABESP, onde a sua Presidente recebia diretores das nossas associações, AFABESP, ABEPREV e AFUBESP, que tinham ido até ela com o propósito de lhe fazer uma reivindicação. E essa reivindicação era no sentido de que a mesma autorizasse que dois representantes de cada uma delas fizessem parte do grupo que está desenvolvendo os trabalhos relativos à reforma do Estatuto da nossa querida CABESP.

Infelizmente, embora o encontro ocorresse num clima de extrema cordialidade, não pude ver o seu desfecho. Ou seja, não consegui visualizar qual a resposta da Presidente, se ela atendeu ou não ao pedido.

Acordei antes.

Acordei para a nossa triste realidade.
Em que seguimos carentes de informações.
Na qual não somos ouvidos.
Onde não nos é dado o direito de opinar, de oferecer sugestões.
Por que, se o fazemos,
ou somos ignorados ou somos tachados de ‘terroristas’.



  17/06/2017 - 13:02 -   |   Responder/Comentar  |   




  134483 - INFORMATIVO - ARE 675945   Brasilia

Andamento Processual - ARE 675945
Informamos o lançamento do(s) andamento(s) relacionado(s) ao seguinte processo:
Matéria: Legitimidade para propositura de Ação Civil Pública
Relator: MIN. MARCO AURÉLIO
RECTE.(S): ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SÃO PAULO - AFABESP
ADV.(A/S): RENATO RUA DE ALMEIDA
RECTE.(S): BANCO SANTANDER BRASIL S/A
ADV.(A/S): VICTOR RUSSOMANO JÚNIOR
RECDO.(A/S): OS MESMOS
ADV.(A/S): GETÚLIO RIVERA VELASCO CANTANHEDE
Andamento(s): Data do Andamento: 16/06/2017
Andamento: Ata de Julgamento Publicada, DJE
Observações: ATA Nº 16, de 06/06/2017. DJE nº 128, divulgado em 14/06/2017
Este é um e-mail automático. Por favor não responda.
Para entrar em contato, utilize o serviço "Fale Conosco" situado na página de acesso ao STF-PUSH no site www.stf.jus.br.
Este é um serviço meramente informativo, não tendo, portanto, cunho oficial.
Supremo Tribunal Federal
Praça dos Três Poderes - Brasília-DF - CEP 70175-900 - Telefone: (61) 3217.3000

  17/06/2017 - 11:39 -   |   Responder/Comentar  |   




  134482 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134460 - ORLY GUERRA VILA VELHA - ES
Colegas Armando, Valdomiro e demais, há anos tenho enviado mensagens para Juízes e Ministros que estão com nossos processos ou já os tiveram em mãos.

Mas, vou preparar novamente mais um texto conforme indicado por vocês.
-------------------------------------------------------------------------------------------
Colegas, pensando bem, acho melhor aguardar o desfecho do depósito judicial. Ainda não sabemos se os mensais a partir de junho irão para depósito também.

Com a publicação poderei trabalhar a msg sobre o que for decidido.

OREMUS et AGUARDEMOS!”
Oremus, Rezemus et Aguardemus!!!
--

  17/06/2017 - 10:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134481 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C- 133473 - Ernesto José Rangel de Castro - Escreva a vontade, você olha o mundo com os olhos de DEUS e nos te olhamos com os corações abertos, transbordando de amor fraternal para que você e demais colegas tenham forças para continuarem lutando por um bem material que nos dará grande paz espiritual. Paz e muita saúde colega!

  17/06/2017 - 22:34 -   |   Responder/Comentar  |   




  134480 - José Roberto Barin   Campinas/SP

COM 134478. O termo correto não é que ele está solto, ele "ainda" não foi preso....

  16/06/2017 - 16:44 -   |   Responder/Comentar  |   




  134479 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

Caros colegas:

Nos últimos dias, levantei nos nossos grupos - e neste aqui também – fatos e ocorrências envolvendo o BANESPREV e a CABESP. Com relação à nossa Cabesp, está em andamento um ‘estudo’ para se fazer uma reforma do seu estatuto. E o preocupante nessa estória é que essa tal reforma não está sendo divulgada com a transparência que deveria ter. Afinal, os grandes interessados somos NÓS e, ao que tudo indica, estamos sendo tratados como ‘marido traído’ – aquele que é o ÚLTIMO a saber.
Desnecessário que eu fique aqui ressaltando a importância que BANESPREV e CABESP têm em nossas vidas. Infelizmente o que podemos constatar neste site – tão bem conduzido pelo Álvaro - é um desinteresse por questões que tenham a ver com estas duas instituições tendo em vista que, embora tenha eu levantado ocorrências que sinalizam estarem as mesmas ‘sofrendo ameaças’, não há nenhuma repercussão nos comentários aqui postados. Até parece que os colegas não se deram conta de que BANESPREV e CABESP significam as duas coisas que são ‘vitais’ para nós, e pelas quais temos que nos manter em constante ‘estado de alerta’: é do Banesprev que vem o nosso sagrado pagamento, e é da Cabesp que vem o nosso atendimento médico/hospitalar.
No Face, em alguns grupos de banespianos, o debate em cima desses temas vem tendo uma boa participação. Que, aliás, considerando-se a sua relevância, deveria ser ainda maior. Contudo, fica ali mostrado o interesse da nossa comunidade. E é através desse debate e dessa participação que as informações e os esclarecimentos vão surgindo de tal forma que nós, informados e esclarecidos, possamos ter melhores condições de cobrar das nossas Associações.
E o ‘Apdobanespa’ tem tudo para ser mais uma ‘trincheira’ na luta pela defesa da nossa CABESP e do nosso BANESPREV.
Por que não usá-lo?

  16/06/2017 - 13:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134478 - alis diba   são pedro do turvo/sp

Nonato, E o chefão da quadrilha está solto.

  16/06/2017 - 13:01 -   |   Responder/Comentar  |   




  134477 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Cada povo tem o governo que merece. O brasileiro sabe disso, pois ninguém reclama do que esta acontecendo. Ainda estão preocupados com o PT. Incrível.

  16/06/2017 - 12:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134476 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Olha, pelo jeito, o PT aguarda apenas mais um fato novo que piore ainda mais a situação e aí lançar o "volta Lula". O pior é que pode dar certo, afinal é o único que não sabia de nada. O TSE teria sido a sopa o mel. Vamos aguardar sem duvidar, pois como de há muito se diz, "cada povo tem os governantes que merece". Nonato-Teresina.

  16/06/2017 - 09:32 -   |   Responder/Comentar  |   




  134475 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Olha, pelo jeito, o PT aguarda apenas mais um fato que piore ainda mais a situação e aí lançar o

  16/06/2017 - 09:21 -   |   Responder/Comentar  |   




  134474 - Antonio Emanuel Augusti   PENAPOLIS

Parabéns,Mencarone.Já alguns, muitos , anos se passaram desde quando junto trabalhamos aí em Taquaritinga.Boas lembranças da turma toda...Felicidades e bênçãos de Deus a vc, Bena e familia.Abçs.

  16/06/2017 - 08:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134473 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Prezados Banespianos de todas as crenças,religiões,saude a todos.Talvez este não seja o FORUM,mas senti vontade de escrever:
Hoje é o dia da introdução da eucaristia nas manifestações da igreja catolica,através da hóstia sagrada que representa o corpo e sangue de nosso irmão Jesus Cristo "CORPUS CRISTI",o verbo de Deus,seu unico filho que veio ao mundo,através da sempre Virgem Maria,que concebeu sem pecado Deus Filho e que nos amou intensamente dando-nos a propria vida para nossa salvação,e nós o sacrificamos na cruz.Mesmo assim Jesus deixou o Espirito Santo para nossa proteção e é através da invocação do Espirito Santo que devemos buscar nossa salvação.Existe sim o Bem e o Mal e temos o livre arbitrio para escolher nos aliarmos aos amigos do mal ou aos amigos do bem.Eu manifesto sempre o desejo de escolher o bem e abandonar o mal,embora ambos existam em mim e nos seres humanos,que nada mais precisam do que saber escolher entre eles.Nosso corpo,nossa alma e nosso espirito são bens que recebemos de Deus e a Ele devemos dedica-los e entregar de volta a Alma e o Espirito.Deus seja louvado,Amem.

  16/06/2017 - 23:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134472 - Walter Aby-Azar   Sorocaba-SP

Parabenizo o meu amigo de longa data Roberto Leal Rosa.Que você tenha não só no seu aniversário,mas em toda a vida,muita SAUDE,sem CONFLITOS e suficiente DINHEIRO para viver sem grandes dificuldades.Se você puder entre em contato comigo.Meu email é wabyazar@hotmail.com.

  16/06/2017 - 21:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134471 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Gostaria de mandar um forte abraço com muito carinho ao colega Mencarone de Taquaritinga, pelo seu aniversário. Desejo muita saúde, paz e muita alegria ao lado da Dna.Bena.
Jamais esquecerei o quanto vc. me ajudou quando passei por Taquaritinga. Não consigo pagar nesta encarnação.
Um grande abraço.
Carlos Zitelli

  15/06/2017 - 19:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134470 - alis diba   sao pedro do turvo

Cabesp, IGP DI, gratificaçoes. Nao conheço os assuntos profundamente, mas, o que os colegas decidirem, estarei disposta a colaborar, no que for de meu alcance.

  15/06/2017 - 19:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134469 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caros Ernestão da gema, não optante a nada, José Milton e demais colegas, saúde, realmente, como ficou claro no com. do nobre advogado, o Agravo de Instrumento 19497, de 24.08.2015, do Banesprev, encontra-se, desde 25.08.2016 no STJ, sob nº AREsp 976598, nas mãos do min. Og Fernandes, desde 22.05.2017, conclusos para julgamento. Em 25.05.2017 o MPF foi intimado eletrônicamente. Mas não podemos esquecer que neste imbróglio, pendenga, novela do IGP-DI, ainda estão pendentes de julgamento a ação de Cumprimento Provisório de Sentença, da Afabesp, nas mãos do juiz da 9ª Vara Federal e os Agravos de Instrumento, 19510, do Satãder, e do Agravo da Afabesp, que tenta ressuscitar a 1ª Tutela Antecipatória, de 29.04.2013, nas mãos do des. fed. Nelton dos Santos. Então, como vemos, a coisa tá feia, o meio de campo tá muito embolado, o trem não anda, não desenrola, não ata nem desata, e, enquanto isso, nosso algoz deita e rola e não paga ninguém .....Abs,

  15/06/2017 - 16:27 -   |   Responder/Comentar  |   




  134468 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP


Buemba! Buemba! Existe mesmo uma reforma estatutária da Cabesp em andamento

A estória foi mais ou menos assim:
Em 13 de junho, a Afubesp, falando da sua visita de boas vindas à nova presidente da Cabesp, informou no seu site que “está sendo estudada uma reforma estatutária na Cabesp”. Antes, em 24 de maio, a Afabesp, comentando a sua visita com igual motivo, não fez referência a esse fato. Pois bem, poderia estar sendo aí delineado um processo que tem a ver diretamente com cada um de nós, banespianos, até porque tudo que diga respeito à Cabesp é do nosso maior interesse. E, curioso como sempre fui, resolvi perguntar às duas: à primeira porque parecia saber de algo sobre o qual apenas fez uma ‘insinuação’, e à segunda que, se sabia, não queria falar.

Ao que tudo indica, perguntei nos ‘lugares errados’ (Afubesp e Afabesp), e a resposta acabou vindo do ‘lugar certo’ (Abesprev). Aconteceu que o presidente desta última, Marcos Pinto, espontaneamente se manifestou num dos nossos grupos do Face, trazendo-nos então os necessários e devidos esclarecimentos sobre este assunto, o qual, repito, é do nosso maior interesse. Comunicou ele que a sua entidade (Abesprev), também em visita à nova presidente, obteve dela a informação da “existência de uma comissão composta de gestores e funcionários da Cabesp que está trabalhando na elaboração de proposta do Estatuto Social da Cabesp, modernizando sua redação à atual realidade”. Informou ela ainda que “vai submeter o texto final às três entidades (ABESPREV, Afabesp e Afubesp)”.

Tudo bem. Se não era sabido antes, como colocou a Afubesp no seu site, agora sim todos – ou pelo menos os que me estão lendo – sabemos que está em andamento o processo de reforma do estatuto da (nossa) Cabesp. A questão que ora se nos impõe é se vamos assistir passivamente a esse processo conduzido por pessoas que não sabemos até ponto estarão comprometidas com os nossos reais interesses ou se vamos fazer alguma coisa, tipo RECLAMAR, COBRAR ou até mesmo EXIGIR.

A verdade é que são inúmeras as dúvidas que nos acodem com relação a esse ‘estudo’, e uma delas reside no fato de estar sendo ele levado por pessoas sobre as quais não temos condições de avaliar sejam elas as mais indicadas para tão relevante – para nós, sobretudo – função. Quem seriam esses ‘gestores’ e esses ‘funcionários’ da Cabesp? Quais as qualificações deles?

Outra pergunta que não quer calar: Por que os nossos representantes eleitos para a Cabesp não estão participando desta reforma?
Eles tinham que estar lá, acompanhando ‘pari passu’ todo o processo, opinando, sugerindo, fazendo, enfim, o papel para o qual foram eleitos.

Outra coisa: Por que nós, os associados fundadores da Cabesp, não estamos também sendo ouvidos?

Ficar apenas esperando que o texto final, já prontinho e alinhavado, seja levado à apreciação das nossas entidades, decididamente, não é o correto. E se for isso, e tão somente isso que esteja realmente acontecendo, então, ESTÁ TUDO ERRADO! E alguma coisa tem que ser feita para mudar essa situação!





  15/06/2017 - 15:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134467 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

RESPONDENDO AO COLEGA ERNESTO RANGEL DE GUARATINGUETÁ, O QUE POSSO DIZER É QUE
O DESEMBARGADOR (RELATOR) DEVE DAR ALGUM DESPACHO, QUE PODE SER PARA ALGUEM CUMPRIR ALGO, OU QUE SEJA TOMADA AlGUMA ATITUDE DAS PARTES,DECIDIR PODE DESDE QUE ESTEJA DENTRO DOS PARAMETROS DA LEI, PRAZO TAMBÉM EXISTE, MAS NEM SEMPRE SÃO CONSIDERADOS, POIS ALEGAM QUE POSSUEM MUITOS PROCESSOS A SEREM DESPACHADOS. O desembargador só vai poder determinar alguma coisa ao Juiz da nona vara, só depois que for resolvido a pendência da apelação (recurso que foi feito pelo Banco e que esta no STJ). Como quem tem acesso aos processos e que estão a par de toda situação é o advogado contratado pela AFABESP, que é o DR PIZA, portanto para dar informação mais precisa e com certeza, só falando com ele mesmo, pois o próprio departamento jurídico da AFABESP, quando precisa saber alguma coisa tem que falar com ele, portanto, já esperamos quinze anos, pois, o processo iniciou se em 2002, e o jeito é aguardar, mais um pouco quem sabe até setembro ou outubro podemos ter algum resultado.Sei que não posso deixa lo tranquilo, mas é o que posso esclarecer por enquanto.Abraços

  15/06/2017 - 13:13 -   |   Responder/Comentar  |   




  134466 - Gamaliel André   Guarulhos /SP

Respondendo ao colega 134465 - Ernesto José Rangel de Castro - Guaratinguetá posso me incluir entre esses 10.000 ? Tenha a certeza que muitos estarão atentos as resposta a resposta do nosso Dr.Milton.Aceite um grande abraço.

  15/06/2017 - 13:05 -   |   Responder/Comentar  |   




  134465 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Caro Causidico,Banespiano de quatro costados,nosso lider juridico Dr José Milton,muita saude para o amigo.
Desculpe-me a ignorancia e ser um analfabeto juridico,mas pergunto:
Sobre o IGPDI conforme seu comentario 134458,processo 00113035420024036100:
14.06.2017 consta lá: Concluso ao relator des,Nelton dos Santos.
O que isso quer dizer???
O desembargador pode decidir algo??
Se pode quais as possibilidades?
Existe prazo para essa decisão do desembargador?
Existe ou não a orientação(não sei se é este o termo)para que o Juiz da Vara de Origem (Nona Vara se não me engano)determine o deposito judicial dos atrasados e tambem mande em dez dias corrigir a nossa complementação em 41% calculados pelo amigo Orly Guerra?
Sei que não sou reporter,mas pareço devido a tantas perguntas,mas acho que tem mais de 10000 colegas querendo saber as mesmas coisas.
Se tiveres tempo e puder,por favor responda com toda sua capacidade de fazê-la.
Ernestão,não optante a nada,pre 75.

  15/06/2017 - 12:32 -   |   Responder/Comentar  |   




  134464 - Angelo Giacomeli   Laranjal Paulista-SP

SEI QUE NOSSA JUSTIÇA É LENTA E "IMPRECISA". HA TEMPOS CREIO NÃO RECEBEREI EM VIDA O QUE ME É DEVIDO, MAS APÓS AS ULTIMAS ATITUDES / SENTENÇAS DOS MAGISTRADOS EM TEMAS QUE MUITA GENTE CONCORDA SER A ESPERADA E NECESSÁRIA, ESPERO QUE PELO MENOS MINHAS NETAS RECEBAM MEUS DIREITOS.

  15/06/2017 - 12:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134463 - Angelo Giacomeli   Laranjal Paulista-SP

SEI QUE NOSSA JUSTIÇA É LENTA E "IMPRECISA". HA TEMPOS CREIO NÃO RECEBEREI EM VIDA O QUE ME É DEVIDO, MAS APÓS AS ULTIMAS ATITUDES / SENTENÇAS DOS MAGISTRADOS EM TEMAS QUE MUITA GENTE CONCORDA SER A ESPERADA E NECESSÁRIA, ESPERO QUE PELO MENOS MINHAS NETAS RECEBAM MEUS DIREITOS.

  15/06/2017 - 12:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134462 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134449 - Raimundo Nonato da Silva - Nonato, você fala de um jeito como se ainda fossemos jovens. Sempre onde passei eu liderei, um dom que felizmente eu sempre tive, mas hoje com 75 anos eu não tenho mais disposição e nem condição de liderar. Como nosso pessoal está em um nível de idade mais ou menos neste patamar e ainda temos que considerar a distância que nos separa, acredito que se torna muito difícil algum de nós assumir esse posto.

  15/06/2017 - 21:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134461 - LUIZ GUERINO FRANCHI   Taquaritinga, São Paulo, Brasil

JOAO ALBERTO MENCARONE
PARABENS PELO ANIVERSÁRIO MUITAS FELICIDADES E MUITOS ANOS DE VIDA

  15/06/2017 - 21:19 -   |   Responder/Comentar  |   




  134460 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Colegas Armando, Valdomiro e demais, há anos tenho enviado mensagens para Juízes e Ministros que estão com nossos processos ou já os tiveram em mãos.

Mas, vou preparar novamente mais um texto conforme indicado por vocês.
--

  14/06/2017 - 20:13 -   |   Responder/Comentar  |   




  134459 - Armando Candido Borges   Vinhedo sp

Caro Galvão,

Muito obrigado por sua atenção.
Penso que nas atuais condições do País e a idade um tanto avançada da maioria , podemos e devemos apelar para todos com todas as armas pois não temos mais nada a perder ...
- Penso que o texto minuta deveria ser enxuto e claro na medida do possível contendo, não necessariamente nessa ordem :
1- Numero das ações (Gratificações e IGPDI)
2- datas e etapas ( ou talvez somente a inicial)
3- dizer que os títulos eram inegociáveis e o Senado (?) ou outro liberou
4 - dizer que foi colhido assinaturas para implantação de uma CPI mas o Presidente da Câmara Maia a engavetou ...
5 – dizer do cálculo que o Orly faz sendo o valor dos títulos aplicados à mercado.
6 – A meu ver deveríamos ou poderíamos enviar primeiramente ao próprio satan como uma advertência ...
7 – Modificando os cabeçalhos de endereçamento poderíamos enviar para Repartições ( MPF STF CVM – esta a meu ver importante pois é a xerife do mercado acionário e pode bloquear a venda de ações em bolsa)
8 – Cada banespiano que quiser participar poderá enviar aos deputados e senadores de suas regiões assinando individualmente ...
9 – ninguém deverá se preocupar ou intimidar-se pois estaremos fazendo apenas um pedido de investigação , sendo que cada um poderá efetuar alterações conforme sua consciência ...p
10 – Podemos nos identificar aqui como já foi dito de “Força Banespiana” ...

Um abraço
Armando Borges

  14/06/2017 - 17:34 -   |   Responder/Comentar  |   




  134458 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP


Número (CNJ, 20 dígitos)
0011303-54.2002.4.03.6100
Processo
2002.61.00.011303-5
Número de origem
2002.61.00.011303-5
Classe
860969 AC - SP
Vara
9 SAO PAULO - SP
Data de autuação
26/02/2003
Partes
Nome
Apelante ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP
Advogado JOAO ROBERTO EGYDIO PIZA FONTES
Apelado(A) OS MESMOS
Relator
DES.FED. NELTON DOS SANTOS
Assuntos
Descrição
Assunto Licenças - Atos Administrativos - Direito Administrativo e outras matérias do Direito Público
Detalhe 1++ AÇÃO CIVIL PÚBLICA
Órgão julgador
TERCEIRA TURMA
Localização
SUBSECRETARIA DA TERCEIRA TURMA (GR)
Endereço
AV. PAULISTA, 1842 - 16º ANDAR - TORRE SUL
Número de volumes
15
Número de páginas
3496
Número de caixa
0
Peticões
Número Tipo Parte Entrada Data de juntada
2003069191 MANIFESTAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 03/04/2003 11/04/2003
2004026219 MANIFESTAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 16/02/2004 19/02/2004
2005190641 REQUER PRIORIDADE TRAMITAÇÃO MPF 16/08/2005 19/08/2005
2005230688 ADIAMENTO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 26/09/2005 05/10/2005
2005231139 DESISTÊNCIA ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 27/09/2005 05/10/2005
2005232425 SUBSTABELECIMENTO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO S/A BANESPA 28/09/2005 05/10/2005
2007110513 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 23/04/2007 05/06/2007
2009100701 SUBSTABELECIMENTO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 28/05/2009 17/06/2009
2009105366 RECURSO ESPECIAL ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 03/06/2009 17/06/2009
2009140322 RECURSO EXTRAORDINÁRIO MPF 22/07/2009 29/07/2009
2009141137 RECURSO ESPECIAL MPF 23/07/2009 29/07/2009
2009199578 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) BANCO SANTANDER S/A 07/10/2009 12/10/2009
2009199579 DOCUMENTOS BANCO SANTANDER S/A 07/10/2009 12/10/2009
2009199580 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) BANCO SANTANDER S/A 07/10/2009 12/10/2009
2009210932 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) BANCO SANTANDER BRASIL S/A 22/10/2009 29/10/2009
2010016438 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) Banco Central do Brasil 01/02/2010 09/02/2010
2010038028 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) Uniao Federal 03/03/2010 15/03/2010
2010038147 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) Uniao Federal 03/03/2010 15/03/2010
2010038149 CONTRA-RAZOES (RE/RESP/RO) Uniao Federal 03/03/2010 15/03/2010
2012133014 CÓPIAS DE PROCESSO ELETRÔNICO OF 16301/12 CD2T - STJ 25/06/2012 27/06/2012
2012249006 CÓPIAS DE PROCESSO ELETRÔNICO STF 14/11/2012 14/11/2012
2016091762 OFÍCIO OF 166/2016- 9VF/SP 20/04/2016 25/08/2016
2016091790 OFÍCIO OF 177/2016- 9VF/SP 20/04/2016 25/08/2016
2016150358 VISTA DOS AUTOS MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 07/07/2016 25/08/2016
2017106289 MANIFESTAÇÃO BANCO SANTANDER S/A 29/05/2017 09/06/2017
************************************************************************************************************************************
Fases
Data Descrição Documentos
14/06/2017 CONCLUSOS GUIA NR.: 2017113522 DESTINO: GAB.DES.FED. NELTON DOS SANTOS -
************************************************************************************************************************************
14/06/2017 RECEBIDO DO GABINETE PARA VISTA ADVOGADO -
09/06/2017 CONCLUSOS AO RELATOR GUIA NR.: 2017110508 DESTINO: GAB.DES.FED. NELTON DOS SANTOS -

  14/06/2017 - 15:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134457 - mariano perez martins   sao jose do rio preto sp

BOA TARDE AMIGOS----Estimado colega ORLY e demais leitores do saite---em absoluto, quis ofender ou denegrir o texto do ELIEL. SO sugeri que poderia ser mais curto e mais facil para ler.

  14/06/2017 - 14:56 -   |   Responder/Comentar  |   




  134456 - Valdomiro Moreira Silva   São Paulo sp

134453-Orly: na minha modesta opinião o texto, com umas poucas pinceladas retratando o quadro de até penúria entre nós ( tempo da ação, idade avançada dos Banespianos, morte quase que diária de um colega, mais de 1/3 falecidos desde o seu início e roubados em nossos legítimos direitos), deveria ser encaminhado aos 11 Ministros do STF, Janot e a quem mais julgue conveniente. Pode não acontecer nada, mas, pelo menos saberão do quadro real que todos nós nos encontramos , escrito por alguém estranho ao meio jurídico , tentando em outras palavras dar um grito e um basta a tantos engavetamentos de nossos processos (cada pedido de vistas de 1 ano resulta na morte de 250/300 colegas). Colegas do meio jurídico dirão que isso tudo seria besteira e abobrinhas! Paciência... é assim que penso.

  14/06/2017 - 14:55 -   |   Responder/Comentar  |   




  134455 - INFORMATIVO - ICMS na conta de luz: como calc   SÃO PAULO

COPIA - JUSBRASIL
ensina a calcular a restituição, com detalhes...

Acesse -----> https://alestrazzi.jusbrasil.com.br/artigos/419809729/icms-na-conta-de-luz-como-calcular-acao-de-restituicao?utm_campaign=newsletter-daily_20170119_4702&utm_medium=email&utm_source=newsletter

  14/06/2017 - 13:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134454 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

MUITA ATENÇÃO PARA QUEM PRECATÓRIOS A RECEBER
********************************************************************
PROCUREM SEUS ADVOGADOS E CORRAM ATRÁS
**********************************************************************************************************************************
Câmara aprova projeto que cancela precatórios não sacados há dois anos Com a aprovação da proposta, o governo federal espera reforçar os cofres da União com R$ 8,6 bilhões Luis Macedo/Câmara dos Deputados Ordem do dia para análise, discussão e votação de diversos projetos. Presidente da Câmara, dep. Rodrigo Maia (DEM-RJ)
Plenário aprovou destinação de 20% do valor cancelado à manutenção do ensino e 5% ao programa de proteção de crianças ameaçadas de morte O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (13) o Projeto de Lei 7626/17, do Poder Executivo, que cancela os precatórios e as Requisições de Pequeno Valor (RPV) federais depositados há mais de dois anos em banco federal se eles não tiverem sido sacados pelos beneficiários. A matéria, aprovada na forma de um substitutivo do deputado José Carlos Aleluia (DEM-BA), será enviada ao Senado.******************************************
*****************************************************************
A proposta, entretanto, não extingue de forma definitiva o direito do credor, pois abre a possibilidade de expedição de novo precatório ou RPV a requerimento do beneficiário, mantendo a mesma posição antes ocupada na ordem para pagamento.********************
******************************************************************
De acordo com o substitutivo de Aleluia, relator pela Comissão de Finanças e Tributação, pelo menos 20% do valor cancelado será destinado à manutenção e ao desenvolvimento do ensino e outros 5% serão destinados ao programa de proteção de crianças adolescentes ameaçados de morte (PPCAAM).
*****************************************************************
No caso de os credores serem entes da administração direta ou indireta e fundacional, o máximo a ser reservado do montante principal para o pagamento de honorários advocatícios contratuais será de 2%.******************************************************
Ação popular :
O texto permite ao Poder Judiciário contratar, com dispensa de licitação, banco oficial federal para gerir os recursos destinados ao pagamento de precatórios. A remuneração obtida com a gerência desses recursos, durante os dois anos que permanecerão à disposição do beneficiário, será considerada receita e deverá ser recolhida em favor do Poder Judiciário, descontada a parte devida ao credor da União.*********************************************
***************************************************************
A Justiça poderá usar até 10% dessa remuneração para pagar perícias em ação popular.
*****************************************************************
ÍNTEGRA DA PROPOSTA:
PL-7626/2017 ***************************************************

  14/06/2017 - 13:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134453 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Colegas Banespianos, aproveitando o texto do deputado Lúcio Vele, mandei para ele o seguinte:

excelentíssimo deputado Lúcio Vale, o texto sobre “CRIMINALIZAÇÃO DE CONDUTAS CONTRA IDOSOS” é muito bom; mas não creio que surtirá efeito na defesa dos direitos dos idosos. Ano após ano os idosos são afrontados, desacatados e usurpados seus direitos. Haja vista em relação aos IDOSOS APOSENTADOS DO EXTINTO-BANESPA, quando em 28 de novembro de 2001 o então presidente do TST, ALMIR PAZZIANOTTO, assinou um acordo entre o banco Espanhol SANTANDER (dono do BANESPA) e o sindicato de SÃO PAULO (ex-presidente VACCARI), e outros sindicatos de muitas capitais, mais CUT, FETEC e outros.
O SANTANDER impôs “REAJUSTE ZERO” por cinco anos (setembro-2001 a agosto-2006). Segundo a constituição não se pode reduzir salários e aposentadorias, ainda mais com ENORME SALDO PARA COBRI-LAS. O Santander se apossou dos rendimentos dos “Títulos Inegociáveis”, cujo valor na data da privatização (nov-2000) era de QUATRO bilhões, 141 milhões; correção pelo IGP-DI e Juros 12% a.a. O Saldo Atuarial hoje é de mais de 30 bilhões. De 2001 até hoje, o Santander reduziu o complemento que nos paga em 60%, além de usurpar o reajuste que o INSS dá todos os anos em janeiro. (em dezembro-2016 eu recebia do Santander R$ 3.641,61; em janeiro-2017 o banco reduziu para R$ 3.626,71, por causa do reajuste que o INSS me deu; simplesmente abocanhou o reajuste).
Das nossas MILHARES de ações individuais nenhuma teve sentença positiva no TST. Conseguimos Tutela Antecipada de uma ação coletiva de 2002 no TRF de SP, para pagar a partir de maio-2013. Mas, devido aos RE-PE-TI-TI-VOS recursos PROTELATÓRIOS do banco Santander, NÃO CONSEGUIMOS RECEBER NADA ATÉ AGORA! Com isso, esse banco pretende que o STF, quando for julgar esta ação, cancele a Tutela Antecipada. Por que o Santander, banco estrangeiro dentro do Território BRASILEIRO, consegue PROTELAR a execução das nossas ações?
O lucro LÍQUIDO que teve em 2016, de sete bilhões e 300 milhões (acho que foi muito mais – os banqueiros sonegam informações descaradamente); a maior parte desse lucro foi conseguido com aplicação do dinheiro dos aposentados, uma vez que o saldo é de mais de trinta bilhões.
Na realidade o banco ESPANHOL SANTANDER FAZ O QUE QUER NO BRASIL.
Por isso que não acredito nas ações a favor dos idosos brasileiros. São apenas mais normas para serem descumpridas, ou melhor, AFRONTADAS. Nada mais!!!
Gostaria de ter uma resposta ao acima exposto.
ORLY GUERRA
--

  14/06/2017 - 12:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134452 - Armando Candido Borges   Vinhedo sp

Caro Orly,

Sua resposta e atenção me alegra muito. Ainda estou esperando as palavras , ainda que contrárias , dos demais citados como Alvaro,Bosco, Galvão, Péricles e inclusive do Dr.Marcos Aurélio fundador e presidente da Abesprev ,que é um excelente negociador e da Zóia que embora não citada é muito ativa nesta luta e mantém uma página no Facebook destinada à nossa luta ... Penso que poderíamos fazer um texto mais ou menos como a publicação citada abaixo, talvez um pouco mais enxuto e objetivo acrescido de mais dados como número das ações (Gratificações e IGPDI) , datas e andamento ... Poderia ser enviado primeiramente e ou individualmente (a gosto) ao próprio Satan como uma advertência e às demais autoridades tais como : Ministério Publico, STF , CVM que é a xerife do mercado de ações , deputados e senadores (estes regionalmente)

Armando Borges

  14/06/2017 - 11:48 -   |   Responder/Comentar  |   




  134451 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134445 - mariano perez martins - sao jose do rio preto sp 13/06/2017 - 20:26 | Comentar | Ver Todos Comentários |

"BOA NOITE AMIGOS----ELIEL, apesar que talvez seus textos sejam interessantes, gostaria que voce fosse mais objetivo, e nao escrevesse uma biblia tao longa e entediante. obs---apenas uma sugestao".


Prezado Mariano, Banespiano da Gema, acho que você foi deselegante para com nosso colega Banespiano das Gema também, e não optante a nada, ELIEL.
O Eliel é um intelectual, e usa seu privilegiado intelecto para discorrer sobre qualquer assunto, já que é preparadíssimo em nosso vernáculo e cultura. Todos os intelectuais são verbosos e quando comentam algum assunto usam toda a sua capacidade vernacular; pode ser que ele tenha-se estendido um pouco, além do necessário para fazer-se entender, mas tal qualidade é dos pensantes como ele. Minha msg é porque Eliel nunca tratou qualquer de nós com desigualdade. Sempre foi cortês, educado e até amável no trato com todos.

obs.: sei que Eliel não precisa de defensor, mas fiquei chateado quando li sua msg.
--

  14/06/2017 - 11:21 -   |   Responder/Comentar  |   




  134450 - Gilberto Pirolo   Ourinhos sp

Estou com o colega Mariano.
Vamos expressar nossos pensamentos,opiniões e sugestões de modo
sucintos e objetivos.Escritos longos,embora muito bem feitos quan-
to a sua grafia, gramática e conteúdo de grande sabedoria não se-
rá lido por uma grande maioria dos colegas, inclusive eu.
Abraços Pirolo.

  14/06/2017 - 11:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134449 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Sobre as ideias (algumas boas), que surgem neste site para ajudar na solução de nossos problemas não sei o que é mais rápido, se o surgimento ou o enterro sem que qualquer delas seja colocada em prática. O motivo, repito, é que está faltando liderança embora sobrando caciques. Nonato-Teresina.

  14/06/2017 - 09:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134448 - INFORMATIVO   Brasilia

-------------------------> MUITO IMPORTANTE <-------------------
---------------------------> COPIA <-----------------------

http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/DIREITOS-HUMANOS/536283-COMISSAO-APROVA-CRIMINALIZACAO-DE-CONDUTAS-CONTRA-IDOSOS.html?utm_campaign=boletim&utm_source=agencia&utm_medium=email

CÂMARA NOTÍCIAS

Administração Pública
Direito e Justiça
Política
Segurança
trabalho e previdência
TODOS

Facebook
Twitter
E-mail
Direitos Humanos
13/06/2017 - 16h11
Comissão aprova criminalização de condutas contra idosos

Texto também aumenta pena para crimes já previstos no Código Penal. Proposta ainda será analisada pela CCJ e pelo Plenário

A Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa aprovou o Projeto de Lei 7350/17, do deputado Lúcio Vale (PR-PA) e outros, que criminaliza cinco condutas contra idosos e aumenta penas de crimes já previstos no Código Penal (Decreto-Lei 2.848/40). O texto foi feito a partir de discussões do Centro de Estudos Estratégicos (Cedes), da Câmara dos Deputados, do qual Vale é presidente.
DELEGADO WALDIR
Delegado Waldir: projeto contribui para a proteção das pessoas idosas

A proposta inclui no Estatuto do Idoso (Lei 10.741/03) os seguintes crimes:
- deixar de dar atendimento preferencial a idoso (pena: reclusão de 6 meses a 1 ano e multa);
- deixar de comunicar à autoridade responsável negligência ou discriminação contra idoso (reclusão de 6 meses a 1 ano);
- fraudar cadastro ou laudo para prejudicar idoso (reclusão de 2 a 5 anos e multa);
- negar ao idoso internado direito a acompanhante (reclusão de 6 meses a 1 ano e multa); e
- deixar de notificar violência contra idoso (reclusão de 2 a 5 anos e multa).

O relator na comissão, deputado Delegado Waldir (PR-GO), ressaltou que o projeto estabelece normas para a proteção aos direitos das pessoas idosas e, por isso, merece ser aprovada.

Aumento de pena
O texto muda de 1/3 para 2/3 o aumento de pena para o caso de homicídio doloso – quando há intenção – contra menor de 14 ou maior de 60 anos, previsto no Código Penal. Também estabelece elevação de 1/3 para pena de homicídio culposo contra essas pessoas.

No caso de violência doméstica praticada contra idoso ou menor de 14 anos, a pena sobe de 3 a 12 meses de detenção para 4 a 16 meses. Atualmente, a pena é aumentada apenas em crime contra pessoa com deficiência.

O projeto também eleva em 1/3 a pena, de 3 a 12 meses de detenção, para quem exige cheque-caução ou outra garantia para atendimento médico de emergência de idoso, pessoa com deficiência ou menor de 14 anos.

Tramitação
A proposta ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (inclusive quanto ao mérito), antes de seguir para o Plenário.
Íntegra da proposta:

PL-7350/2017

Reportagem – Tiago Miranda
Edição – Marcelo Oliveira

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura Agência Câmara Notícias

  14/06/2017 - 23:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134447 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Ter, 13 de Junho de 2017 11:20
Precatórios: depósitos judiciais contribuem para o fim do “calote oficial”

Recente decisão do ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, deixou os credores de precatórios alimentares mais otimistas quanto ao recebimento efetivo de seus créditos no prazo máximo de cinco anos (até 2020). Em medida cautelar, proferida no último dia 7 de junho, Barroso considerou constitucional o uso dos depósitos judiciais para pagamento dos precatórios, nos termos da Emenda Constitucional 94/2016.


Lembro aos clientes e leitores desse nosso Blog que a citada Emenda permitiu, entre outras medidas, que fosse utilizada parte dos depósitos judiciais para o pagamento dos precatórios. Depósitos judiciais são valores que ficam sob guarda da Justiça em função de certas ações judiciais envolvendo o Estado (União, estados, Distrito Federal e municípios) ou envolvendo particulares (pessoas físicas e jurídicas). Quando é proferida a sentença definitiva, o valor retido é transferido para a parte vencedora do processo.


A EC 94/16 permitiu que fossem destinados ao pagamento de precatórios 75% dos depósitos judiciais em que o Estado é parte. E permitiu também o uso de 20% dos demais depósitos judiciais. A Emenda estipulou duas condições para a utilização desses recursos: que fosse criado, previamente, um “Fundo Garantidor”, de modo a assegurar o pagamento que couber às partes vitoriosas nos processos, e que o dinheiro fosse destinado para uma conta especial, sem passar pelo tesouro dos entes federativos.


A Procuradoria Geral da República (PGR) entendeu, no entanto, que o uso dos depósitos judiciais para pagamento dos precatórios implicaria em risco para o sistema, comprometendo a capacidade de pagar os valores retidos preventivamente nos processos, que já teriam sido destinados ao pagamento de precatórios. Com base nesse entendimento, a PGR entrou com a ADIN (Ação Direta de Inconstitucionalidade) de nº 5.679 junto ao Supremo Tribunal Federal considerando inconstitucional a Emenda 94/2015.


Contrariando a posição da PGR, o ministro Barroso manteve o entendimento de que a citada Emenda é constitucional e que o uso dos depósitos judiciais não coloca em risco esse sistema de pagamento. Luís Roberto Barroso explicou que a criação do “Fundo Garantidor” é suficiente para manter em estado de solvência o sistema dos depósitos judiciais, através do uso de 20% dos depósitos em que o Estado não faz parte e de 75% dos demais depósitos.
A decisão do ministro, ainda que em caráter cautelar, reforça o otimismo dos credores alimentares e de seus advogados. Tal providência, sustentou Barroso em sua decisão, contribui para encerrar a “atual situação de calote oficial” envolvendo os precatórios.


Estaremos todos vigilantes para que, de fato, os depósitos judiciais sejam utilizados exclusivamente para o pagamento dos precatórios, sem pagar sequer perto dos tesouros oficiais sob o risco de que os governantes lancem mão deles para destiná-los a outros fins.


Esta é a mais recente boa notícia que agora compartilhamos com nossos clientes e leitores. Até a próxima!


Antônio Roberto Sandoval Filho
Sócio-fundador da Advocacia Sandoval Filho

  14/06/2017 - 23:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134446 - Antônio Pelegrino   Cafelândia

Falando em objetividade, quem devemos cutucar para desacordar nossa Ação do IGP-DI, será que essa esperança também é verde como o Palmeiras e está ficando para atrás.

  14/06/2017 - 22:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134445 - mariano perez martins   sao jose do rio preto sp

BOA NOITE AMIGOS----ELIEL, apesar que talvez seus textos sejam interessantes, gostaria que voce fosse mais objetivo, e nao escrevesse uma biblia tao longa e entediante. obs---apenas uma sugestao.

  13/06/2017 - 20:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134444 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caros colegas, inicialmente, peço desculpas por não saber que o que propus já fora feito por alguns dos nossos colegas. Os Advogados não nos recebem. Quanto a Afabesp eu mesmo já tentei e também não consegui. Com a ajuda de um colega de SP que tem um genro numa função executiva no Sistema Bandeirante de Comunicações, nos foi permitido, desde que a Afabesp, solicitasse um encontro com a equipe de Jornalismo do Programa Canal Livre, para que seja feita uma bate-bola com os Jornalistas e com a Afabesp. Cheguei, eu mesmo rascunhar a carta para Afabesp. Fui até lá, conversei com um dos Advogados por uma hora, mas nada fora feito e nem uma resposta a respeito. Sinto muito, temos que esperar. Então busquei meu livrinho de o culto devocional de hoje e após ler Isaías 55, li no livrinho:
O Atestado para o futuro
Nossa vida é feita de muitos sonhos. Uns se realizam e outros se desvanecem. Tendemos a pensar que os sonhos não realizados não valeram a pena. Sonhos não realizados dão lugares a outros sonhos. Sonhos frustrados podem ser o início para aqueles sonhos que se realizarão, podem ser como túneis de um labirinto que se abrem para luz. Os sonhos são importantes por si mesmos. Imaginar, preparar, conceber, ver....sonhar é para todas as idades. Quem sonha carrega sua identidade viva na alma ! Se é para termos sonhos que sejam grandes ! Uma obra real é uma coletânea de sonhos: grandes, pequenos, médios, realizados completos ou parcialmente ou frustrados completos ou parcialmente. Assim, da próxima vez que subirmos as escadas para uma viagem de avião, tentemos imaginar os milhares de sonhos que antecederam a aviação moderna. Cada peça que agora sustenta a pesada máquina no ar nasceu como sonho. Cada procedimento foi primeiramente imaginado. A possibilidade de um ser humano voar começou impossível !!
Ainda hoje temos sonhos impossíveis que no futuro tornar-se-ão banais. Se moramos numa casa própria, lembre-se de que ela começou com um sonho. Todos precisamos sonhar ! Crianças e jovens normalmente sonham. Sonhar deve ser também normal para pais, avós, avôs e bisavós e bisavôs, enquanto viverem !
Quem sonha porta um atestado de bom futuro.

  13/06/2017 - 20:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134443 - Aristides Martins   Tupã-SP

Por obséquio gostaria que me informassem se o Nome ; ARISTIDES MARTINS que consta na relação MAIO de A a J ref a PRECATÓRIOS
é meu ou é de outro Aristides Martins.

  13/06/2017 - 16:33 -   |   Responder/Comentar  |   




  134442 - Aristides Martins   Tupã-SP

Por obséquio gostaria que me informassem se o Nome ; ARISTIDES MARTINS que consta na relação MAIO de A a J ref a PRECATÓRIOS
é meu ou é de outro Aristides Martins.

  13/06/2017 - 16:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134441 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

com. 437......Há evidências de que grandes Bancos..........
Sobre este assunto, Antonio Palocci já havia dito ao juiz Sergio Moro que se propunha a fazer delação sobre o sistema Financeiro e que iria dar trabalho de mais de um ano para a Policia Federal e Ministério Público. Seu acordo de delação Premiada está avançado com os investigadores da Lava Jato.

  13/06/2017 - 15:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134440 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

A NOSSA CABESP: REFORMA?

No mês passado (maio), a Afabesp informou no seu site que a sua diretoria foi recebida pela nova presidente da Cabesp, Maria Lucia Ettore do Valle, numa reunião muito cordial, em que foram levadas até ela os nossos cumprimentos assim como as nossas preocupações com respeito a “algumas pretensões do Santander que se chocam com os interesses dos associados”. Já a Afubesp relata hoje (13 de junho), no seu site, que a “Cabesp se aproxima das entidades banespianas”. Noticiou que a nova presidente recebeu os seus representantes, numa reunião que os deixou otimistas, quando - “em um gesto cortês – ela se apresentou para informar que está conhecendo a realidade da Cabesp e pediu apoio da representação neste processo”.

Até aí tudo bem, tudo ótimo. Muito bom esse diálogo com a nova presidente da (nossa) Cabesp. A nossa expectativa e o nosso desejo são que ele perdure sempre. E sempre nessa forma, forma de diálogo.

Até aí tudo bem. Só que não ficou apenas nisso aí. Teve mais coisa. Uma coisa que me deixou meio encucado. Foi o seguinte: No seu comentário, a Afubesp destacou a certa altura: “É sabido que está sendo estudada uma reforma estatutária na Cabesp”.

Pergunto, então: 1- Sabido por quem?
2- Que reforma é essa?
3- Para mudar o quê?

Se alguém sabia desse ‘estudo’, ou contou para muito pouca gente ou não contou nada para ninguém.

Entendo que temos todo o direito de cobrar, tanto da Afubesp como da Afabesp, que ‘mexam nesse doce’ e que abram o jogo. Se a Afabesp porventura não está sabendo de nada, que se manifeste e cobre conosco da Afubesp. E, se é só ela, Afubesp, que está sabendo, que nos esclareça. E urgente!!!

Só assim ficará realmente sabido por todos que está sendo estudada a tal reforma.
E, obviamente, estudada por quem?



  13/06/2017 - 15:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134439 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Desculpam-me, primeiro o Com. 437 e depois o 438. Abraços

  13/06/2017 - 14:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134438 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Continua....

Hoje, na Folha de São Paulo, coluna Mercado: “Itaú ameaça deixar negociações com JBS e cobrar R$ 1 Bilhão da empresa”. “Além de outras empresas o grupo possui: Alpargatas, Eldorado Celulose e a Vigor. O montante da dívida com os bancos: BB, Caixa, Bradesco, Santander e Itaú, chega a R$ 25 Bilhões. O Itaú segundo o Jornalista, está endurecendo o jogo e pode incomodar aos demais bancos”.
Seria bom que todos lessem a Medida Provisória 784 e compreendesse que os poderosos não só a mídia comercial e corporativas. Isto é: todos os segmentos econômicos possui seus Sindicatos, como os Bancos, as Empreiteiras, os Frigoríficos, as Empresas de Transportes e outras, elas agem em conjunto – em Corporações. Assim, infelizmente são as classes de profissionais, como os Auditores, Auditores Fiscais, os do Judiciário, os Poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário, defendem seus interesses. Ainda bem que há a PGR e a Polícia Federal, mas vencerá em setembro. Não se sabe quem substituirá o Janot, pode ser alguém que esteja em conluio com um dos Poderes e aí colegas a Lava-Jato acaba, muitas coisas podem acontecer. Infelizmente, como diz o nosso Nonato lá de Teresina, muita água pode rolar.
Infelizmente, colegas as forças corporativas governam este País e colocarão no poder quem eles quiserem, sempre foi assim, desde o Império. Nossa força são nossos Advogados, com eles é que devemos nos unir, mesmo que a Afabesp não queira, devemos formar um grupo de no máximo 10 pessoas, um bom número seria 7 e este grupo bem intencionado ir até ao Escritório deles, do Dr. Rua e do Dr. Piza e conversar com todo o respeito e cuidado para sabermos e nos inteirarmos das nossas possibilidades. Este grupo pode e deve ser formado de forma bem silenciosa. Permitam-me sugerir que o nosso colega Orly Guerra, caso aceite, seja um dos participantes, pois dos vivos, este tem feito quase que o impossível para nos defender. Outros dois, poderiam ser o Dr. José Milton e o colega Péricles.
Faltam somente quatro que podem se articularem e iniciar uma nova empreitada. Se Deus é por nós, ninguém será contra nós. Abraços.

  13/06/2017 - 14:16 -   |   Responder/Comentar  |   




  134437 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caros colegas, há tempos escrevi sobre a Ditadura da Informação, o poder dos poderosos. Escrevi também que há um Paradigma recorrente nos tempos atuais. Há algum tempo após os anos oitenta, vivíamos sob o Paradigma da Globalização, hoje se refere ao: Aceleração da Velocidade da Complexidade.
Neste Paradigma há implementações que os poderosos ditam para se protegerem. Ao ouvir o Relator do Julgamento no TSE, falar que estamos vivendo sobre o Regime da Plutocratização, e não ouvir a controvérsia do Presidente da Mesa, é fácil perceber que ele não sabia do que o Relator falara. Trata-se de qualidades de os poderosos saberem se articular, mascarando o processo da Democracia para defenderem seus interesses. O povo que morra, que sofra, já dizia o Professor Raymundo da Escolinha. A mesma frase fora pronunciada pelo presidente do TSE: “O povo quer a cassação, mas não merece”. Infelizmente o próprio povo é iludido por falácias dos próprios poderosos e chega a pensar que estes estão cuidando melhor da coisa pública. É lamentável.
Vejam bem: hoje no Jornal “O Globo” aqui do Rio de Janeiro, tem-se um Artigo de José Casado, nos Editoriais com o título : “ Comédia de alto Risco “ as folhas tantas argumenta: “Na sexta-feira, quando a petição de Mariz (criminalista Antônio Carlos) chegou ao Supremo, Temer completava a série de providências que vinha adotando discretamente desde a delação da JBS. Preparava-se para uma sequência de batalhas políticas e judiciais a partir dessa semana. Como previa, venceu a primeira, no Tribunal Superior Eleitoral, onde acabou absolvido por excesso de provas.
Enquanto isso, no Diário Oficial, o presidente estampava uma medida provisória (nº784) modificando 15 leis vigentes para, em caráter de urgência, restringir ao Banco Central e à Comissão de Valores Mobiliários futuros acordos de leniência de bancos, corretoras, seguradoras e empresas de auditoria, incluindo seu diretores, conselheiros e até auditores de balanços. O que vier acontecerá sob o sigilo e sob o controle estrito do BC e da CVM, decretou, pois “sua publicidade pode colocar em risco a estabilidade e a solidez do Sistema Financeiro Nacional, do Sistema de Pagamentos ou de pessoa mencionada. A urgência e o teor da decisão indicam que Temer prevê que algum banqueiro e sua instituição estejam na iminência de detonar uma “bomba” sobre corrupção no sistema financeiro cujos efeitos poderiam comprometer “ a estabilidade e a solidez “ de todo o setor. Há evidências de que grandes bancos e corretoras ganharam valiosas comissões para esconder dinheiro e realizar pagamentos de propinas – só a Odebrecht pagou US$ 1 Bilhão no país. Desde a crise bancária dos anos 90, nenhum governo havia recorrido ao argumento do “risco sistêmico” para justificar decisões de controle e fiscalização do setor financeiro. Temer, simultaneamente, mandou a Advogada-Geral da União requisitar à Justiça "compartilhamento integral, ainda que sigiloso, dos autos de todos os processos” de investigações derivadas da Lava-Jato (codinomes Greenfield, Sépsis e Cui Bono e Carne Fraca), nas quais a JBS aparece envolvida. Àquela altura, fiscais da Receita e da CVM já realizavam nova devassa nos arquivos do grupo comandado por Joesley e seu irmão Wesley Batista.”

  13/06/2017 - 14:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134436 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Com 430: Caro Eliel, complementando o seu belo comentário, quero dizer que a mídia comercial corporativa , que é dominada por apenas , 6 famílias, também chamada de" o quarto Poder", vem atuando no Brasil não só nos regimes democráticos. O último partido que governou o país, pretendeu fazer a democratização da mídia e foi duramente achincalhado e tirado do poder. Um grande abraço.

  13/06/2017 - 12:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134435 - Armando Candido Borges   vinhedo

Caros Banespianos , “ conclamando os omissos e os acomodados para participarem conosco “


Tempos e tempos atrás com o início do fórum do Bosco , tínhamos aqui uma vibrante participação e vejam bem que àquela época ainda não tínhamos o martírio das ações de Gratificações e IGPDI , tampouco clausula 44 e Fundão .
Estávamos então no início da Internet e logo a seguir , pioneiramente o Álvaro de Bauru em boa hora criou o site ApdoBanespa com o mesmo objetivo de união e participação dos banespianos.
Logo a seguir e lamentavelmente começaram os debates políticos partidários , fato que afastou um grande número de banespianos dos debates nos quais me incluo .
Com a chegada do satan, habilmente nosso colega advogado da Jurid e grande banespiano Dr.Marcos Aurélio e seu grupo implantaram o Fundão , para o qual todos à época foram convidados , mas a maioria não aderiu por recomendação da Afa ... Importante dizer que tal fundo foi implementado e viabilizado com a necessária criação da Abesprev unindo e orientando a todos seus associados.
Hoje os “omissos e os acomodados” ressalvados os que já se foram esperam resignada e tristemente alguma palavra , alguma ação eficaz , algum plano de luta que nunca vem por parte de nossa Associação . Em um curso patrocinado pelo Banespa , nos bons tempos , denominado “Administração do Tempo” o monitor citou as sábias palavras de Seneca ... “Não há vento favorável para quem não sabe para onde vai ...” e assim no aguardo dessas decisões ,estamos todos nós ... já , como disse Raul Seixas na música “Ouro de Tolo”... “esperando a morte chegar” ...
Seus diretores o Presidente deveriam sim , a nosso ver , IR LÁ , conversar , agir e lutar politicamente mantendo-nos constantemente informados sobre o ocorrido.
Dias atrás conversamos aqui e no site do Alvaro sobre a criação de um grupo denominado “Força Banespiana” para simplesmente ir a São Paulo conversar primeiramente com a AFA e apareceram apenas 3 interessados ... sugerí ainda que fizéssemos uma pequena arrecadação para pagar as despesas dos que residem mais longe no sentido do ressarcimento de despesas de viagem, através do site e do fórum e não recebemos pelo menos uma palavra de seus responsáveis , ainda que para discordar ...
O site do Álvaro , parece-me ser muito bem dirigido , assim como o fórum do Bosco que também é um site . Temos colegas outros que fizeram páginas no Facebook que também são sites. A meu ver daqui para a frente o caminho , mesmo para os partidos políticos , será ter um site atuante em que seus participantes unidos façam suas reivindicações , mas para tanto deveremos sim comparecer com uma pequena contribuição mensal .. No momento somos todos zumbis cada um escrevendo em um veículo sem nenhuma coordenação. Para onde vamos em nossa luta ?
Tempos atrás sugeri também aqui que os colegas inscrevessem-se no Twitter para que juntos pudéssemos melhor participar retwitar e pressionar mas, também, a repercussão foi mínima. As grandes personalidades, os políticos e até o Papa são participantes nessa modalidade.
Ao final de mais este desabafo , gostaria de sugerir aos nossos bravos lutadores Orly,Péricles,Galvão e outros mais que puderem e não me ocorrem no momento que façam uma minuta de texto com dados , números etc.. e que possam ser complementados e assinados pelos demais colegas a serem enviados aos deputados de sua região e outras autoridades como o Ministério Público se cabível e acho que sim .

Armando Borges

  13/06/2017 - 10:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134434 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

AINDA RESPONDENDO AO COMENTÁRIO 134431 DE ANTHONY TAKAESSU GOLÇAVES DE CAMPINAS EXISTE VÁRIOS PROCESSOS QUE PRECISAM VER SE OS ADVOGADOS JÁ ACERTARAM COM OS HERDEIROS, VEJA A RELAÇÃO ABAIXO E QUEM SABE INDO AO FORUM EM CAMPINAS ELES PODERÃO TIRAR UM EXTRATO GERAL PARA VOCÊS, OU DAR MAIS INFORMAÇÕES
Foro Central - Fazenda Pública/Acidentes vIADUTO DONA PAULINA EM SÃO PAULO - CAPITAL



0032634-36.2013.8.26.0053
Embargos à Execução / Valor da Execução / Cálculo / Atualização
Embargda: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 20/08/2013 - 3ª Vara de Fazenda Pública
0012345-82.2013.8.26.0053
Execução Contra a Fazenda Pública / Liquidação / Cumprimento / Execução
Exeqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 26/03/2013 - 3ª Vara de Fazenda Pública
0045208-28.2012.8.26.0053
Procedimento Comum / Adicional por Tempo de Serviço
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 25/09/2012 - 1ª Vara de Fazenda Pública
0020779-94.2012.8.26.0053
Procedimento Comum / Irredutibilidade de Vencimentos
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 25/05/2012 - 12ª Vara de Fazenda Pública
 Incidentes e recursos
0010092-58.2012.8.26.0053
Embargos à Execução / Efeito Suspensivo / Impugnação / Embargos à Execução
Embargdo: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 15/03/2012 - 10ª Vara de Fazenda Pública
0015553-60.2002.8.26.0053 (053.02.015553-3)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 05/06/2002 - Setor de Execuções contra a Fazenda Pública
0606010-71.2008.8.26.0053 (053.08.606010-7)
Embargos à Execução
Embargdo: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 02/10/2008 - Setor de Execuções contra a Fazenda Pública
0406004-39.1994.8.26.0053 (053.94.406004-9)
Procedimento Comum / DIREITO ADMINISTRATIVO E OUTRAS MATÉRIAS DE DIREITO PÚBLICO
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 05/05/1994 - Setor de Execuções contra a Fazenda Pública
0718668-39.1988.8.26.0053 (053.88.718668-9)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 22/07/1988 - Setor de Execuções contra a Fazenda Pública
0102300-71.2006.8.26.0053 (053.06.102300-8)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 27/01/2006 - 2ª Vara de Fazenda Pública
 Incidentes e recursos
0085340-46.1983.8.26.0053 (053.83.085340-9)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 08/11/1983 - Setor de Execuções contra a Fazenda Pública
0030970-19.2003.8.26.0053 (053.03.030970-3)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 20/01/2004 - 10ª Vara de Fazenda Pública

Foro de Presidente Prudente



1017731-16.2014.8.26.0482
Procedimento Comum / Obrigações
Recebido em: 19/12/2014 - Vara da Fazenda Pública
 Incidentes e recursos
3007001-43.2013.8.26.0482
Reclamação Pré-processual / Obrigação de Fazer / Não Fazer
Reclamada: ILMA THEREZINHA LUZ FURQUIM
Recebido em: 24/10/2013 - CEJUSC (Pré-Processual)
4002798-21.2013.8.26.0482
Cumprimento de sentença / Locação de Imóvel
Reqte: ILMA TEREZINHA LUZ FURQUIM
Recebido em: 25/09/2013 - 3ª Vara Cível
 Incidentes e recursos
0030185-55.2008.8.26.0482 (482.01.2008.030185)
Procedimento Comum
Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Recebido em: 18/12/2008 - 3ª Vara Cível

  13/06/2017 - 22:56 -   |   Responder/Comentar  |   




  134433 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

RESPONDENDO AO COMENTÁRIO 134431 DE ANTHONY TAKAESSU GONÇALVES DE CAMPINAS , VOCÊ DEVE PROCURAR OS ADVOGADOS RELACIONADOS NO PROCESSO ABAIXO; OU IR À VARA DE EXECUÇÕES NO VIADUTO DONA PAULINA EM SÃO PAULO. SENDO O MAIS CERTO IR FALAR COM OS ADVOGADOS QUE PODERÃO LEVANTAR O DINHEIRO
Processo: 0406004-39.1994.8.26.0053 (053.94.406004-9)

(Tramitação prioritária)

Classe: Procedimento Comum

Área: Cível

Assunto: DIREITO ADMINISTRATIVO E OUTRAS MATÉRIAS DE DIREITO PÚBLICO
Local Físico: 26/05/2017 00:00 - Prazo 23 - Prazo 23/05/17 Executada: 09/05 Exequente: 16/05 Cessionário: 23/05
Distribuição: 04/05/2006 às 00:00 - Livre
Setor de Execuções contra a Fazenda Pública - Foro Central - Fazenda Pública/Acidentes
Controle: 2005/011073
Juiz: Luiz Henrique Lorey
Outros números: 583.53.1994.406004, 407/94
Valor da ação: CR$ 1.880.030,00

Reqte: Ilma Therezinha Luz Furquim
Advogado: JOSE EDUARDO FERREIRA NETTO ********************
Advogado: Diogenes Miguel Jorge Filho ********************
Advogada: Carolina Greff Carotta *************************
Advogado: Fabio Bezana ***********************************
Reqte: Fumiko Takaessu Gonçalves
Advogado: JOSE EDUARDO FERREIRA NETTO
Advogado: Diogenes Miguel Jorge Filho
Advogada: Carolina Greff Carotta
Advogado: Fabio Bezana
Reqdo: Instituto de Previdência do Estado de São Paulo - Ipesp
Advogado: Jair Lucas

  13/06/2017 - 22:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134432 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Caro Nonato!Você se lembra daquele caso no qual um garoto caiu
nas mãos de um gorila e o gorila arrastava aquele menino de um
lado para outro podendo com isso matá-lo? E aí
então criou-se um dilema.Como salvar o garoto?
Poderia o gorila largar o garoto, mas isso ninguém tinha certeza.
Então optou-se por sacrificar o animal,pois á primeira vista seria
o mais adequado,o que feito,causou muita revolta.
O caso da cassação do ora Presidente Temer tem alguma semelhança.
O motivo para isso existe.Existe também as consequências dessa
cassação.Às vezes o remédio para uma doença é amargo, mas se curar
valeu à pena.O pior é tomar um remédio menos amargo que não cura
o mal pela raiz e o doente fica sofrendo indefinidamente.
Essa não cassação poderá abrir um precedente que irá beneficiar
muitos bandidos que hoje ocupam o poder.
Gostei de sua preocupação com os destinos do país mas acho que a
limpeza deve ser Total ou continuaremos a ver nossa pátria á
mercê dessa bandidagem.
Abraços Pirolo

  13/06/2017 - 21:53 -   |   Responder/Comentar  |   




  134431 - Anthony Takaessu Goncalves   Campinas / SP

Prezados:

Por acaso, encontrei o nome da minha falecida mãe do link deste site
Fumiko Takaessu Goncalves e da mae da minha cunhada ILMA THEREZINHA LUZ FURQUIM , referente ao PRECATÓRIO DE MARÇO – 2017. Gostaria de saber o que se trata a matéria em questão, pois as duas possuem precatórios do antigo IPESP e, nós, herdeiros, ainda não recebemos os valores. Obrigado, Anthony

  12/06/2017 - 18:21 -   |   Responder/Comentar  |   




  134430 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caros colegas, assistindo pela Globo News o julgamento da chapa Dilma-Temer pelo TSE, ouvi do Relator que estamos vivendo sob o Regime da Plutocratização. Confesso que não tinha ouvido falar esta palavra, quiçá Regime Plutocrático. Fiquei curioso da mesma forma em que num debate político entre o FHC e o Lula, o primeiro o chamou de Nefelibata, o barbudo, reagiu: não sou doutor, logo me explica o que é isto? O FHC explicou: pessoa que vive no mundo da Lua. A mesma coisa me ocorreu quando assistia ao julgamento a digníssima palavra retro citada.
“Os atuais regimes democráticos espalhados pelo mundo na verdade são plutocráticos, estão apenas mascarados e assim mantidos pela principal ferramenta de manipulação e poder dessa classe dominante - a mídia comercial e corporativa.”
Entenda-se na atual crise em que o País vive tratar-se : de manipulação dos mais poderosos em detrimento dos menos poderosos. Por isso o relator citou como as coisas estão acontecendo atualmente em nosso País.
Vejam os principais Senadores, mineiro e alagoano, onde já deveriam estar e por que não estão ? Além deles há muitos espelhados. Há os que sempre estiveram em todas as listas: um que possui um sobre nome gozado, parecido com o nome vulgar do pênis masculino, pois poderia ser de outros animais.
Assim, sei que os Advogados de defesa da cassação expuseram, muitos outros, inclusive até ex-ministros e até ex-presidentes do TSE também foram contra a cassação, mas o dizer do que gosta de “fazer beicinhos”, “querendo chamar mamãe:”: “ sei que o povo quer a cassação, mas não merece”, é doze diabólica, pois nenhum outro animal merece a isonomia. Infeliz é o povo cujo seus políticos são os atuais. Uma coisa eu a tenho como certeza: há um Tribunal em que a maioria deles serão condenados e o pior que será eternamente, muito mais do que os normais cem anos. Tudo no seu tempo.

  12/06/2017 - 17:20 -   |   Responder/Comentar  |   




  134429 - paulo renan finholdt   valinhos sp

Boa tarde, colegas aposentados banespianos. Se quem pariu Mateus que o embale. Das crises, mumunhas, tretas, tricas e tristes pesadelos e seus autores/responsáveis, iríamos a Adão e Eva, que o traiu; e aos filhos Caim(assassino) e Abel. Pleitearíamos começar tudo de novo?!?!? Quantas penas seriam puxadas até ficar em pelo, ou na pele?! A verdade é que não vai dar tempo, já que não seguramos, ainda, nenhuma pena pra valer e puxar sem dó!!!
Pra trásmente, volta de imediato, Lula-Dilma, fhc e todos os que a 1º de abril de 1964 deveriam, se existisse, ter sido condenados à pena de morte. E não, tempos depois, coitados, perdoados e recompensados com indenizações sem sentido, e aposentadorias extras. Bom, né ?! E por que vender o Banespa, se mamadeira e mordomia existiu pra todos; menos para quem o fez grande com suor e trabalho?!?!?! Fraterno abraço.
====================================================================== 134427 - Raimundo Nonato da Silva - Teresina/PI 12/06/2017 - 15:45 |
E o Gilmazão agiu certo ou errado absolvendo a chapa Dilma-Temer? É totalmente impossível se ter a resposta certa. Juridicamente acho que cabia a cassação, mas pioraria e muito a já bagunçada vida sócio-política e econômica do país. Diz o art. 5º da Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro:- "Na aplicação da lei, o juiz atenderá aos fins sociais a que ela se dirige e às exigências do bem comum". Logo o ministro, seja como for, tem lá suas razões para não botar mais lenha na fogueira. Não adianta cumprir a lei colocando em jogo a instabilidade de uma nação inteira. Quem criou a crise que a resolva sem impor mais sacrifícios a todos, principalmente aos mais vulneráveis. É o que penso respeitando a quantos sejam contrários. Nonato-Teresina.

  12/06/2017 - 17:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134428 - Ricardo de Mattos Araújo   Paraguaçu Paulista - sp

Com.427 - Nonato -- Concordo plenamente com a opinião do amigo Nonato - Teresina-PI, porque se houvesse a cassação de Temer toda a nação estaria balançando ainda mais com outros corruptos tramando meios para chegar ao comando da Presidencia da República. Acredito plenamente que o ministro usou de prerrogativas para manter a ordem política, econômica e social do nosso país num momento muito delicado por que passa a Nação Brasileira ...

  12/06/2017 - 17:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134427 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

E o Gilmazão agiu certo ou errado absolvendo a chapa Dilma-Temer? É totalmente impossível se ter a resposta certa. Juridicamente acho que cabia a cassação, mas pioraria e muito a já bagunçada vida sócio-política e econômica do país. Diz o art. 5º da Lei de Introdução às Normas do Direito Brasileiro:- "Na aplicação da lei, o juiz atenderá aos fins sociais a que ela se dirige e às exigências do bem comum". Logo o ministro, seja como for, tem lá suas razões para não botar mais lenha na fogueira. Não adianta cumprir a lei colocando em jogo a instabilidade de uma nação inteira. Quem criou a crise que a resolva sem impor mais sacrifícios a todos, principalmente aos mais vulneráveis. É o que penso respeitando a quantos sejam contrários. Nonato-Teresina.

  12/06/2017 - 15:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134426 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C-134421 - Falha nossa! Estou tão envergonhado com nossos políticos e certo ministro que devia defender o Judiciário e defende o Executivo que escrevi CRIMINOLOGIA AO invés de CRIMINOCRACIA.

Aproveito para cutucar os Bancos, que não cumpre essa Lei.

Lei da usura é a denominação informal atribuída, no Brasil, à legislação que define como sendo ilegal a cobrança de juros superiores ao dobro da taxa legal ao ano (atualmente a taxa SELIC) ou a cobrança exorbitante que ponha em perigo o patrimônio pessoal, a estabilidade econômica e sobrevivência pessoal do tomador de empréstimo. Nestes casos o emprestador é denominado agiota. A referida legislação é o Decreto nº 22.626, de 7 de Abril de 1933, que definia as punições e preceitos legais (enquadrando a usura posteriormente como "crimes contra a economia popular" ou "abuso do poder econômico") a respeito e que esteve em vigor até ser expressamente revogado por um decreto sem número de 25 de abril de 1991. Apesar dos problemas econômicos e financeiros causados por essa legislação ao longo da história, a Constituição de 1988 em seu artigo 192 acabou por aprovar uma limitação ao juros, o que levaria a uma nova polêmica nos meios legais e econômicos a respeito dessa aplicação.

  12/06/2017 - 15:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134425 - JOAO PEREIRA NETTO PEREIRAno   NOVA GRANADA

E isso ai Eliel, pensamento positivo,este move montanhas,rochas, os ministros que julgam nossos proc. serão diante disso uma pedrinha.

  12/06/2017 - 12:13 -   |   Responder/Comentar  |   




  134424 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

QUEM SOU EU
Sempre fui uma pessoa equilibrada, tinha tudo muito bem planejado, possuía planos para minha aposentadoria, sabia que havia um suporte financeiro a disposição, pois recebia duas gratificações anuais, podia planejar uma viagem, tinha uma boa assistência médica, muitos colegas de trabalho. Agora, aposentado há mais de 20 anos, estou ansioso, desconfio de quase tudo, parece que arrancaram um bom pedaço de mim, não tenho mais certeza de nada, fico sempre esperando alguma coisa, parece que tudo mudou.
Nada disso, sou uma pessoa muito realista, pé no chão, sei sempre o que devo de fazer, pois quando me aposentei, já tinha planos para continuar trabalhando e fui logo arranjando um novo trabalho e trabalho até hoje. Só tenho tempo para pensar nos problemas do meu trabalho. Ainda bem que tem férias, é um pouco mais de cansaço, mas sinto-me uma pessoa muito especial, geralmente, não tenho gripes, resfriados, coisas semelhantes, o que penso é quando chegar minhas férias, fazer uma viagem como antes sempre fazia, Mas no todo sou uma pessoa muito feliz.
Cara, você nem imagina, estou aposentado há mais de dez anos, pensava que minha vida ia continuar como era antes, lembro-me muito bem das gratificações anuais que recebia, dos colegas, dos bons papos, mas agora o que há é um site que de vez em quando eu leio algumas coisas, chego até a escrever, mas há um tédio, preciso ficar lendo colegas aposentados como eu, discutindo uns com os outros. Tem sempre uns processos judiciais rolando e nunca que eles acabam. Vivo um stress só, sempre pensando no meu passado.
Não fique triste, cara, aposentei-me há mais de 20 anos e só tenho ficado muito chateado com quem nos paga a nossa aposentadoria. Cada dia que passa, as coisas parecem que só estão piorando. Quando me aposentei, acreditava na Justiça, pensava que iria receber uma bolada de dinheiro, fazer minha viagem dos sonhos, trocar o meu carro, comprar um também para cada filho e pensava que poderia tomar aqueles vinhos que um dia já tomei. Hoje me contenho com uns rótulos normais que vendem nos supermercados. Não sei como as coisas ficarão. Tem gente que diz que nunca mais irei ver a cor da grana, que não devo viver de ilusões. Vá pescar para refrescar a moringa.
Que isso colega, a vida é assim mesmo, às vezes ela nos pega alguns sustos, também me aposentei há mais de 20 anos, mas sabia que passaria por todas essas coisas que você se queixa, resolvi não trabalhar mais, mas sou uma pessoa esperançosa, sei que há um Deus que está no controle de tudo, é Ele quem estabelece, quem ordena, quem gerencia todas as coisas no céu e na terra. O choro pode durar uma noite, mas a alegria virá pela manhã, não desanime, temos bons Advogados, a Justiça é assim mesmo, demora um pouco e no nosso caso é muito pior – o montante é uma soma muito grande – isto cria muita cobiça, muito medo para aqueles que precisam julgar, muita tensão para os que estão esperando, mas tudo tem um tempo certo. Vamos colega, levante a cabeça o pior já passou.

  12/06/2017 - 09:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134423 - Rubens de Souza   bauru/sp

Colegas

Hà 2 anos atrás mais ou menos escrevi neste site s/ os processos, da gratificação e do IGPDi, o seguite: NÓS VAMOS OLHAR COM OS OLHOS E LAMBER COM A TESTA.
Vários colegas me pixaram.
Agora pergunto: Será que eu tinha razão?


Espero que não, mas com esses ministros que temos a coisa não está muito a nosso favor.

  12/06/2017 - 22:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134422 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

“Jarbas comenta alguns motivos para comemoração, dentre os quais a antecipação do repasse feita pelo Santander no valor de 1,5 bi para a entidade, colocando que “na realidade, não havia uma obrigação do banco de antecipar esses pagamentos”

Galvão, esse Jarbas é só blá, blá e blá. Suas informações são estranhas. Por que ele não mostra o saldo atuarial do dinheiro que o Banesprev tem recebido do Santander para cobrir nossos complementos desde 2007?

Para mim o Banesprev é um mero confeccionador de contracheques. Tudo é feito pelo Santander; inclusive continuamos na folha de pagamento junto com os funcionários da ativa. Que é proibido por lei. Cadê a PREVIC?

Nos balanços do banco os pré-75 não existem.

Também não sei porque nossas associações, até hoje, não exigiram na justiça o SALDO ATUARIAL da fonte de onde sai o dinheiro que nos paga.

Tudo é um mistério!
--

  11/06/2017 - 19:36 -   |   Responder/Comentar  |   




  134421 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

AS PALAVRAS DEMOCRACIA E DEMÔNIO TÊM ALGO EM COMUM?
O radical grego “demo” democracia , tem alguma coisa a ver com o demo de demônio? Democracia, como pouca gente ignora, é um termo nascido no grego demokratia pela junção de demos (povo) e kratia (força,poder). A raiz das palavras demo e demônio, dois dos muitos nomes do diabo, também tem origem na Grécia. Mas o termo em questão é sim daimom (divindade, gênio) do latim. O regime que vivemos hoje está cada vez para a ditadura do que democracia. A ditadura da manipulação da população ignorante, que é enganada pelos demônios que estão no poder. Porque não usar o termo Criminologia ( governo dos criminosos). Se alguém tem dúvida quanto a isto, basta olhar a ficha criminal dos articuladores dos políticos (asseclas). Eu não entendo porque se gasta tanto com entidades públicas no Brasil ligadas à política ( tribunais,ministros,juízes, assessores, etc,. para que tenhamos essa leva de bandidos( com raras exceções). Se não estamos conseguindo receber nossas ações, certamente alguém trabalha contra essa nossa classe de cidadãos aposentados.

  11/06/2017 - 12:51 -   |   Responder/Comentar  |   




  134420 - Carlos Alberto Rodrigues dos Santos   Belo Horizonte-MG

134417-Caro Galvão, concordo com tudo que você escreveu e até acredito que apesar de eu só votar nos candidatos da AFABESP está chegando a hora de começarmos a tomar posições diferentes. Não estou ai querendo dizer que apoio os candidatos da AFU, mas acho que não podemos continuar apenas a
chancelar os candidatos da nossa associação. Precisamos encontrar uma terceira via que eventualmente poderia ser a ABESPREV. Vamos aguardar.

  11/06/2017 - 12:39 -   |   Responder/Comentar  |   




  134419 - Anizio Vicente Rafani   Jaú / SP

Com. 134414 - JOÃO BATISTA CALDERARI - RIB.PRETO-SP

Obrigado, fiquei feliz pela lembrança, desejo a você muita saúde, paz e alegria.
Bons tempos aqueles da agencia 110.Santo André em que seu bom humor alegrava nosso dia a dia.

Um forte abraço.

Rafani.

  11/06/2017 - 10:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134418 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Prezados colegas, bom dia!

Temos uma grande oportunidade de tentar colocar na mídia o nosso processo da gratificação.
No dia 19/06/17 em São Paulo, na Av. Paulista,2073 às 19:00 horas na Livraria Cultura, tem o lançamento de um livro do historiador Marco Antonio Villa.
Combativo e sempre critico do que tudo que esta ai. Ele também tem feito acusações aos ministros do STF, com palavras duras e muito pertinentes.
Os colegas que moram em São Paulo ou grande São Paulo poderiam nos ajudar levando um resumo escrito sobre o assunto.
Temos colegas que sabem tudo sobre gratificações e a postergações do processo.
Temos que lembrar que à Lava Jato se iniciou também com um pedido ao Juiz Sergio Moro de uma pessoa que sabia o que estava acontecendo. Ele entregou ao juiz pessoalmente e por escrito e
ficou aguardando. Deu certo.
Tenham certeza vcs. que o processo vai voltar ao TST novamente.
Temos de atirar para todos os lados, defendendo nossos direitos. Não temos dinheiro mas devemos ter iniciativa. Vai que cola.
Um abraço.
Carlos Zitelli

  11/06/2017 - 10:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134417 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

O NOSSO BANESPREV

O “Informativo Banesprev” fala na sua última edição dos trinta anos do Fundo Banespa de Seguridade Social, constituído que foi em 17 de fevereiro de 1987. Traz o editorial do seu presidente, Jarbas de Biagi, orgulhoso por estar a 20 anos na direção de uma entidade que hoje ocupa o 8.º lugar no ranking da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Social. Nele (no seu editorial), Jarbas comenta alguns motivos para comemoração, dentre os quais a antecipação do repasse feita pelo Santander no valor de 1,5 bi para a entidade, colocando que “na realidade, não havia uma obrigação do banco de antecipar esses pagamentos”. Outro motivo seria – segundo ele – o fato de o Banesprev ter passado a administrar a partir do começo deste ano mais três planos – o Sanprev I, II e III -, além das chamadas ‘caixinhas’ formadas por participantes advindos do antigo Banco Meridional - isso desde o ano passado.

A respeito da ‘benevolência’ demonstrada pelo banco ao ‘antecipar’ o repasse, o meu comentário – na falta de outro – só vai ser: “Ah! É mesmo? Que bom!”.
Já, com relação à inclusão de novos participantes no (nosso) Banesprev, gostaria de tecer alguns comentários que julgo oportunos e pertinentes.

Começaria trazendo a redação do Art.5º do Estatuto do Banesprev:
“O BANESPREV poderá firmar convênio de adesão com outras empresas ou entidades de caráter público ou privado, mediante cláusulas específicas e Regulamentação Básica própria, a serem firmadas diretamente com cada interessado e mediante prévia aprovação do Conselho Deliberativo, da Diretoria do Banco Santander (Brasil) S/A, “ad referendum” da Assembleia dos Participantes”.

Pois bem, a redação do citado artigo é clara e não deixa qualquer sombra de dúvida. Significa dizer que a inclusão desse pessoal, do jeito que foi feita, violou frontalmente o estatuto da nossa entidade. Estão lá, claramente cravadas, as três condições a serem seguidas: 1- aprovação do CD; 2- aprovação da diretoria do banco; e 3- o referendo da Assembleia dos Participantes. E, das três, apenas uma deve ter sido observada, a segunda, a aprovação do banco. Porque, se o CD aprovou, não ficamos sabendo. Mas, que não houve o ‘referendum’ da Assembleia dos Participantes, isso, com certeza, sabemos que não houve.

‘Data venia’ – e até que me convençam do contrário -, está aí um fato que considero grave, e que pode até significar um ‘cochilo’ dos nossos representantes eleitos para o Banesprev, os quais, na minha (modesta) opinião, tinham o dever de levantar a questão e contestar o que foi feito. Afinal, o Banesprev foi criado e existe para atender aos nossos interesses específicos de banespianos, e não consigo ver em que a introdução nele de pessoas estranhas à nossa comunidade possa nos trazer qualquer forma de benefício - como foi comemorado pelo seu presidente.

Ou será que estou errado?!




  11/06/2017 - 10:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134416 - MARIO AUGUSTO FERREIRA DE ANDRADE   BAURU/SP

BRÁS FERREIRA NEVES - NATAL/RN = Ô companheiro,até que enfim o localizei. A última informação que tinha era que voce havia montado uma pousada no nordeste brasileiro. Muitas saudades da época de Cosmorama/Votuporanga. Continua ainda com o hobby de fotografia ? Preciso de seu site para a gente trocar umas figurinhas, e eu lhe atualizar sobre a familia. Os dois "meninos" estão hoje em Vitória/ES
e Campo grande/MS,são médicos. Meu e-mail é pararraio1@gmail.com.Espero noticias suas. Feliz aniversário do
Mário AF de Andrade

  11/06/2017 - 08:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134415 - joão batista calderari   ribeirão preto - sp

BRAS FERREIRA NEVES

Parabéns pelo aniversário, com saude, felicidade e muito sucesso. Abração

  11/06/2017 - 00:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134414 - joão batista calderari   ribeirão preto - sp

Anisio Vicente Rafani

Parabéns pelo aniversário. Abraços

  11/06/2017 - 00:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134413 - Jose Maria de Barros   Tatui - São Paulo

134412 - João C. Santos
Gostei muito do seu posicionamento, com relação aos nossos políticos, que não se importam com o que acontece com os cidadãos honestos e de muita dignidade o que eles não o são.

  10/06/2017 - 20:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134412 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

134408 - ALVARO OLIVEIRA - Bauru/SP 10/06/2017 - 12:31 |
Faltam: 13 anos 203 dias 20 horas 59 minutos 10 segundos para a aposentadoria de Gilmar Mendes.
Pouco importa se faltam muitos anos para esses Ministros aposentarem. Mesmo que algum acabe batendo as botas, ou quando algum deles chegarem a época de se aposentarem, os próximos que virão não mudam em nada. São todos indicados, sabatinados, votados e empossados por políticos ladrões, corruptos, criminosos e acabam ficando de rabos presos com bandidos, continuando recebendo e obedecendo ordens dos indicadores. Aí vira essa Incompetência e Desmoralização que temos aí...Só uma operação "lava toga" resolveria ou concurso público para todos togados de Tribunais Superiores.

  10/06/2017 - 18:50 -   |   Responder/Comentar  |   




  134411 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134410 - paulo renan finholdt - Tô co cê CARA;

  10/06/2017 - 17:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134410 - paulo renan finholdt   valinhos sp

134407 - francisco Iannini - São Paulo 10/06/2017 - 12:28
======================================================================Bom dia, colega aposentado banespiano francisco Iannini; e demais colegas quem possam estar interessado. Aquilo a que tenho direito não está aberto a negócio ou barganha. Para ficar de bem comigo mesmo e minha consciência, nem pensar! Passar recibo só na quitação do que me é de direito. Questão encerrada. Fraterno abraço.

  10/06/2017 - 16:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134409 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ


O JURISTA – o mesmo que o “ CARA “
A Lei emana do povo e para o povo. O povo quer, mas não merece, eu sou o CARA.
Isto me fez lembrar um causo de uma CARA. Este foi morar numa cidadezinha do interior e lá começou a aprontar. Possuía uma conversa leve e começava a conversar com um, daí a pouco já estava pedindo dinheiro emprestado, conseguia mas não pagava. Aprontava sobre tudo, conseguia almoçar na casa de um e jantar na casa de outro. Não demorava muito começou a sair com as mulheres de todos daquela cidadezinha. Ficou tão famoso que por livre iniciativa mandou fazer um grande cartaz, com os dizeres: EU SOU O CARA - e colou no vidro do seu carro, e andava com o carro para cima e para baixo.
Certo dia, chega à cidadezinha outro morador de outra grande cidade e vê aquele carro parado na pracinha com os dizeres colados no vidro – EU SOU O CARA. O novo morador, olhou, olhou e ficou encabulado e partiu para um bar que havia na pracinha e se dirigiu ao dono e perguntou: você sabe o que quer dizer aquilo ali colado naquele carro ? O dono do bar não hesitou: por favor não queira saber o que é; esse camarada não é fácil, tem uma conversa mole é melhor o senhor ficar longe dele, se bobear ele vai à sua casa e acontece o pior, o senhor é casado, é melhor ficar longe dele. O novo morador olhou e pensou: vou acabar com a fama desse cara. Se dirigiu a melhor gráfica da cidade e mandou fazer um belo cartaz : EU PAPEI O CARA. Colou no vidro do seu carro e parou o seu carro na mesma pracinha. Quando o cara chegou e viu aquele novo carro na área com aquele cartaz, não teve jeito, mudou-se da cidade.
Infelizmente, sobre o CARA-JURISTA solto por aí, teremos que aturar bastante tempo, mas recomenda-se não ficar perto dele. Se ele chegar perto é melhor encostar no muro, pois o que ele vem fazendo com o povo é bom tomar cuidado.

  10/06/2017 - 12:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134408 - ALVARO OLIVEIRA   Bauru/SP

Faltam: 13 anos 203 dias 20 horas 59 minutos 10 segundos para a aposentadoria de Gilmar Mendes.
Será que dá para esperar?
Vejam os outros:
Ministro do STF
Celso de Mello - Novembro de 2020
Marco Aurélio - Julho de 2021
Ricardo Lewandowski - Maio de 2023
Teori Zavascki - Agosto de 2023
Rosa Weber - Outubro de 2023
Luiz Fux -Abril de 2028
Cármen Lúcia - Abril de 2029
Gilmar Mendes - Dezembro de 2030
Roberto Barroso - Março de 2033
Dias Toffoli - Novembro de 2042

  10/06/2017 - 12:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134407 - francisco Iannini   São Paulo

Lendo vários comentários de colegas chego a conclusão de que todos juizes que entram pedem vista do processo, ou encaminham ao STTrabalho , dificilmente receberemos alguma coisa . Vários anos passarão , e, talvez não estejamos vivos ate lá. Talvez, seria interessnte neste momento a AFABESP procurar o Bco e tentar um acordo, visto que é melhor um máu acordo do que bôa demanda. Antes o Banco mandou um acôrdo irrisório, quem sabe agora poderiamos ter uma melhora, talvez em torno de 80%. Gostaria de saber a opinião de alguns colegas a respeito.

  10/06/2017 - 12:28 -   |   Responder/Comentar  |   




  134406 - Antonio Galvão Raiz Porto   Altinópolis - SP

DOIS PACOTES COM NÓ CEGO

“Gratificações” e “IGP-DI” são as duas ‘novelas’ das quais os banespianos somos protagonistas, aquela com quase 20 anos de duração e esta chegando perto disso. Durante esta semana, no dia 06 de junho de 2017, foi ao ar mais um emocionante capítulo da primeira, tendo por cenário a nossa Corte Suprema, lá em Brasília, em que uma vez mais o enredo de suspense foi mantido com a introdução de um novo personagem, o ministro recém-chegado, que pediu tempo (ou ‘vista’) para se pronunciar. A segunda, a do IGP-DI, até que vinha num ritmo animador, sinalizando que poderíamos estar bem próximos de um encaminhamento favorável – embora não fosse o tão almejado por todos nós, ou seja, o crédito direto em nossas contas –, que seria o depósito judicial dos valores a que temos direito. Mas a coisa não sai; não temos definição; não temos informação.

Com relação à ação do IGP-DI, podemos contar apenas com as postagens de colegas que a acompanham pelo site do TRF3, e que nos informam os lances da sua movimentação. Infelizmente, em que pese a enorme boa vontade deles, os dados dessa movimentação nos chegam como se fossem ‘mensagens criptografadas’, normalmente escritas naquele linguajar ‘juridiquês’, que pouca coisa ou quase nada nos esclarecem. Quanto à Afabesp, a última notícia foi postada por ela no seu site foi em 16 de maio, em que comenta sobre o julgamento ocorrido em 02 de maio. Depois desta data, já houve intervenções no processo que deveriam ter sido levadas ao nosso conhecimento, com os devidos esclarecimentos da sua assessoria jurídica. Mas, como sempre, ficamos a ver navios.

Já com relação à ação das Gratificações, a Afabesp – justiça se lhe faça – desta vez agiu bem, comentando no seu site, logo no dia seguinte, o episódio em que, mais uma vez, teve ministro que pediu vista do processo e outro que “acabou optando por uma outra solução, qual seja, a devolução dos autos ao TST”. Essa ‘sacada’ do ministro Barroso - que coloquei entre aspas - me remeteu ao que sempre considerei a ‘grande jogada’ do Santander, que foi a de levar a nossa ação para o Supremo; sim, porque, se ela foi parar lá, certamente foi em razão da brilhante atuação dos seus advogados, que manejaram direitinho para que isso acontecesse. Os ‘entendidos’ em Direito poderão até me contestar, mas entendo que, uma vez lá, no STF, vem tendo o banco as condições propícias para procrastinar ‘ad infinitum’ o desfecho do processo que nos era totalmente favorável. E é o que ele vem esse tempo todo fazendo.

A verdade é que esta nossa ação passou por todas as instâncias na esfera trabalhista - que é onde ela foi corretamente proposta -, e onde fomos vitoriosos até a chegada ao Tribunal Superior do Trabalho, que é o seu órgão máximo.

Ora, a pergunta óbvia é: por que não lá, no TST, a definição, a sentença final?

A grande verdade é que fomos ‘brindados’ com dois belos pacotes, ambos fechados com nó cego. Difícil, dificílimo de desatar. E que, pelo jeito, vamos passar ainda muito tempo – quiçá o resto de nossas vidas - tentando.

O problema é que o nosso – tempo – vai ficando cada vez mais curto.







  10/06/2017 - 10:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134405 - JOÃO rAMOS   ASSIS -SP

RESTITUIÇÂO DO IMPOSTO DE RENDA

Quem tem conta corrente no banco do Brasil, o mesmo já antecipou essa informação no Extrato de c/c. Por incompetência do SATã nder transferi minha restituição ao BB. que se mostrou mais eficiente.

  10/06/2017 - 09:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134404 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Nunca senti tanta esperança, está chegando a hora de saborearmos o manjar dos deuses, os injustiçados receberão justiça, a funda de Davi levará à terra o gigante Golias.

Esperança não é a última que morre, é a primeira que nasce quando tudo parece perdido e sem solução. Porque quem tem esperança sabe que uma dia a tempestade tem que passar e que o choro está dando lugar a alegria... Porque quem tem esperança tem confiança, quem confia tem fé, tem DEUS, e quem tem ELE tem tudo...

Poeta da esperança, filho de Alegrete (RS).

  10/06/2017 - 23:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134403 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caro colega Mamoru Maeda, o e-mail do José Milton de Andrade Marques é jm123@terra.com.br

  09/06/2017 - 18:17 -   |   Responder/Comentar  |   




  134402 - Mamoru Maeda   São Paulo

ref. Precatorio INSS- 50% para o Santander.

Poderia me informar o email do Jose Milton de Andrade Marques, gostaria de trocar ideia sobre o assunto em ref.

Mamoru Maeda

  09/06/2017 - 13:53 -   |   Responder/Comentar  |   




  134401 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Colaborando com o tédio do Mariano: Na década de 90, corria, "um papo", nos bastidores das agências Urbanas de SP, sobre a influência
da Maçonaria nas promoções do Banespa. Isto ocorre também hoje, com a nossa política. Nada sei sob a veracidade disto.

  09/06/2017 - 13:48 -   |   Responder/Comentar  |   




  134400 - mariano perez martins   sao jose do rio preto sp

boa tarde a todos e bom fim de semana----na falta de assuntos, somos constantemente bombardeados por bla, bla, bla pra boi dormir. Cada papinho sem graça de maçonaria e outras cositas mais, que da tedio ate em pe de mesa.

  09/06/2017 - 12:56 -   |   Responder/Comentar  |   




  134399 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Colegas, que lindo, estarmos vivendo momentos repletos de esperanças. Os três processos continuam vivos e com atratividades positivas. A Afabesp postando logo após a movimentação. Vários colegas expondo seus pontos de vista. Aguardando um Acordão que esperamos nos seja também auspicioso. O 2º processo das gratificas voltou a tramitar. Agora, gregos e troianos, todos banespianos, esperando por boas notícias. É maravilhoso estarmos aqui escrevendo e lendo.
Ontem, publicado aqui no site sobre curiosidades, lemos que : " O sol produz em um segundo mais energia consumida por toda a terra até então." Logo, colegas, quão maior é o nosso Deus, pois uma de suas criações possui tanta força, quiçá o seu criador. Que o nosso Deus com todo o seu poder, nos seja misericordioso nesses nossos dias de espera. Que a Paz do Senhor esbanje em nossos corações.

  09/06/2017 - 12:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134398 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Prezados colegas, bom dia!
Quero pedir desculpas e licença ao colega Mario Augusto do -Principado de Agudos- para fazer dele minhas palavras.
Aqui não é lugar para discutimos assuntos fora do nosso objetivo, que aliás atualmente esta muito longe de ser atingido.
Vamos arrumar meios de nos ajudar em relação as nossas ações.
À maçonaria é perfeita como outras instituições -OAB, CNBB entre outras. Isso não quer dizer que não temos corruptos, desleais, safados nessas instituições. Mas ai esta o ponto defendido pela maçonaria, ou saiam com eles ou eles peçam para sair. Essas pessoas vão se sentindo incomodadas no meio.
Quero acrescentar também que quando na ativa ou hoje, esse críticos da maçonaria ou outras instituições, precisarem de uma ajuda justa e perfeita eles iriam dispensar por ser à Maçonaria.
Aqui no site sempre tem alguém querem criar assuntos polêmicos, não sei com qual intenção. Talvez por não terem no dia dia com alguém para discutir seus problemas, pode ser que esposa, filhos e eventuais colegas que já não aguentam mais tanta chatice.
Vamos somar e não dividir, reitero aqui que o Banespa já não existe mais, hoje só temos lembranças.
Desculpem pelo prolongamento da minha mensagem.
Um forte abraço aos colegas.
Carlos Zitelli

  09/06/2017 - 10:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134397 - MARIO AUGUSTO FERREIRA DE ANDRADE   Principado de Agudos/sp

Pessoal: Essa mania agora de envolver a maçonaria nos assuntos deste site, é no mínimo lamentável. Trata-se de uma entidade que defende os homens livres e de bons costumes.Hoje, é, um dos poucos pilares da democracia. Trata-se de uma associação filantrópica e filosófica que recebe todos os homens independentemente de suas escolhas religiosas.
Um dos pré requisitos para o maçon é acreditar em Deus.
Infelizmente, haverá sempre alguma falha na seleção de seus membros
e alguns (bem poucos) conhecerão a grandiosidade da maçonaria. Mas aos poucos serão excluidos ou pedirão para sair.Em sua maioria, os obreiros são pessoas de ilibada idoneidade, patriotas,e trabalham em silencio para o bem da comunidade. Tenho dito.

  09/06/2017 - 08:19 -   |   Responder/Comentar  |   




  134396 - Vanderlei Roberto Mascarin   Campinas-SP

caro Orly
já conversei com nossa amiga, seguindo as informações do Pelegrino.
Ela não vai negociar o precatório.
Amanhã estarei com ela e passarei sua orientação para procurar o advogado do processo.
obrigado um abraço

  08/06/2017 - 20:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134395 - orly guerra   vila velha

134391 - Vanderlei Roberto Mascarin

Colega Mascarin, a viúva precisa procurar o advogado do processo e pedir as informações para receber. Quanto aos telefonemas dos bandidos compradores de precatório, muito cuidado! Eles pagam no máximo 20% do valor a receber. Depois a vítima tem que pagar ao advogado original os honorários.

obs.: qual o nome que aparece e na lista de que mês?
--

  08/06/2017 - 19:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134394 - Vanderlei Roberto Mascarin   Campinas-SP

colega Antonio Pelegrino
obrigado pelas suas palavras e orientações.
Já repassei para a amiga Selma.
A situação financeira dela é satisfatória, não sendo necessário partir para o desespero.
Ela irá aguardar normalmente o recebimento dos precatórios.
um abraço

  08/06/2017 - 17:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134393 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

C- 134391 - Vanderlei Roberto Mascarin - Com todo respeito estou metendo o bico nas suas íntimas amizades, porém é fácil entender pelo que escreveu que és um ser bastante altruísta. O acesso que tem sofrido a Sra.Selma por parte de alguns advogados, também tem acontecido comigo: Porcentagens baixas quanto ao valor do precatório, problemas futuros como seu advogado, quanto aos honorários, imposto de Renda, INSS, etc. Eu diria que não compensa entrar em desespero, pois é um direito adquirido, vale até algumas emergências com empréstimos através do Banesprev, se a situação financeira estiver crítica. Com a determinação de que os devedores de Precatórios devem quita-los até 2020, anima um pouco, mas ainda é difícil acreditar em interesses de nossos políticos, quando tem que pagar alguma coisa ao cidadão. Os órgãos públicos tem a liberdade de quitar os precatórios até com um deságio de 40%, mas depois de disponibilizados demoram até dois anos para o dinheiro chegar até suas mãos, caso da Prefeitura do Município de São Paulo. Então dou o veredito: 90 dias para quitação, sem Imposto de Renda e documento de cumprimento, com multas às entidades que devem precatórios." A mais fácil acreditar que nosso ÍBIS vai ser campeão brasileiro que confiar em políticos" Abração colega!

  08/06/2017 - 14:54 -   |   Responder/Comentar  |   




  134392 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

É! Tem gente que fala porque tem saúde,como diz o velho ditado.
Incluir a Maçonaria em assuntos judiciais,assuntos de interesse
pessoal, dizendo que ela protege seus afiliados é no mínimo uma
ignorância total de seus objetivos.Saibam esses comentaristas
que dentro da maçonaria o maior objetivo é a justiça e outros
também de grande importância.Saibam que a maçonaria escolhe den-
tra da sociedade pessoas livres e de bom costume.Pode se enganar
nessa escolha,como acontece até nas religiões,mas seu objetivo
foi e será sempre a perfeição.Então peço aqui que se alguém deseja
tecer algum comentário pejorativo o faça ,porém desde que esteja
ciente daquilo que está falando.
Abraços Pirolo.

  08/06/2017 - 14:32 -   |   Responder/Comentar  |   




  134391 - Vanderlei Roberto Mascarin   Campinas-SP

Caro colega Orly Guerra
nossa amiga Selma, viúva do amigo ERMELINDO TURCO, está cansada de receber ligações telefônicas de escritórios de advocacia para negociar os precatórios. Já orientamos para não negociar dizendo que temos advogados em nossa Associação que estão cuidando do assunto.
Se possível nos ajudar a dar à viúva as informações ficaremos muito gratos.
O que é necessário para obter as informações
vc. precisa de algum dado do nosso amigo
agradecemos

  08/06/2017 - 14:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134390 - INFORMATIVO   SÃO PAULO

COPIA DE >NOTICIAS< AFABESP
07/06/2017 – GRATIFICAÇÕES SEMESTRAIS – JULGAMENTO DO DIA 06/06/2017 NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.
Publicado em 7 de junho de 2017 por Afabesp

Como foi divulgado pelo site da AFABESP, estava marcado para ontem, dia 06/6/2017, na 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal – STF (e não 2ª Turma como foi divulgado anteriormente) o prosseguimento do julgamento da ação das gratificações promovida pela AFABESP.

Nesse julgamento, deveria ser definida a possibilidade, ou não, de o Banco Santander interpor dois Recursos Extraordinários, como fez.

Já haviam proferido os seus votos anteriormente o Ministro Marco Aurélio, sustentando que apenas um recurso era cabível e o Ministro Luiz Fux, cujo entendimento era pelo cabimento de ambos os recursos.

Já o Ministro Luiz Roberto Barroso havia pedido vista dos autos.

No julgamento de ontem, o Ministro Barroso acabou optando por uma outra solução, qual seja, a devolução dos autos ao Tribunal Superior do Trabalho, para que seja apreciada a questão relativa à necessidade de assembleia geral dos associados, para que a AFABESP pudesse ajuizar a nossa ação. Ocorre que decisão nesse sentido foi proferida pelo STF, em 2014, numa outra ação coletiva, oriunda do Estado de Santa Catarina.

Por seu turno, o Ministro Luiz Fux, que já havia proferido o seu voto na nossa ação, resolveu mudá-lo para acompanhar, agora, o voto do Min. Barroso.

É oportuno lembrar que ainda falta votar o Ministro Alexandre Moraes, recentemente empossado na 1ª Turma do STF, o qual pediu vista do processo.

Nossos advogados de Brasília estão empenhados, agora, em demonstrar para os Ministros da 1ª Turma, que a decisão proferida pelo STF no processo oriundo de Santa Catarina, tratava-se de uma Ação Ordinária Coletiva e não de Ação Civil Pública, onde não se exige assembleia prévia dos associados. E lembrarão ainda, aos Ministros, que a AFABESP, por motivo de cautela, já realizou assembleia dos seus associados, os quais referendaram o ajuizamento da Ação Civil Pública das gratificações semestrais, por ela proposta.

Por fim, cabe lembrar que no julgamento de ontem, ficou praticamente afastada a ofensa ao princípio do contraditório, argumento também suscitado pelo Banco Santander no seu Recurso Extraordinário.

No entanto, há necessidade de se aguardar o final do julgamento e a publicação do respectivo acórdão para que possamos ter clareza daquilo que foi decidido.

Apesar de mais este adiamento, continuamos confiantes no sucesso do nosso pleito, que foi vitorioso até aqui, em todas as instâncias da Justiça do Trabalho.

AFABESP – DIRETORIA

  08/06/2017 - 11:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134389 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

com. 387, Meu caro Carlos, continuo sem entender.A decisão sobre o congelamento de nossos salários foi tomada por várias pessoas que faziam parte das diretorias do Santander, Afubesp e Sindicato. Você esta dizendo que o Vacari recebeu propina e as outras pessoas concordaram com ele de graça? As delações não são condenações, mas sim o princípio das investigações. Um grande abraço.

  08/06/2017 - 11:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134388 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Com. 387. É, tem muita gente mesmo falando abobrinhas neste site. Mas essa de meter maçonaria nas promoções do Banespa, convenhamos, foi de lascar. É um abobrão. Eu nunca tinha ouvido falar que essa entidade, pra mim muito séria, agisse por baixo dos panos, atropelando injustamente os outros pra beneficiar seus associado. Será que os colegas maçons concordam com isso? Nonato/Teresina.

  08/06/2017 - 09:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134387 - carlos h. ferreira   são paulo

134382 - Caro colega Rubens sua lembrança do livro de assinaturas foi brilhante, mostra que vc trabalhou no "MESMO" Banespa que eu trabalhei, aquele Banespa que tinha ingerência política de toda a ordem tanto na ADGER com a nomeação de diretores,assessores etc...etc.... como nas agências que eram das áreas operacionais.
Aos outros colegas que por alguma razão não entenderam minha sugestão e falaram abobrinhas em seus comentários, peço desculpa pois minha intenção era somar forças para sensibilizar os responsáveis pelos processos e de alguma forma agilizar para um final feliz. Afinal de contas todos são unânimes em criticar a justiça e sua morosidade e em muitos casos um "EMBARGO AURICULAR" faz a diferença pois estamos no Brasil e não na SUÍÇA ou DINAMARCA onde as coisas funcionam como um relógio e há uma grande confiança do povo em suas instituições.
Quanto ao outro colega que tb não entendeu a propina para o Vaccari, leia todas as delações onde ele é citado como um dos arrecadadores de propinas para o PT e verá que a sua capivara é bem extensa.

  08/06/2017 - 23:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134386 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP

Não há motivo para desacreditar. Infelizmente, se acontecem esses pedidos de Vistas devem-se aos políticos. Esses pedidos encontram amparos legais. Entendo eu, que o STF tem a função primordial de julgar tudo que seja constitucional. Caso houver algum julgamento que descumpre nossa Constituição os advogados deverão arregaçar as mangas e correr atrás do prejuízo. Vamos aguardar com um pouquinho de paciência que a Justiça será feita, confio no Judiciário!

  08/06/2017 - 23:02 -   |   Responder/Comentar  |   




  134385 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP


processo da segunda leva da gratificação que esta no TST

Processo: ARR - 2384-75.2011.5.02.0031 - Fase Atual: ED
Tramitação Eletrônica - Lei nº 10.741 (Estatuto do Idoso)
Número no TRT de Origem: RO-2384/2011-0031-02.
Órgão Judicante: 6ª Turma
Relatora: Ministra Kátia Magalhães Arruda

Embargante: BANCO SANTANDER (BRASIL) S.A.
Advogado: Dr. Maurício de Sousa Pessoa
Advogado: Dr. Mozart Victor Russomano Neto
Embargante: ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SÃO PAULO - AFABESP
Advogado: Dr. Antônio Manoel Leite
Advogado: Dr. José Torres das Neves
Advogado: Dr. José Tôrres das Neves
Advogado: Dr. Renato Rua de Almeida
Embargado(a): OS MESMOS

Acompanhamento Processual
07/06/2017
*****************************************************************
Incluído em pauta o processo para o (de 13/06/2017 a 20/06/201700:00 vinculado à 16ªSessão Presencial de 21/06/2017).
************************************************************************************************************************************
06/06/2017
Disponibilizado(a) PAUTA DE JULGAMENTO no Diário da Justiça Eletrônico

  08/06/2017 - 22:57 -   |   Responder/Comentar  |   




  134384 - ROBERTO MAZZALI   PIRASSUNUNGA.SP

EM TEMPO: SR. PERICLES E RUBENS J FREITAS...ACHO QUE ESTAMOS NUM PAIS DEMOCRATICO ACHO QUE POSSO COLOCAR AQUI O QUE PENSO.TENHO LIDO TANTA BESTEIRA AQUI NO AP DO BANESPA POR ISSO ACHO QUE TENHO O DIREITO DE ME EXPRESSAR QUANTO A TIRAR MEU NOME DA AÇÃO NÃO VEJO O PORQUE SE SAIR TENHO TODO DIREITO COMO VOCES TEM POIS ESTÃO MISTURANDO AS COISAS SERA QUE SÃO CEGOS NÃO ESTÃO VENDO QUE OS POLITICOS E OUTROS MAIS SÃO COMPRADOS OU ENTÃO VAMOS FAZER UMA VAQUINHA DE MILHÕES E TENTAR COMPRAR QUEM ESTÃO NOS PREJUDICANDO....BOA NOITE

  08/06/2017 - 21:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134383 - ROBERTO MAZZALI   PIRASSUNUNGA.SP

134364...SR.CARLOS H FERREIRA;;;....ESTAIS FALANDO ABOBRINHA..COISA QUE VOCE NÃO ENTENDE...NÃO COLOQUE MAÇONARIA NESSE ESQUEMA AI QUE VOCE ESTA FALANDO..VOCE NÃO CONHECE A ORDEM COMO FUNCIONA A IRMANDADE OS CARGOS QUE PASSEI NO BANCO FOI CONCURSO INTERNO NO CREDITO RURAL NINGUEM ERA NOMEADO OU SUBIA DE CARGO SEM PRESTAR CONCURSO E NÃO FICAVA NA MESMA AGENCIA O MESMO ERA TRANSFERIDO PARA OUTRA CIDADE NÃO EXISTIA APADRINHAMENTO DE MAÇONARIA NÃO ...QUER FALAR MAL FALE DE NOSSA ASSOCIAÇÃO DO EX BANESPA DOS ADVOGADOS DOS JUIZES PORQUE MAÇONARIA NÃO TEM NADA A VER COM NOSSOS PROBLEMAS , O QUE ESTA ACONTECENDO É A VERGONHA DE NOSSA POLITICA E JUSTIÇA.....ABRAÇOS

  08/06/2017 - 21:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134382 - Rubens José de Freitas   SÃO JOSE DO RIO PRETO-SP

134378 - Geraldo Trilho - Quando existia o livro de assinaturas dos funcionários com cargos no Banespa, os primeiros nomes eram de portadores dos maiores cargos e por coincidência todos tinham três pontinhos nas assinaturas. Fácil era identifica-los.

  07/06/2017 - 20:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134381 - Rubens José de Freitas   SÃO JOSE DO RIO PRETO-SP

com 134364 - Logo após esse episódio o Sindicato dos Bancários de São José do Rio Preto-SP construiu um monumental prédio de andares, no centro da cidade, onde funciona sua sede.

  07/06/2017 - 20:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134380 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

134367 - Péricles de Andrade - Ótima resposta. Já que o declarante está ciente do que escreveu, deveria cair fora do processo, caso contrário está claro que está apenas agitando, pois não assume o que diz.

  07/06/2017 - 20:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134379 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134366 - Roberto mazzali

Colega Banespiano MAZZALI, como você pode ser tão pessimista assim?

Faz-me recordar de uma ação contra o Banespa, de 1981, que só entrei porque era sindicalizado (40% para várias funções). O pessoal que não era sindicalizado ficava secando a ação visto estarem fora dela: "ninguém vai receber nada".

Sempre que o advogado pegava o processo me chamava para fazer o cálculo e comparar com o do perito. Eu apontava onde havia erros nos índices ou forma errada de calcular. Até que em 1992 o juiz mandou pagar. Mas o perito não atualizou os cálculos e recebemos somente 10%. Foi naquele tempo da inflação alta. Refiz tudo e o advogado fez recurso. Recebemos tudo em 1997!

Mazzali, usa o raciocínio, aguarda mais um pouquinho; os tentáculos do Santander são enormes; a justiça não é lenta, como dizem, Mas COMPRADA!

DEUS é grande!

VIU A DIFERENÇA. Ou faça como Péricles disse . . . já que você não quer receber.
--

  07/06/2017 - 19:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134378 - Geraldo Trilho   CLI Niterói- RJ

Companheiro Nonato (com. 375), nunca ouvi falar de maçonaria no banco. Por favor, desconsidere o que disse no companheiro do com. 364. Antigamente (nosso tempo)isso era chamado de "samba do crioulo doido". Ele associa maçonaria com o ministro paulista, que deve saber de gratificação, IGP-DI, Vacari, Sindicato e etc.
Com todo respeito, ignora!
PS aguardo explanação sobre nomes de praias Piauienses.
PS2. Já notou que sempre identifico minha cidade como CLI? ninguém contestou até hoje, o por quê desse apêndice

  07/06/2017 - 19:00 -   |   Responder/Comentar  |   




  134377 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

com 134364. Caro Carlos.Se o congelamento de nossos salários foi um acordo com o Santander, Afubesp e Sindicato dos Bancários,por que só o Vacari teria recebido propina ??? Não entendi. Abraços.

  07/06/2017 - 18:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134376 - Celio de Oliveira Cavalcante   Guaratingueta - SP

Favor regularizar data de nascimento está como 06/06/, alterar para 06/07

  07/06/2017 - 17:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134375 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Com. 364 - Pela primeira vez ouvi falar da maçonaria participando de conchavos aéticos nas promoções do Banespa. Quantos colegas que tinham mérito ficaram pra trás por conta destes conluios. Se assim era, cadê nossa moral para reclamar das maracutais dos outros? Ora, ora. Nonato-Teresina.

  07/06/2017 - 17:24 -   |   Responder/Comentar  |   




  134374 - Antonio Sergio de Oliveira   Cruzeiro sp

boa tarde, com relação a ação do IGPDI alguemsabe informar algo a respeito
agradecido

  07/06/2017 - 17:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134373 - Antonio Sergio de Oliveira   Cruzeiro sp

boa tarde, com relação a ação do IGPDI alguemsabe informar algo a respeito
agradecido

  07/06/2017 - 17:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134372 - Carlos Zitelli   Araraquara-sp

Prezados colegas, boa tarde!

Temos que nos conformar com nossa (in)justiça. Pedir vista é da lei, pois bem, pedir 3 (três) vezes vista do mesmo processo e quando tem oportunidade ainda faz reajuste de voto. Será que em 720 dias não deu para ele ter ideia sobre o processo.
À AFABESP já procurou saber do que se trata?? Infelizmente estamos nas mãos de gente que acha que o Banespa ainda existe. Quem quiser saber tem que puxar o sacos desses caras, levar presente, etc.
Nós estamos inteiramente ao sabor dos ventos. Ninguém informa nada, quando queremos saber sobre assunto do nosso interesse temos de nos socorrer aos colegas que fazem parte desse site. Até temos desentendimento entre nós. É exatamente que eles querem.Temos que brigar contra à AFABESP, justiça e principalmente saber qual é o grande "interesse" desse Fux pelo processo. Tenho o direito de pensar o que eu quero. Lamentável.
O que sobra é nossa certeza que muita gente esta levando grana.
Quem pode nos ajudar? ninguém.
Durante todo o processo, desde o início, à AFABESP nunca se preocupou em nos defender de forma efetiva. Só sabem fazer petição. Quando tem festa eles convidam o presidente da Banesprev.
Colegas, sinto muito, não é pessimismo mas realidade.
Esqueçam o ano de 2017.
Em abraço a todos.

Carlos Zitelli

  07/06/2017 - 17:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134371 - Neusa de Almeida Barros   Taubaté SP

P07/06/2017 – GRATIFICAÇÕES SEMESTRAIS – JULGAMENTO DO DIA 06/06/2017 NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.
Publicado em 7 de junho de 2017 por Afabesp
Como foi divulgado pelo site da AFABESP, estava marcado para ontem, dia 06/6/2017, na 1ª Turma do Supremo Tribunal Federal – STF (e não 2ª Turma como foi divulgado anteriormente) o prosseguimento do julgamento da ação das gratificações promovida pela AFABESP.

Nesse julgamento, deveria ser definida a possibilidade, ou não, de o Banco Santander interpor dois Recursos Extraordinários, como fez.

Já haviam proferido os seus votos anteriormente o Ministro Marco Aurélio, sustentando que apenas um recurso era cabível e o Ministro Luiz Fux, cujo entendimento era pelo cabimento de ambos os recursos.

Já o Ministro Luiz Roberto Barroso havia pedido vista dos autos.

No julgamento de ontem, o Ministro Barroso acabou optando por uma outra solução, qual seja, a devolução dos autos ao Tribunal Superior do Trabalho, para que seja apreciada a questão relativa à necessidade de assembleia geral dos associados, para que a AFABESP pudesse ajuizar a nossa ação. Ocorre que decisão nesse sentido foi proferida pelo STF, em 2014, numa outra ação coletiva, oriunda do Estado de Santa Catarina.

Por seu turno, o Ministro Luiz Fux, que já havia proferido o seu voto na nossa ação, resolveu mudá-lo para acompanhar, agora, o voto do Min. Barroso.

É oportuno lembrar que ainda falta votar o Ministro Alexandre Moraes, recentemente empossado na 1ª Turma do STF, o qual pediu vista do processo.

Nossos advogados de Brasília estão empenhados, agora, em demonstrar para os Ministros da 1ª Turma, que a decisão proferida pelo STF no processo oriundo de Santa Catarina, tratava-se de uma Ação Ordinária Coletiva e não de Ação Civil Pública, onde não se exige assembleia prévia dos associados. E lembrarão ainda, aos Ministros, que a AFABESP, por motivo de cautela, já realizou assembleia dos seus associados, os quais referendaram o ajuizamento da Ação Civil Pública das gratificações semestrais, por ela proposta.

Por fim, cabe lembrar que no julgamento de ontem, ficou praticamente afastada a ofensa ao princípio do contraditório, argumento também suscitado pelo Banco Santander no seu Recurso Extraordinário.

No entanto, há necessidade de se aguardar o final do julgamento e a publicação do respectivo acórdão para que possamos ter clareza daquilo que foi decidido.

Apesar de mais este adiamento, continuamos confiantes no sucesso do nosso pleito, que foi vitorioso até aqui, em todas as instâncias da Justiça do Trabalho.



AFABESP – DIRETORIA

  07/06/2017 - 16:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134370 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

respondendo ao colega do comentário abaixo abaixo

mais coisas para ficarmos atentos e aguardando explicações da AFABESP

Número (CNJ, 20 dígitos)
0019510-52.2015.4.03.0000
Processo
2015.03.00.019510-9
Número de origem
0011303-54.2002.4.03.6100
Classe
564526 AI (AG) - SP
Vara
9 SAO PAULO - SP
Data de autuação
25/08/2015
Partes
Nome
Agravante BANCO SANTANDER BRASIL S/A
Advogado LUCIANO DE SOUZA GODOY
Agravado(A) ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP
Advogado JOAO ROBERTO EGYDIO PIZA FONTES
Relator
DES.FED. NELTON DOS SANTOS
Assuntos
Descrição
Assunto Licenças - Atos Administrativos - Direito Administrativo e outras matérias do Direito Público
Detalhe 1++ Antecipação de Tutela/Tutela Específica - Processo e Procedimento - Direito Processual Civil e do Trabalho
Detalhe 1++ Efeitos - Recurso - Direito Processual Civil e do Trabalho
Detalhe 1++ AÇÃO CIVIL PÚBLICA
Órgão julgador
TERCEIRA TURMA
Localização SUBSECRETARIA DA TERCEIRA TURMA (GR)
Endereço AV. PAULISTA, 1842 - 16º ANDAR - TORRE SUL
Número de volumes17 Número de páginas 3708
Número de caixa 0
Peticões
Número Tipo Parte Entrada Data de juntada
2015214012 AGRAVO DE INSTRUMENTO (ART.1015 NCPC) BANCO SANTANDER S/A 24/08/2015
2015250899 RESPOSTA AO AGRAVO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 30/09/2015 01/10/2015
2015324730 AGRAVO INTERNO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 11/12/2015 14/12/2015
2016004828 AGRAVO INTERNO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 18/01/2016 19/01/2016
2016022140 REQUER PRIORIDADE TRAMITAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 03/02/2016 10/02/2016
2016095646 RESPOSTA AO AGRAVO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 26/04/2016 27/04/2016
2016095648 RESPOSTA AO AGRAVO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 26/04/2016 27/04/2016
2016150360 REQUER PRIORIDADE TRAMITAÇÃO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 07/07/2016 08/07/2016
2016182727 SUBSTABELECIMENTO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 18/08/2016 19/08/2016
2016266103 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 05/12/2016 06/12/2016
2017034262 CONTRARRAZÕES BANCO SANTANDER BRASIL S/A 24/02/2017 03/03/2017
******************************************************************
2017111246 RECURSO ESPECIAL ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 05/06/2017 06/06/2017
Fases
Data Descrição Documentos
06/06/2017 REMESSA PARA APRECIAÇÃO DE RECURSO GUIA NR.: 2017107452 DESTINO: SUBS. DE FEITOS DA VICE PRESIDENCIA -
06/06/2017 JUNTADA DE PETIÇÃO DE RES Petição Número 2017111246 -
*****************************************************************



  07/06/2017 - 16:32 -   |   Responder/Comentar  |   




  134369 - Antônio Sérgio de oliveira ....petica.   Cruzeiro

Boa tarde e foi igpdi alguém sabe alguma coisa

  07/06/2017 - 15:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134368 - zoia rodrigues de lima   campo grande ms

ARE 675945 - RECURSO EXTRAORDINÁRIO COM AGRAVO  (Processo físico)
Origem:
SP - SÃO PAULO
Relator atual
MIN. MARCO AURÉLIO
RECTE.(S)
ASSOCIAÇÃO DOS FUNCIONÁRIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SÃO PAULO - AFABESP 
ADV.(A/S)
RENATO RUA DE ALMEIDA (0029241/SP) E OUTRO(A/S)
RECTE.(S)
BANCO SANTANDER BRASIL S/A 
ADV.(A/S)
VICTOR RUSSOMANO JÚNIOR (3609/DF) 
RECDO.(A/S)
OS MESMOS 

Andamentos
DJ/DJe
Jurisprudência
Deslocamentos
Detalhes
Petições
Recursos
Data
Andamento
Órgão Julgador
Observação
Documento
06/06/2017 
Vista ao(à) Ministro(a) 
MIN. ALEXANDRE DE MORAES 
Decisão: Após o voto do Senhor Ministro Marco Aurélio, Presidente e Relator, que negava provimento ao terceiro agravo regimental; e dos votos dos Senhores Ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Fux (reajustou o voto), que davam parcial provimento ao recurso, pediu vista do processo o Senhor Ministro Alexandre de Moraes. Impedida a Senhora Ministra Rosa Weber. Primeira Turma, 6.6.2017. 

  07/06/2017 - 14:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134367 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caro colega Roberto Mazzali - Pirassununga/SP, se vc não acredita em papai noel e acha que nunca vai receber nada do Satãder, que tal pedir a exclusão de seu nome nos procs em que Afabesp patrocina? Aí vc poderia deixar os demais colegas sonharem com o sucesso nas ações. Abs.

  07/06/2017 - 14:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134366 - Roberto mazzali   Pirassununga

colegas parem de acreditar em papai noel, nós nunca vamos receber nada desse banco afanes precisa parar de gastar nosso dinheiro com advogados estão jogando dinheiro no lixo amigo deputado me disse o valor é muito alto vamos rezar pra continuar recebendo nossa aposentadoria em dia de acordo com a atual situação do país

  07/06/2017 - 13:52 -   |   Responder/Comentar  |   




  134365 - Roberto mazzali   Pirassununga

  07/06/2017 - 13:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134364 - carlos h. ferreira   são paulo

Sempre trabalhei na ADGER e por esta razão tinha contatos diretos com Gerentes Regionais e Gerentes de Agencias.
As promoções de cargo tanto na ADGER como nas Regionais sempre tinha uma indicação, normalmente externa que poderia ser de algum político que estava no poder ou tinham influência sobre o Governador do Estado de São Paulo, mas via de regra muitos colegas usavam da maçonaria para conseguir cargos diversos no Banco seja na ADGER ou Regionais.
A maçonaria dentro do Banco tinha um poder enorme em toda a Administração e em se falando das agencias fora do estado de SP então não tinha para ninguém o funcionário poderia ser o melhor do mundo mas se um outro fosse maçom já sabíamos com antecedência quem seria o promovido.
O poder da maçonaria sempre foi muito grande e sabemos que entre os aposentados muitos são maçons inclusive com cargos elevados.
Disse tudo isto para deixar uma indagação a todos os colegas; Porque os aposentados que detém cargo na maçonaria não se juntam para marcar uma audiência com o Ministro Alexandre de Moraes que é paulista e por esta razão acredito ser muito mais fácil um diálogo com ele do que com outros ministros.
Este diálogo seria para esclarecer detalhes dos processos tanto da gratificação como do IGPDI que hoje sabemos o Vaccari na época do Sindicato dos Bancários recebeu propina para o PT em troca do acordo onde os aposentados ficariam 5 anos sem aumento salarial.
Acredito que seria uma forma de sensibilizar o Ministro para o caso.
Como a maioria de nós já passou dos 70 e nos resta pouco tempo temos que no mínimo tentar fazer alguma coisa uma vez que infelizmente nossa AFABESP nos deixa no meio do mar num barco a deriva. Caso os colegas se prontifiquem a seguir a sugestão isto valeria tb para falar com o Juiz do processo do IGPDI, estariam falando entre irmãos.

  07/06/2017 - 13:16 -   |   Responder/Comentar  |   




  134363 - APRIGIO TORRES DE ALMEIDA   PRESIDENTE PRUDENTE SP

NOSSA JUSTIÇA É UMA VERGONHA INTERNACIONAL ! > DESACREDITADA, ELA VAI VIVENDO DE CORRUPÇÕES SEM PRECEDENTES EM NOSSA HISTÓRIA, CHEGA A MANCHAR O "VERDE ESPERANÇA" DE NOSSA BANDEIRA > !!!

  07/06/2017 - 13:08 -   |   Responder/Comentar  |   




  134362 - Adélia Mauricio silva   Divinópolis

Considerando a CONTUMÁCIA DE PEDIDOS DE "VISTAS" e a constante troca de alunos da ESCOLINHA, e o TITANIC já ter ido a pique, DESISTO.

  07/06/2017 - 12:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134361 - URANDI AMPUDIA BERTI   PARAGUAÇU PAULISTA/SP

A questão de "vista". É a Lei, se o magistrado precisa se inteirar mais do assunto em julgamento, lhe é legalmente permitido "pedir vista" que é o ato de "levar o processo pra casa" para estudá-lo, tirando as dúvidas que poderia ter ao pronunciar o seu voto. Infelizmente, os prazos estabelecidos nas leis brasileiras só valem para assuntos de repercussão nacional (ao cumpri-los o magistrado deixará de ser cobrado publicamente pela mídia); para os demais assuntos fica a critério de quem pediu cumprir ou não, pois a cobrança costumeiramente só são feitas nos autos. Acredito que seja isso, se não for, por favor me corrijam.

  07/06/2017 - 12:27 -   |   Responder/Comentar  |   




  134360 - DESCONTRAÇÃO   Brasilia

DETALHES... - REFORMA PROCESSUAL (CÓPIA)
http://www.conjur.com.br/2006-fev-17/pedido_vista_nao_durar_dez_dias

REFORMA PROCESSUAL
Lei determina que pedido de vista só pode durar dez dia
17 de fevereiro de 2006, 17h02
O juiz que pedir vista do processo terá de trazê-lo de volta para julgamento da turma em no máximo dez dias. Essa é uma das disposições da Lei 11.280/06, sancionada nesta quinta-feira (16/2) pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva. A lei entra em vigor em 90 dias.

Pelo texto, caso o processo não seja devolvido, nem for solicitada a prorrogação do prazo pelo juiz, o presidente da turma ou câmara de julgamento deve requisitar a ação e reabrir o julgamento automaticamente na sessão seguinte.

A nova lei também permite ao juiz decretar a prescrição do direito em discussão no processo. Assim, as ações já prescritas, que continuavam tramitando até que uma das partes apontasse a prescrição, agora serão finalizadas pelo próprio juiz.

A norma prevê, ainda, que a ação rescisória não impede o cumprimento da sentença contra a qual foi ajuizada a ação. A Lei 11.280/06 é a quinta do pacote de reforma infraconstitucional do Poder Judiciário sancionada pelo governo nos últimos meses. A reforma prevê a alteração da legislação processual civil, penal e trabalhista e é comandada pela Secretaria de reforma do Judiciário do Ministério da Justiça.

DETALHES... (Roberto Carlos)
https://www.youtube.com/watch?v=OzHNluOdrhA
... e se um cabeludo aparecer...

  07/06/2017 - 11:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134359 - Lazaro gascon molina   FRANCA-SP.

NOSSA JUSTIÇA É UMA VERGONHA,ONDE ANDO OS DIREITOS DOS IDOSOS,PROCESSO COM 3 PEDIDO DE VISTO,SERÁ QUE MUITA GENTE ESTA SENDO COMPRADA, ALEXANDRE DE MORAIS ENTROU SÓ PARA PARAR PROCESSOS,POIS EM POUCO TEMPO JÁ PEDIU VISTO EM 2 PROCESSOS.

  07/06/2017 - 11:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134358 - Lazaro gascon molina   FRANCA-SP.

NOSSA JUSTIÇA É UMA VERGONHA,ONDE ANDO OS DIREITOS DOS IDOSOS,PROCESSO COM 3 PEDIDO DE VISTO,SERÁ QUE MUITA GENTE ESTA SENDO COMPRADA, ALEXANDRE DE MORAIS ENTROU SÓ PARA PARAR PROCESSOS,POIS EM POUCO TEMPO JÁ PEDIU VISTO EM 2 PROCESSOS.

  07/06/2017 - 11:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134357 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

mais coisas para ficarmos atentos e aguardando explicações da AFABESP

Número (CNJ, 20 dígitos)
0019510-52.2015.4.03.0000
Processo
2015.03.00.019510-9
Número de origem
0011303-54.2002.4.03.6100
Classe
564526 AI (AG) - SP
Vara
9 SAO PAULO - SP
Data de autuação
25/08/2015
Partes
Nome
Agravante BANCO SANTANDER BRASIL S/A
Advogado LUCIANO DE SOUZA GODOY
Agravado(A) ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP
Advogado JOAO ROBERTO EGYDIO PIZA FONTES
Relator
DES.FED. NELTON DOS SANTOS
Assuntos
Descrição
Assunto Licenças - Atos Administrativos - Direito Administrativo e outras matérias do Direito Público
Detalhe 1++ Antecipação de Tutela/Tutela Específica - Processo e Procedimento - Direito Processual Civil e do Trabalho
Detalhe 1++ Efeitos - Recurso - Direito Processual Civil e do Trabalho
Detalhe 1++ AÇÃO CIVIL PÚBLICA
Órgão julgador
TERCEIRA TURMA
Localização SUBSECRETARIA DA TERCEIRA TURMA (GR)
Endereço AV. PAULISTA, 1842 - 16º ANDAR - TORRE SUL
Número de volumes17 Número de páginas 3708
Número de caixa 0
Peticões
Número Tipo Parte Entrada Data de juntada
2015214012 AGRAVO DE INSTRUMENTO (ART.1015 NCPC) BANCO SANTANDER S/A 24/08/2015
2015250899 RESPOSTA AO AGRAVO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 30/09/2015 01/10/2015
2015324730 AGRAVO INTERNO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 11/12/2015 14/12/2015
2016004828 AGRAVO INTERNO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 18/01/2016 19/01/2016
2016022140 REQUER PRIORIDADE TRAMITAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 03/02/2016 10/02/2016
2016095646 RESPOSTA AO AGRAVO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 26/04/2016 27/04/2016
2016095648 RESPOSTA AO AGRAVO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 26/04/2016 27/04/2016
2016150360 REQUER PRIORIDADE TRAMITAÇÃO MINISTERIO PUBLICO FEDERAL 07/07/2016 08/07/2016
2016182727 SUBSTABELECIMENTO BANCO SANTANDER BRASIL S/A 18/08/2016 19/08/2016
2016266103 EMBARGOS DE DECLARAÇÃO ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 05/12/2016 06/12/2016
2017034262 CONTRARRAZÕES BANCO SANTANDER BRASIL S/A 24/02/2017 03/03/2017
******************************************************************
2017111246 RECURSO ESPECIAL ASSOCIACAO DOS FUNCIONARIOS APOSENTADOS DO BANCO DO ESTADO DE SAO PAULO AFABESP 05/06/2017 06/06/2017
Fases
Data Descrição Documentos
06/06/2017 REMESSA PARA APRECIAÇÃO DE RECURSO GUIA NR.: 2017107452 DESTINO: SUBS. DE FEITOS DA VICE PRESIDENCIA -
06/06/2017 JUNTADA DE PETIÇÃO DE RES Petição Número 2017111246 -
*****************************************************************

  07/06/2017 - 11:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134356 - alis diba   são pedro do turvo/sp

Pergunto aos entendidos: o prazo de vista não é de 15 dias , prorrogado pois mais 15 dias? Então, quem é que está transgredindo a lei? A lei tem que ser obedecida só por nós simples mortais? Como diz o colega Péricles, esta é nossa in(justiça).

  07/06/2017 - 10:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134355 - Antônio Pelegrino   Cafelândia -SP



S O S ( save our souls ou sarve nossa arma)

  07/06/2017 - 10:01 -   |   Responder/Comentar  |   




  134354 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Pois é. Mais um adiamento com amparo na legislação e no regimento do STF. Fazer o quê? Esperar, claro, e nada mais. Pra quem já ia começar a receber, como alguns tentaram adivinhar.... Pelo visto o cara que previu mais quarenta anos pode mesmo estar errado, mas pra menos. Esta é a realidade que este modesto chato sempre mostrou. Repetindo:- tudo gira no contexto de como a legislação processual existe e é aplicada no país. Nada de anormal. O resto é conversa fiada. Você quer que seja diferente? Pois vamos pedir ao nosso "glorioso" Congresso Nacional pra mudar a lei. Fora disso não há outro caminho. Nonato-Teresina.

  07/06/2017 - 09:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134353 - URANDI AMPUDIA BERTI   PARAGUAÇU PAULISTA/SP

Julgamentos do processo das gratificações no Supremo Tribunal Federal:
06/06/2017 - Decisão: Após o voto do Senhor Ministro Marco Aurélio, Presidente e Relator, que negava provimento ao terceiro agravo regimental; e dos votos dos Senhores Ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Fux (reajustou o voto), que davam parcial provimento ao recurso, pediu vista do processo o Senhor Ministro Alexandre de Moraes. Impedida a Senhora Ministra Rosa Weber.
07/03/2017 - Decisão: Após o voto do Senhor Ministro Marco Aurélio, Presidente e Relator, que negava provimento ao terceiro agravo regimental, e do voto do Senhor Ministro Luiz Fux, que o provia, pediu vista do processo o Senhor Ministro Luís Roberto Barroso.

  07/06/2017 - 07:33 -   |   Responder/Comentar  |   




  134352 - URANDI AMPUDIA BERTI   PARAGUAÇU PAULISTA/SP

Decisão STF julgamento hoje - Processo da Gratificação:"Decisão: Após o voto do Senhor Ministro Marco Aurélio, Presidente e Relator, que negava provimento ao terceiro agravo regimental; e dos votos dos Senhores Ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Fux (reajustou o voto), que davam parcial provimento ao recurso, pediu vista do processo o Senhor Ministro Alexandre de Moraes. Impedida a Senhora Ministra Rosa Weber. Primeira Turma, 6.6.2017" I?

  07/06/2017 - 22:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134351 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

FIM DA OBRIGATORIEDADE DA CONTRIBUIÇÃO SINDICAL. Vamos lutar para que esse imposto seja banido, além de servir para financiar bandidos, será uma vingança do que o Sindicato fez conosco, aceitando ficar 5 anos sem atualização do nosso salário.

  07/06/2017 - 21:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134350 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

O KOJAK pediu vistas. Era esperado. Que a devolução das vistas não seja à perder de vistas...

  07/06/2017 - 21:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134349 - Dorival Jeronimo Coquemala   Tupã - sp -

O que significa voltar à origem. Alguém advogado explica por favor, porque se for tramitar por todas as instâncias é mais quantos anos.
E estou de acordo com o colega de Taquaritinga, vamos solicitar à Afabesp se devemos colocar isso na grande imprensa, nem que seja para debitar em nossas contas o custo disso. Não dá para continuar com essas frustrações. Muitos dos nosso colegas já partiram e outros estarão partindo, ou ainda todos. Que absurdo. Vai continuar trocando ministros até quando.

  07/06/2017 - 21:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134348 - Américo Rodrigues Salmeron   Taquaritinga

Já era certo que com a entrada deste ministro, teríamos mais um prazo de espera deste processo que não se chega a uma conclusão favorável aos aposentados do Banespa. Temos mais que ficar em cima e cobrar e não ficarmos esperando que o milagre caia dos céus. Eles não tem pressa porque seus salários são altíssimos, mais as comissões de cargo. Nós Banespianos temos que ficar esperando a vontade destes magistrados indicados por políticas. Vamos nos unir e reforçar nossas lutas indo atrás de nossos direitos. Este Banco Santander é terrível. Não vamos desanimar nunca!!!

  07/06/2017 - 21:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134347 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caros colegas, peço minhas desculpas por ter postado palavras não confrontadas ao devido CPC. Esclareço que consultei a internet – google
http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=168514
Notícias STFImprimir
Segunda-feira, 20 de dezembro de 2010
Não percebi, não atentei para adoção do novo CPC, a posteriori à publicação de 2010 do STF, conforme esclarecido pelo colega Nonato, no seu comentário com relação ao que eu tinha postado. Estou agradecido ao colega por ter corrigido o que postei sobre os Artigos colhidos no site do STF supra. Confirmo que errei em não fazer a devida confrontação ou circularização necessária quando manifestamos nossas opiniões. Peço aos colegas que me perdoem, pois não devia fazê-lo sem o devido cuidado. Erro cometido e plenamente assumido.

  06/06/2017 - 20:55 -   |   Responder/Comentar  |   




  134346 - JOSE MILTON DE ANDRADE MARQUES   SÃO BERNARDO DO CAMPO - SP

Novo pedido de vista suspende julgamento de caso de aposentados do Banespa
Pedido de vista do ministro Alexandre de Moraes, na Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF), suspendeu o julgamento do caso de servidores aposentados do antigo Banco do Estado de São Paulo (Banespa), sucedido pelo Santander, em disputa por verbas referentes a participação nos lucros e resultados. O tema é tratado no Recurso Extraordinário com Agravo (ARE) 675945.
Até agora foram proferidos dois votos pelo provimento parcial de agravo regimental interposto pelo Banco Santander e um que nega provimento. Os dois votos determinam que o processo retorne ao Tribunal Superior do Trabalho (TST), a quem caberá avaliar se há a autorização expressa dos associados para a propositura da ação coletiva, conforme exigido pela jurisprudência do STF no julgamento do Recurso Extraordinário (RE) 573232.
Nesta terça-feira (6) foi proferido voto-vista do ministro Luís Roberto Barroso nesse sentido. Segundo seu entendimento, em caso de aplicação equivocada de precedente, os autos devem ser devolvidos à origem para que a decisão seja readequada ao posicionamento do STF. A posição foi adotada também pelo ministro Luiz Fux na sessão de hoje. O relator, ministro Marco Aurélio, votou no sentido de negar provimento ao recurso do banco. Já a ministra Rosa Weber se encontra impedida de votar por ter participado do julgamento do caso no TST.

  06/06/2017 - 20:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134345 - JOAO PEREIRA NETTO PEREIRAno   NOVA GRANADA

Durval Paz de Lima, parabens pelo Aniverssario, muita felicidade, muita saudade dos bons tempo de Paula Sousa Abraços. Que Deus ilumine
voce seus familiares.

  06/06/2017 - 19:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134344 - Raiamundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Com. 340 - Tem divergência não meu caro Eliel. O único objetivo de todos é esclarecer o assunto da melhor maneira possível e nada mais. Peço-lhe permissão apenas para informar que os arts. do CPC que o colega citou se referem ao de 1973 (revogado) e não do atual NCPC que me parece são os de nºs. 1035 (ou 25) e 1036. Abraços, Nonato-The.

  06/06/2017 - 17:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134343 - Irineu Chiquito Lopes   Leme-sp

Obrigado Luiz Guerino Franchi e João Jair Bibiano, grandes amigos,muitas saudades de nossos tempos de Mirandópolis-sp

  06/06/2017 - 12:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134342 - Irineu Chiquito Lopes   Leme-sp

  06/06/2017 - 12:05 -   |   Responder/Comentar  |   




  134341 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Please, última palavra : corrigi-la para propósito.

  06/06/2017 - 12:02 -   |   Responder/Comentar  |   




  134340 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Caros colegas, não divergi de ninguém, não faz parte do meu ser, principalmente através de um site. O que fiz foi relatar alguns Artigos de Lei, Portaria e Regulamento Interno do STF, sobre o assunto.. Inclusive tomei o cuidado de citar que há muitas outras variáveis a considerar, pois sabia do que fora dito pelo PIROLO e pelo VERMEERSCH. É sabido que há outros fundamentos jurídicos é só consultá-los no Google. Caso tenha parecido que eu tenha divergido, por favor aceitem o meu PERDÃO, pois não fora este o meu proósito.

  06/06/2017 - 12:00 -   |   Responder/Comentar  |   




  134339 - Carlos Antonio Vermeersch   Osvaldo Cruz / SP

Com.134338 Sr. Gilberto Pirolo, devo esclarecer que esta ação de 1998 foi contra o Banespa, e se deu em virtude do Governo Federal através do Presidente FHC, que mandou intervir no Banespa, e me lembro bem que estava na agencia Cambuci/SP, e a equipe do Bacen enviada pelo FHC, cortou as demais verbas de acordo com a CLT. Bem como o pagto das gratificaçãoes (agosto/janeiro do ano seguinte),eram verbas de natureza do estatuto do Banco), esta Diretoria do Bacen simplesmente não pagou para ninguém nem o pessoal da ativa (que era o meu caso) e muito menos os aposentados e conforme falei no comentário anterior na audiência que citei o nosso Advogado Dr. Renato Rua de Ameida, levou a proposta a equipe dele que estava presente,proposta esta que os Advogados do Santander falaram sobre pagar o PLR,QUE INTELIGENTEMENTE, seria apenas uma vez por ano e em março do ano seguinte. Pois bem em comun acordo os Advogados da Afabesp concordaram com esta proposta, mas com a seguinte ressalva , que neste caso "PLR" para os aposentados seria conrforme o ESTATUTO do Banco e que não dependeria do Lucro. o que também foi aceito pelos Advogados do Santander , isto não estou lhe dizendo porque eu acho, está descrito no acórdão do STF, quando o Ministro Relator foi o Ministro Dias Toffoli da 3turma que foi a segunda derrota do Santander, portanto espero ter esclarecido um pouco mais ok! abrs.

  06/06/2017 - 11:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134338 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Repercussão Geral.
Bem.Consegui o que queria:Provocar uma discussão sobre o assunto,é lógico, por quem entende do assunto.Nossos caros juristas.
Pelas opiniões e interpretações se conclui que:
A REPERCUSSÃO GERAL busca uma padronização de decisões sobre um
determinado direito referente a várias ações iguais.Sejam elas
econômicas,sociais,políticas etc.Então,cfe. a decisão do plenário
do STF,seja contra ou favor de determinada demanda,todos os tri-
bunais terão que acompanhar o decidido pelo STF nesse mesmo lití-
gio.Aliás a Repercussão Geral foi criada pra isso.Para desafogar
o STF, eliminando inúmeros recursos sobre o mesmo teor.
Bom vamos falar no que isso nos atinge:
A coisa começou quando o Sindicato fêz um acordo com o Santander
que aceitou trocar as gratificações por PLR e se esqueceu dos a-
posentados deixando-os sem pai nem mãe e o banco simplesmente não
pagou mais a gratificação aos que a vinham recebendo a mais de 40 anos.
Direito esse que deveria ter sido novamente pago cfe.decisão do
TST em todas as instâncias.Foi daí que o banco conseguiu apelar
para o STF com vários recursos,alguns negados pela Corte.
Uma questão é a discussão é a legitimidade de Associações de classe poderem ou não ajuizar ação civil pública,cuja legitimidade
foi afirmada pelo TST.Esse entendimento foi confirmado no STF e
quebrou o monopólio dos sindicatos onde sòmente eles poderiam en-
trar com tal ação.
Outra discussão se refere a como devem esses benefícios serem
pagos a aposentados e pessoal da ativa, o que poderia atingir
outras empresas nesse sentido.(Aí seria o caso da Repercussão
Geral.)Aí tem também a forma do cálculo dos benefícios.
O PLR é calculado sobre os salários do pessoal da ativa que real-
mente contribuem para o lucro da empresa, por isso se chama:PARTI-
CIPAÇÃO NOS LUCROS E RESULTADOS.Não tem como calcular o valor
aos aposentados.(O que poderia também gerar a REPERCUÇÃO GERAL).
Também está em jogo se a AÇÃO CIVIL PÚBLICA pode ser condenatória
também requisito que deve ser decido pelo STF.
Em síntese não se sabe o que poderá acontecer daqui pra frente.
Só nos resta aguardar.
Abraços Pirolo.

  06/06/2017 - 10:42 -   |   Responder/Comentar  |   




  134337 - Carlos Antonio Vermeersch   Osvaldo Cruz / SP

Com.134332 -Ernestão, sobre o seu esclarecimento devo dizer que tem tôda razão, pois a repercução geral é isto mesmo, e devo acrescentar que em uma das audiências o Dr. Renato R de Almeida advogado da Afabesp foi taxativo em sua resposta afirmando que a ação de 1998,que foi contra o Banespa ainda era para que restabelecesse o pagto da gratificação aos aposentados, portanto embora a Afabesp tenha cometido este lapso de informar apenas os oito mil e poucos na época que protocolou a ação se chegarmos a ganhar deverá ser restabelecido o pagto. para todos os aposentados do banespa, e os atrasados deverão ser pagos de acordo com a data de aposentadoria no INSS, isto independente de ganharmos a ação de 2011, foi oque me informou os advogados daqui que consultei ok abrs.

  06/06/2017 - 10:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134336 - Angelo Giacomeli   Laranjal PAulista-sp

134310- Nasci no Distrito de Jaciguá literalmente "embaixo da ponte" ferea. Migrei para Cachoeiro e consegui sobreviver em S Paulo desde 1968. Minha referencia em ajudar pessoa é "Chiquino do bode", para quem o conheceu.

  06/06/2017 - 09:32 -   |   Responder/Comentar  |   




  134335 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Olha, sobre repercussão geral não tem como haver divergência já que a sua aplicação é clara. Ela ocorre quando o STF entende que um determinado direito concedido a uma categoria tem que ser estendido a todos aqueles que dela façam parte, independentemente de terem pleiteado ou não, em face da igualdade jurídica plena da situação, tais como mesmo regulamento para aquisição do direito, mesmo patrão, mesma forma de ingresso, jornada de trabalho, etc. Além da repercussão geral, há casos de aplicação da abrangência, ampliação, etc., tudo porém significando extensão dos benefícios para além daqueles que efetivamente pleitearam, no nosso caso para a categoria pois (aposentados) e não apenas para os que ingressaram na justiça. Aliás a AFA deveria na época ter entrado representando todos os aposentados e não apenas aqueles que lhe pagavam mensalidades. Este vai ser um engasgo da concessão. Nonato/Teresina.

  06/06/2017 - 09:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134334 - OSCAR MACHADO FILHO   Belo Horizonte-MG

ELIEL VERSUS DONATO, VERSUS REPERCUSSÃO GERAL:
Na linha de raciocinio do colega ELIEL, o tema não tem nada a ver com o comentário do DONATO. Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. Não repercute nada em quem ficou fora da AÇÃO DAS GRATIFICAS. As minhas dúvidas começam a desaparecer no fundo do túnel, desde que, não apareça novas explicações jurídicas, que voltam para as mãos dos causídicos.

  06/06/2017 - 02:30 -   |   Responder/Comentar  |   




  134333 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Olá colegas, este assunto de RE (Repercussão Geral) está vinculado à Lei 11.418/06 e tem como considerações gerais, efeitos econômicos, políticos, sociais ou jurídicos que ultrapassem os interesses subjetivos da causa.
Além disso, que já é verdadeiramente complexo para se compreender, depende também de :
“Art. 543-A do CPC( parágrafo 2º); parágrafo 1º do Art. 543-A do CPC; Art. 328-A parágrafo 1º do Regimento Interno do STF, inserido pela Emenda Regimental 23/2008; obedecer à Portaria 138/2009 da Presidência do STF, além de muitas outras varáveis”.
No todo envolve situações que somente o STF pode dizer se é relevante de forma que possa afetar economicamente, politicamente, socialmente e juridicamente os interesses subjetivos da causa. Assim, pessoal, pelo que me parece, estamos nas mãos desses Ministros. Caso acharem que os nossos direitos às gratificações ultrapassem os interesses subjetivos da causa, não custa muito, todos nós já os conhecemos e muito.
O que é incrível é que nossos direitos são objetivos pelo Regulamento do Pessoal, pelas Leis Estadual e Federal e estão inventando subjetividade onde não existe.
Portanto, devemos aguardar, pois o ditado popular diz: cabeça de juiz, bundinha de neném não se sabe o que vem.

  06/06/2017 - 23:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134332 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Banespianos,saude.Primeiro ponto:
Caro Oscar,sobre Repercussão Geral do processo da Gratifica,os colegas não pertencentes à primeira ação,ou seja,os pós ação de 1.998 e que tem o MESMO DIREITO,poderão sim ser BENEFICIADOS,caso os doutores da lei considerem que existe a tal REPERCUSSÂO GERAL.
Segundo ponto:
PREJUDICADOS ou seja aqueles que não estão na relação inicial JA ESTÂO REPITO.... PREJUDICADOS.Concordas???
Terceiro ponto:A repercusão é geral porque atinje uma ação identica,com o mesmo réu ,o mesmo crime,e o mesmo universo de pessoas prejudicadas que tem o mesmo direito.Não sei se acertei,mas foi o que entendi,colocado pelo Dr.Nonato.
Ernestão da Gema,não optante a nada.
Obs.Não estou na primeira ação,ma sim na segunda e certamente estou puxando sardinha pro meu lado,rsrsrsrs.Estou errado????

  06/06/2017 - 22:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134331 - Rubens José de Freitas   SAO JOSE DO RIO PRETO-SP

Parabéns Ércio Floriano, Que Deus continue a te proteger. Saudades.

  06/06/2017 - 21:20 -   |   Responder/Comentar  |   




  134330 - carlos h. ferreira   são paulo

http://www.jornaldebrasilia.com.br/blogs-e-colunas/esplanada/pela-porta-dos-fundos/
Loteria
No País que cambaleia para recuperar a economia, o Governo terá de botar a mão no bolso para pagar 565 funcionários do Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados) por desvios de função na década de 90. O caso segue no TST e o acordo coletivo está em R$ 1,1 bilhão – cada servidor vai sair com R$ 1,9 milhão no bolso.

  06/06/2017 - 21:01 -   |   Responder/Comentar  |   




  134329 - OSCAR MACHADO FILHO   Belo Horizonte-MG

REPERCUSSÃO GERAL: Eu estava entendendo até agora, que êsse têrmo usado para as gratificações, pelo STF, conforme comentários antigos, era para AÇÕES SIMILARES, como VASP, VARIG, BB, BEMGE, BERJ,e OUTROS. Agora o NONATO, afirma que é em relação aos APOSENTADOS do Banespa, que não figuraram na AÇÃO INICIAL. De qualquer forma, compreendo também, que seja qual fôr o resultado do julgamento, quem corre o risco de ser prejudicado, são aqueles que não eram na época associados da AFABESP. Estou CERTO ou ERRADO? Com a palavra, os nossos causídicos.

  05/06/2017 - 19:55 -   |   Responder/Comentar  |   




  134328 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

Com. 323 - Prezado Pirolo. O exemplo citado por vc para comparar com a repercussão geral tem sentido. Vamos da forma mais simples tentar aperfeiçoá-lo. Em direito a decisão que repercute é aquela que vai além dos limites do processo, ou seja, passa a valer para todos aqueles que têm a mesma situação daqueles envolvidos na ação. Essa é a regra geral, embora haja alguns outros detalhes que não cabe aqui se discutir. No nosso caso o que se pede é a repercussão para todos os aposentados beneficiados pela decisão sobre gratificação, independentemente de constarem ou não como autores do pedido, tendo em vista a indiscutível igualdade da situação. Que é cabível parece não haver qualquer dúvida. Mas..... melhor esperar. Nonato-Teresina.

  05/06/2017 - 18:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134327 - LUIZ GUERINO FRANCHI   Taquaritinga, São Paulo, Brasil

IRINEU CHIQUITO LOPES
PARABENS PELO ANIVERSARIO FELICIDADES PAZ E SAUDE JUNTO COM SEUS FAMILIARES

  05/06/2017 - 17:27 -   |   Responder/Comentar  |   




  134326 - Iochinori Miyashiro   Tupã/sp

Sr.ERCIO FLORIANO

Parabéns!!! Muita saude, paz e felicidades.
Forte abraço.

  05/06/2017 - 12:28 -   |   Responder/Comentar  |   




  134325 - JOAO JAIR BIBIANO   ARA?ATUBA (SP)

IRINEU CHIQUITO, parabéns pelo niver, saúde felicidade.abraço

  05/06/2017 - 12:17 -   |   Responder/Comentar  |   




  134324 - JOAO JAIR BIBIANO   ARA?ATUBA (SP)

Ae SR. ERCIO, parabéns, saúde felicidade. abraço

  05/06/2017 - 12:13 -   |   Responder/Comentar  |   




  134323 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Estamos mais uma vez em novas expectativas quanto ao processo
das gratificações.
Primeiro se o novo ministro(Kojak) vai ou não pedir vista.
Se não pedir, irá ou não para decisão se há REPERCUÇÃO GERAL.
Muitos colegas não tem ciência exata do que seria essa tal de
repercussão,assim como eu.
Pelo que eu entendo essa tal de Repercussão é mais ou menos
isto:Vamos supor que uma determinada doença atinja uma população.
Em vários lugares os médicos vão decidir qual o melhor remédio
para esse mal.Uns dizem que é este, outros dizem que é aquele.
Criou-se então uma dúvida .Qual seria o melhor remédio?
Então tem-se que consultar quem deve decidir sobre essa situação.
Então recorre-se a Anvisa que é o órgão que regulamenta a utiliza-
ção dos remédios.O que ela decidir terá de ser cumprido por todos
os médicos.
Isso é bom para a Anvisa que ficará livre de inúmeras consultas
a esse respeito e bom para os médicos que passarão a tratar essa
doença sempre com o mesmo remédio.
Com a palavra o Nonato do Piauí,o José Milton e demais bachareis
em direito.
Abraços Pirolo

  05/06/2017 - 12:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134322 - Angelo Giacomeli   Laranjal PAulista-sp

134310- Nasci no Distrito de Jaciguá literalmente "embaixo da ponte" ferea. Migrei para Cachoeiro e consegui sobreviver em S Paulo desde 1968. Minha referencia em ajudar pessoa é "Chiquino do bode", para quem o conheceu.

  05/06/2017 - 11:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134321 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Seu Ercio Floriano(gente boa D+), desejo-lhe Parabéns e Milhões de Felicidades pelo niver, junto a seus Familiares, Amigos e a Jesus Cristo. UM ABRAÇÃO...

  05/06/2017 - 11:34 -   |   Responder/Comentar  |   




  134320 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP


FALTA 01 DIA = GRANA Á VI$$$$$$$$TA.

É amanhã o Julgamento pelo STF do Processo das GRATI....
Esperamos que o Ministro "quebra galhos do Temer" não peça vistas. E se pedir que devolva de acordo com o Regimento (15 dias e depois mais 15 dias, e se tiver dificuldade para entender, chame o Orly, o José Milton ou o Péricles).

  05/06/2017 - 11:25 -   |   Responder/Comentar  |   




  134319 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Cidadezinha típica do interior, todo mundo amigo. Padre Pedro, vigário de há muito, conduzia seu rebanho de forma irrepreensível. Certo dia comparece ao cartório uma jovem para registrar o filho. O oficial do registro fazia as perguntas de praxe até que "como é o nome do pai da criança"? "Padre Pedro", respondeu a mãe. "Não acredito, quer dizer que o Pe. Pedro tirou a batina"? "Precisou não moço. Ele só fez suspender, segurou nos dentes e.......". Nonato-Teresina.

  05/06/2017 - 10:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134318 - sebastião chaim junior   Ribeirão Preto

Com.134313 - Caro Hélvio, como vai? Com tanta grana, vamos partir para uma Mercedes, é uma delícia.Abraços.

  05/06/2017 - 09:34 -   |   Responder/Comentar  |   




  134317 - MÁRIO AUGUSTO FERREIRA DE ANDRADE   Principado de Agudos/sp

AÇÕES DO IGPD-I E GRATIFICAÇÕES.
Atentem para este detalhe:
"ALGUMA COISA TEM QUE MUDAR PARA QUE TUDO CONTINUE NO MESMO"

  05/06/2017 - 07:45 -   |   Responder/Comentar  |   




  134316 - Luiz Cesar da Fonseca   Vitória - ES


134310 – “EXPATRIADO”, nascido em Vargem Alta ex-distrito da capital secreta do mundo.

Quem chega a Vargem Alta logo entende por que os imigrantes italianos escolheram o local para morar. A região é de uma natureza exuberante e clima semelhante ao europeu. A temperatura média de 20 graus.

E é em Vargem Alta que se encontra o mirante do Alto Formoso: Com mil metros de altitude, oferece uma das vistas mais bonitas da região. Tem rampa de parapente e instrutores locais de voo livre.
É ou não é Giacomeli?

  04/06/2017 - 20:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134315 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

02/06/2017 – GRATIFICAÇÕES SEMESTRAIS – PROSSEGUE O JULGAMENTO NO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL.
Publicado em 2 de junho de 2017 por Afabesp
A 2ª Turma do Supremo Tribunal Federal – STF marcou para o dia 6 de junho, terça feira próxima, a continuação do julgamento do nosso processo de gratificações semestrais, considerando que o Ministro Roberto Barroso, que havia pedido vista dos autos, já os devolveu ao cartório.

Esse julgamento servirá para definir se o Santander podia interpor dois Recursos Extraordinários, como fez, sendo que os nossos advogados estão sustentando nos autos o mesmo posicionamento do Ministro Marco Aurélio, no sentido de que apenas é cabível um recurso.

Definida essa questão, um, ou os dois Recursos Extraordinários, serão submetidos ao Plenário Virtual do STF, composto por onze Ministros, para verificação se existe, no caso, “repercussão geral”, ou seja, se a matéria em discussão nesses recursos possui relevância, do ponto de vista econômico, político, social ou jurídico, que ultrapasse os interesses subjetivos do processo, na forma como dispõe o Código de Processo Civil. Somente quando existe repercussão geral é que o Recurso Extraordinário pode ser julgado.

Assim que tivermos conhecimento do resultado do julgamento a ser realizado na próxima terça, daremos conhecimento aos nossos associados.

AFABESP – DIRETORIA

  04/06/2017 - 18:09 -   |   Responder/Comentar  |   




  134314 - Zoia Rodrigues de Lima   Campo Grande MS

Aposto que o Alexandre pedirá vistas... Não precisa fazer aquele discurso... é só não demorar muito para ler!

  04/06/2017 - 17:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134313 - Hélvio José de Paula   Franca-SP-

Com. 134300-Sebastião Chaim Jr.- Estou tão confiante no reajuste para o dia 20 que já encomendei um fusquinha 1964 (o Pois é) financiado. E olha que está todo equipado, uma joia ... Abraço a todo banespiano sofredor ...

  04/06/2017 - 15:54 -   |   Responder/Comentar  |   




  134312 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Péricles de Andrade, eu aposto que o Ministro Alexandre de Morais, vai pedir vistas do processo. Só espero que não seja "a perder de vistas" e devolva dentro do prazo do regulamento do STF, que me parece que é de 15 dias e depois mais 15 dias.

  04/06/2017 - 15:05 -   |   Responder/Comentar  |   




  134311 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

FAÇAM SUAS APOSTAS SRS. E SRAs. - Depois de amanhã, dia 6, a 1ª Turma do STF estará julgando nosso caso das gratificações. O min. Alexandre de Moraes, depois de discursar por uma hora e meia, pediu vista no julgamento sobre a restrição do alcance do foro privilegiado, nesta quinta-feira, 1º de junho. Ele pedirá vista neste proc. das gratas? FAÇAM SUAS APOSTAS SRS, FAÇAM SUAS APOSTAS .........

  04/06/2017 - 14:40 -   |   Responder/Comentar  |   




  134310 - Angelo Giacomeli   Laranjal Paulista-sp

NÃO MEXAM NA POLITICA E POLITICOS EM BRASILIA. PIORARÁ. DEIXEMOS COMO ESTÁ E COMECEMOS A PENSAR EM 2018. QUALQUER UM QUE ASSUMIR AGORA NÃO MUDARÁ NADA. CONTINUAREMOS FERRADOS. NÃO SOU CULPADO DO QUE ESTÁ POSTO, APENAS SOU "VIZINHO" DE TIETÊ. SOU UM CAPIXABA "EXPATRIADO".

  04/06/2017 - 11:55 -   |   Responder/Comentar  |   




  134309 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP


FALTAM 02 DIA$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$.



  04/06/2017 - 11:15 -   |   Responder/Comentar  |   




  134308 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

EX-DIRETOR DO BANESPREV É DENUNCIADO PELA JBS.

Está aí o motivo de mantermos os Petistas longe da BANESPREV e da CABESP.

  04/06/2017 - 11:11 -   |   Responder/Comentar  |   




  134307 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

O tiririca errou: Votem no Tiririca, pior não fica. FICOU.

MARCELO RUBENS PAIVA- ESTADÃO.

  03/06/2017 - 16:47 -   |   Responder/Comentar  |   




  134306 - Maria José S.Duarte   São Paulo

Bom é o capitalismo né não vê a merda que o país está....

  03/06/2017 - 16:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134305 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP


F A L T A M 03 DIA$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$.



  03/06/2017 - 13:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134304 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Prezado Pirollo,saude.resumindo a duvida é a seguinte:IGPDI
1-Feito o deposito judicial pelo Banco referente aos valores vencidos e ou atrasados,a tutela antecipada MANDA em até 30 dias o banco corrigir a complementação em 41% e pagar naturalmente pelo holerith,mes a mes OK....ou
2-Feito o deposito judicial pelo Banco referente aos valores vencidos e ou atrasados,a tutela antecipada MANDA em até 30 dias o banco corrigir a complementação em 41% e fazer novos depositos judiciais mes a mes,ou ainda a...
3-Tutela Antecipada não vale merda nenhuma.certo?
Então o negocio é a AFABESP com seu advogados contratados a peso de ouro, cutucar,pedir,peticionar ou sei lá o que para quie sua excelencia o Juiz da vara de origem decida logo.Só aguardar e orar ou rezar ajuda,mas o capeta atrapalha e não deixa resolver.Né memo.
Saudações Banespianas
O que mais dizer????
Ernestão da Gema. Não optante a nada.

  03/06/2017 - 00:07 -   |   Responder/Comentar  |   




  134303 - carlos h. ferreira   são paulo

134298 - ORLY GUERRA
Prezado Orly não existe diretores da afubesp de mãos limpas até porque são todos apoiadores dos petralhas corruptos, inclusive aqui no site sempre aparece um com discursinho socialista idiota, assim, não tenha ilusões quanto a esta gente, vale lembrar o ditado do "complexo do pombo enxadrista" que diz: "Discutir com Fulano é o mesmo que jogar xadrez com um pombo: ele defeca no tabuleiro, derruba as peças e sai voando cantando vitória"

  02/06/2017 - 20:49 -   |   Responder/Comentar  |   




  134302 - sebastião chaim junior chaim junior   Ribeirão Preto

Eu já comprei, é uma delícia. Venha para Ribeirão passar uns dias, e fique e my house, e....vamosssss tomarrrr bastante rede chope eeeeeee. Abraços meu amigo.
Ah, o Eliel também vem.

  02/06/2017 - 20:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134301 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

Se você não receber dia 20, a culpa é do Eliel. Ele disse que o mensal será depósito judicial, também!

Não tenho culpa! Por mim todos deveriam receber o mensal a partir do dia 20, Eliel brecou!
--

  02/06/2017 - 20:14 -   |   Responder/Comentar  |   




  134300 - sebastião chaim junior   Ribeirão Preto

Meu caro ORLY, estou aguardando o nosso reajuste para o dia 20, para pagar a minha Mercedes. Abraços.

  02/06/2017 - 19:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134299 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES

134293 - ROSANA M P PIZZINI

Rosana procure o advogado dela.

Se você não sabe diga o nome completo dela.

  02/06/2017 - 19:12 -   |   Responder/Comentar  |   




  134298 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES



WAGNER PINHEIRO - esse cara não era Banespiano; ele ESTAVA Banespiano.

É LADRÃO!!! Sempre foi.

Já que está tudo sendo desmascarado, bem que os diretores da AFUBESP, QUE NÃO TÊM AS MÃOS SUJAS, poderiam esclarecer DETALHADAMENTE a história do “REAJUSTE ZERO”.

Quem não deve não teme!

Guerra-
--

  02/06/2017 - 19:10 -   |   Responder/Comentar  |   




  134297 - Antônio Sérgio de oliveira ....petica.   Cruzeiro

Fala meu amigo Sidney di santi por onde anda a braços e felicidades tudo de bom

  02/06/2017 - 18:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134296 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP


FALTAM 4 DIA$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$



  02/06/2017 - 16:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134295 - Eugenio Emmanuel Lencioni   Guaratinguetá - SP

Ao colega Sidney Di Santi

PARABÉNS À VOCÊ

Nesta data tão importante,
Quero desejar-lhe Paz e Saúde para que possa usufruir com alegria as maravilhas que Deus tão generosamente lhe oferece todos os dias.
Ouça sempre seu coração, sorria bastante e tenha sempre pensamentos positivos.
E, você, nunca estará sozinho

  02/06/2017 - 16:27 -   |   Responder/Comentar  |   




  134294 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

Redação SP Bancários: Enquanto defendem a reforma da previdência que enterra a aposentadoria Pública no país, grandes bancos lucram com a procura por planos privados.
Eu pergunto por que as classes menos favorecidas defendem o Capitalismo em detrimento da Social Democracia?????

  02/06/2017 - 15:06 -   |   Responder/Comentar  |   




  134293 - ROSANA M P PIZZINI   BOTUCATU SP

BOA TARDE , GOSTARIA DE SABER , SOBRE O PRECATÓRIO DE MINHA SOGRA JA FALECIDA QUE CONSTA NO FORMULÁRIO DESSE SITE , COMO FAÇO PARA CONSULTAR ?

  02/06/2017 - 14:22 -   |   Responder/Comentar  |   




  134292 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Caro Ernesto:O negócio sob minha visão, (veja bem, minha visão),
é o seguinte:Decidido que o banco seja obrigado a fazer o depó-
sito judicial,não significa que algum reajuste se efetuará de
imediato.Esse dinheiro ficará em uma conta judicial à disposição
da justiça.Aí quem ganhar o briga levanta a grana ,mas isso tem
muito caminho pela frente.Com a palavra nossos caros colegas
juristas.
Abraço Pirolo.

  02/06/2017 - 11:46 -   |   Responder/Comentar  |   




  134291 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

LOPADOTEMACHOSELACHOGALEOKRANIOLEIPSANODRIMHYPOTRIMMATOSIL-PHIOPARAOMELITOKATAKECHYMENOKICHLEPIKOSSYPHOPHATTOPERISTEA-LEKTRYONOPTEKEPHALLIOKIGKLOPELEIOLAGOIOSIRAIOSIRAIOBAPHETR-AGANOPTERYGON.

UFA! Você pode não acreditar, mas essas 188 letras formam uma palavra em grego antigo e significa um prato culinário fictício – de mentira – feito de carne, peixe, frango e salsichas criado por Aristófanes na comédia As Mulheres na Assembleia!

  02/06/2017 - 10:37 -   |   Responder/Comentar  |   




  134289 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Com. 284 - Pois é mestre Pirolo. Vc tocou no ponto chave do desestímulo para que se analise com realismo a situação dos nossos processos, qual seja a ansiedade de muitos por um verdadeiro exercício de adivinhação, naturalmente que incentivados por pessoas que já sabem até o que o próprio julgador não sabe, como por exemplo valores. Pela sua delicadeza para comigo, que sei ser verdadeira, em breve voltarei a emitir opinião sobre o andamento de nossas ações. Obrigado, Nonato.

  02/06/2017 - 09:31 -   |   Responder/Comentar  |   




  134287 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Prezados,estou boquiaberto,desnorteado,mas saude a todos voces.
Não entendo.
A nossa querida Afa não fala nada a respeito de nossos processos,não dá uma linha de informações com assunto que nos interessa que é a aguardada correção de nossaas complementações e GASTOU mais 50 linhas para falar de Wagner Pinheiro e o FUNCEF e etc e tal.
Puta Merda o que será isso?
Afinal onde está a consideração aos associados da Afa,EX Banespianos e Não funcionarios da Caixa Federal,PQP.Estou errado???

  02/06/2017 - 21:47 -   |   Responder/Comentar  |   




  134286 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Então caro Pirollo,saude.
Com vc diz o banco deverá fazer o deposito judicial dos atrasados(vencidos) de acordo com a tutela antecipada,assim que o Dr.Juiz da Vara de Origem determinar,certo?
Rezemos para que seja logo,prá ontem,rsrsrs,
Mas e daqui para frente ou doravante...a correção da complementação deverá ser feita e paga de que forma??
A tutela antecipada não fala nada,ou fala??
Cantando e Chorando....rsrsrs .Quando será o amanhã ?, pergunte a quem puder/.
Afinal a correção se for imediata ajudará bastante não.

  02/06/2017 - 21:35 -   |   Responder/Comentar  |   




  134285 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP

Está passando nas TVs Globo News, Band News e TV Justiça, neste momento, o julgamento do Forum Privilegiado no STF. Pelo que estou assistindo, os Ministros estão alegando que lá não tem demora alguma nos julgamentos. É para rir ou chorar??? Com certeza lhes interessa o Forum privilegiado, pois como são indicados por corruptos e criminosos, lhes cabe defendê-los.Será que não sabem dos processos que ficam lá por décadas dormindo em suas gavetas????

  01/06/2017 - 15:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134284 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Caro Nonato!
Você é um dos caras indicados para comentar sobre nossos assuntos
jurídicos.Agrade ou não, eles são importantes.Ninguém quer
você seja um profeta nos resultados mas qualquer opinião a
respeito será bem vinda,embora, as vezes não aceitas porque
foge à expectativa de quem a lê. Mesmo porque a justiça bra-
sileira é uma incógnita e cfe.se diz: Cabeça de juiz é igual
bunda de criança, ninguém sabe o que vai sair e a hora que vai
sair.Portanto peço que continue a dar sua interpretação nas
decisões dos nossos processos .Quem quiser aceitar que aceite,
quem não quiser pule.Quanto aos comentários depreciativos de
alguns néscio no assunto,perdoe ou dê uma boa gargalhada.
Abraços Pirolo

  01/06/2017 - 14:58 -   |   Responder/Comentar  |   




  134283 - Milton Oliveira da Silva   Natal Rn

Luiz Cativo , o grande caixa . Meu abraço pela data hoje.

  01/06/2017 - 13:34 -   |   Responder/Comentar  |   




  134282 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

6 de junho de 1.944, cerca de 3 milhões de soldados das 3 Forças Armadas Norte Americana, Britânica e Canadense, centenas de tanques anfíbios, 7 mil navios, 10 mil aviões, segundo historiadores, desembarcaram ao longo dos 100 Km. das praias da Normandia, noroeste da França, vindos da Grã-Bretanha, através do Canal da Mancha. Ficou conhecido como o DIA D (decisão). Foi o início do fim das pretenções da Alemanha de Hitler e seus aliados. 6 de junho de 2017, será o início do fim do proc. das gratas? Oremus, rezemus et aguardemus ......

  01/06/2017 - 13:26 -   |   Responder/Comentar  |   




  134281 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

FALTAM 5 DIA$$$$$$$$$$$$$$..................

  01/06/2017 - 13:17 -   |   Responder/Comentar  |   




  134280 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

Pls, última postagem minha, corrigir lá pelos finalmente se lê : Há pior das hipóteses - leia-se : Na pior das hipóteses. Abraços

  01/06/2017 - 11:38 -   |   Responder/Comentar  |   




  134279 - Oscar Machado Filho   Belo Horizonte-MG

ERNESTÃO DA GEMA:
O psiquiatra que deu seu diagnóstico com a doença do alemão, (Alzeimer), não entende nada da doença. Pelos seus comentários e questionamentos, você está "show de bola". Os alemães, estão morrendo de inveja. Continúe firme no "apdobanespa". Seus comentários, perguntas, e, respostas de outros colegas, mexe com 10 mil banespianos aposentados, que te admiram, fora os 40 mil familiares.COM ESSA CABEÇA, O CENTENÁRIO É POUCO PRA VOCÊ.Abraços.

  01/06/2017 - 11:29 -   |   Responder/Comentar  |   




  134278 - Eliel da Silva Dornelas   Cabo Frio - RJ

“Perseverança não é uma corrida longa, mas muitas corridas curtas, uma após outra”. (Walter Elliot)
A auto desistência
“Das desistências, a pior é a auto desistência. Imaginemos que estejamos envolvidos num projeto, ao qual nos doamos, quando surgem as dificuldades para levá-lo adiante. Podemos parar e analisá-las ou podemos deixar que elas se avolumem até acharmos que não daremos conta do projeto. Neste caso, podemos sair de cena e atribuir responsabilidades a outros personagens. Em outro cenário, podemos escolher ir ao ataque. Diante das falhas de todos os participantes do processo – colegas ou chefes – ensarilhamos as armas com o objetivo de remover as peças que, ao nosso ver, prejudicam o bom andamento das coisas. Podemos chegar ao ponto da violência, como uma forma de nos defender das críticas, que recebemos, das sugestões que não consideramos boas, das falhas que cometemos. Trata-se também de uma forma de auto desistência, cujo raciocínio é o seguinte: já que ninguém faz as coisas direito, estamos desobrigados de fazer a nossa parte. Bem diferentemente, quando temos uma tarefa, devemos levá-la até o fim. Não é o vento contrário que faz o avião decolar ?
Persistir é o verbo a ser conjugado; nunca devemos colocar em nosso dicionário o verbo “desistir”.
Poderemos nos arrepender se desistirmos, por mais que hoje nos achemos cheios de razão. Há melhor das hipóteses, teremos de conviver com a dúvida insolúvel sobre como teriam sido as coisas, se tivéssemos prosseguido.
Nunca nos arrependemos quando persistimos. Na pior das hipóteses, chegaremos ao final com a sensação de termos cumprido o nosso dever. “

  01/06/2017 - 11:15 -   |   Responder/Comentar  |   




  134277 - ORLY GUERRA   VILA VELHA - ES


134270 - Gamaliel André - Guarulhos /SP

Gemaniano GAMALIEL, nunca se impressione com certas situações contra nós, que se apresentam gigantescas. Há vários casos na história que o poder e tamanho do adversário não resultaram em vitória. Um general inglês estava em minoria e sua tropa estropiada. Seus oficiais queriam que ele se rendesse. Ele disse não e mandou a tropa se plantar na neve e que o inimigo caísse sobre eles. Não me lembro mais sobre essa batalha; li quando tinha 16 anos. Tem muito tempo (tenho75).

Esse presidente do Banesprev não tem o cargo garantido; poderá cair a qualquer momento.

Suas palavras são um deboche. Mesmo que ele ame profundamente o Santander, deveria mostrar respeito. Parte do salário dele é pago com nosso dinheiro. O dia dele chegará!

Nossa situação está na iminência de ser resolvida.

Oremus ou Rezemus et Aguardemus!!!
---

  01/06/2017 - 10:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134276 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

Recebo e-mail de um colega indagando por que deixei de emitir opinião sobre nossos processos, o que ele achava importante. O motivo é simples:- resolvi não me indispor mais com ninguém por causa de análise processual, mesmo vendo alguns absurdos de analistas outros, que emitem verdadeiros "pareceres" tendo como base simples extratos, que além de refletir muito pouco a situação fático-jurídica às vezes ainda são entendidos de forma errada. Nonato/Teresina.

  01/06/2017 - 10:04 -   |   Responder/Comentar  |   




  134270 - Gamaliel André   Guarulhos /SP

Ernestão da gema da nossa querida Guaratinguetá, conheci também seu tio Darcilio de Castro Rangel, como também seus dois filhos que iam muito no Banco,inclusive o mais novo muito simpático, gostava muito de Esgrima.
Quanto as nossa ações, acho que o presidente da Banesprev tinha razão quando respondendo a uma colega disse que só daqui uns 40 anos !

  31/05/2017 - 20:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134268 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina-PI

E tem aquela do casal de velhinhos que dormia na mesma cama mas cada um pro seu lado. Certo dia a velhinha falou:- "Quando éramos jovens você só dormia pegando na minha mão". O velhinho ficou meio encabulado, deu um tempo mas terminou pegando na mão da velhinha. Mas esta queria mais. "Quando éramos jovens além de pegar na minha mão você só dormia agarrado comigo". O velhinho ficou naquela de ir ou não, deu um tempo meio desinteressado mas terminou agarrando a velhinha, que queria mais. "Quando éramos jovens, além de pegar na minha mão e se agarrar comigo, você só dormia mordendo a minha orelha". O velhinho deu um tempo e resolveu levantar-se. A velhinha indagou:- "Pra onde vc vai". "Vou pegar minha dentadura". Nonato-Teresina.

  31/05/2017 - 19:33 -   |   Responder/Comentar  |   




  134267 - Gilberto Pirolo   ourinhos sp

Caro Ernesto.Desculpe-de me intrometer no Assunto IGPDI.
Nesse processo havia um recurso do banco que foi monocràticamente
julgado(È quando um juiz decide sòzinho sobre um despacho ou
sentença.) Esse recurso do banco foi negado por esse juiz. Ai o banco recorreu e então esse juiz decidiu enviá-lo para julgamento á corte plena que também negou.Esse recurso se não me engano visava o não depósito judicial de nossos haveres.
Aguarda-se agora que o juiz do caso determine que esse depósito
seja feito.O que para nós tem pouco significado,pois não vamos ve
a cor da grana.O que pode trazer algum benefício será o fato de
o banco ter que depositar esse dinheiro que ao sair do seu caixa
cause prejuizo quanto á utilização para aplicação no mercado fi-
nanceiro.Aliás nosso dinheiro.
Isso é o que acho.O que pode não ser a verdade.
Todos nós não temos informações concretas,seja por parte da Afa-
besp ou dos nossos advogados.Então ficamos conjecturando.
Abraço Pirolo

  31/05/2017 - 16:03 -   |   Responder/Comentar  |   




  134266 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Grande aprendiz Ernestão da gema, não optante a nada, saúde, suas dúvidas podem ser sanadas na leitura da Ação de Cumprimento Provisório de Sentença, impetrada pela Afabesp em 16.09.2015 e que pode ser encontrada no www.jfsp.jus.br - 00229413020154036100 -. Lá, vc verificará que em 13.05.2016 o Satãder apresentou suas razões, em demonstrativos e cálculos individualizados de cerca de 240 pgs. e 4 midias eletrônicas, conforme notícia publicada em 21.06.2016 pela Afabesp - AÇÃO DO IGP-DI - AFABESP PEDE PRAZO PARA IMPUGNAR PETIÇÃO DO SANTANDER E DO BANESPREV. Nessa petição, informaram que NÃO detectaram aposentados e pensionistas que teriam direito aos pagamentos referentes aos reajustes pelo IGP-DI determinados pela liminar. Afirmaram ainda nada dever, deixando, por isso, de fazer qualquer depósito judicial, conforme determinação da liminar. Depois de muitos pedidos de prorrogação de prazos e mais prazos, a Afabesp, finalmente, em 25.11.2016 protocolou suas contra-razões e em 01.12.2016 essa petição foi juntada ao proc., de onde não se tem mais notícias. Esse é o pé em que se encontra esse nosso causo, imbróglio, pendenga, graças à nossa ineficaz (in)justiça. Não podemos esquecer ainda que essa fatídica ação é um monstro marinho (polvo) de 6 tentáculos e essa ação descrita acima é apenas um desses tentáculos. Portanto, meu caro amigo, muita calma nessa hora, muita paciência e mais que paciência, longanimidade .....Abs,

  31/05/2017 - 15:59 -   |   Responder/Comentar  |   




  134265 - ernesto jose rangel de castro   guaratinguetá

Pericles,saude.Naveguei,naveguei,mas não cheguei a nenhum Porto Seguro.Acredito que o que eu quero saber,varios banespianos deste grupo tambem querem:
Primeiro...eu li não sei onde,nem quando,nem lembro quem escreveu...senão me engano foi numa materia do Dr.José Miltom que se o Banco recorrer neste momento,ele Banco terá que depositar em juizo os valores atrasados,mesmo recorrendo.É fato veridico? será sonho meu?
O amigo Orly teria comentado que se houver o deposito judicial dos atrasados,o Banco tem 30 dias para corrigir os 41% na complemtação nossa.
Na segunda tutela que eu li,graças a voce,eu entendi que está confirmada a sentença e que a tutela antecipada deveria ser cumprida após a AFA apresentar a relação de associados com direito a receber,excluindo-se alguns casos.Pergunto:Isto já foi feito?
Ainda concedeu-se 90 dias para Banesprev e Santander apresentar calculos e valores de cada banespiano pre 75 com direito a receber.Isto já foi feito???
O cumprimento destas determinações deveria ser em midia eletronica,etc e tal.E dai????como fica.Esta tudo parado,porque.?
É erro da Afa?????dos advogados contratados,enfim.Isto não anda??
Desculpe enche-lo de parguntas,até parece que sou um reporter,né.
Onde está o gargalo do problema,será que foi a mudança da diretoria da Afa?A coisa piorou e muito.Não se tem noticia nenhuma.
Ernestão

  31/05/2017 - 14:51 -   |   Responder/Comentar  |   




  134264 - marco antonio gonçalves dias   são paulo

com:246. Caro Nonato, espero que as gerações futuras não sigam nossos passos e lutem pelos seus direitos, pressionando o Congresso Nacional exigindo as reformas: Política, Fiscal e do Judiciário.Um grande Abraço.

  31/05/2017 - 12:18 -   |   Responder/Comentar  |   




  134263 - Péricles de Andrade   Paraguaçu Pta.

Caro Esnestão da gema, não optante a nada, saúde, vc entra no site www.jfsp.jus.br e acrescenta em "Varas Federais" o nº 00113035420024036100. No final da pag. inicial, clique em "todas as fases". Vá até a seq. 235, 08.05.2015 - Disponibilizado no Diário Eletrônico - DE - sentença. Clique na seq. 235, vc terá o inteiro teor da 2ª Tutela Antecipatória, proferida em 05.05.2015. Como são 16 pgs. impressas, pra não se cansar, vá "pros finalmente". Verá a "beleza" da sentença, que ainda está de pé, apenas com o detalhe de que o des. fed. Nelton dos Santos determinou que os vrs. sejam depositados em juízo. Boa navegação, Ernestão. Abs,

  31/05/2017 - 10:28 -   |   Responder/Comentar  |   




  134262 - paulo renan finholdt   Valinhos SP

134257 - Zeferino Cunha Mendes Neto Santos/SP
Não sei para que tanta Tertúlia.
Para vereador a gente vota a favor para deputado votamos contra,
E tenho dito.

30/05/2017 - 17:22 - | Responder/Comentar |

Olá, bom dia.Colegas aposentados banespianos. Resumindo, ficamos assim: Para vereador fica no vai-e-vem, no embalo; para deputado, na hora do ápice do fuque-fuque, tira fora. Porra perdida. E sempre óh ninóis!
Fraterno abraço.

  31/05/2017 - 10:23 -   |   Responder/Comentar  |   




  134261 - João Carlos dos Santos   Birigui/SP


Palocci fez acordo para delatar Banco. Empresas e Lula.
Alguém tem ideia qual o Banco????

  31/05/2017 - 09:55 -   |   Responder/Comentar  |   




  134260 - Raimundo Nonato da Silva   Teresina/PI

"Poeta cantô de rua, que na cidade nasceu, cante a cidade que é sua que em canto o sertão que é meu; se aí você teve estudo, aqui Deus me deu de tudo sem de livro precisá, por favor não mexa aqui que eu também na mexo aí, cante lá que eu canto cá". Grande Patativa do Assaré, o maior poeta sertanejo de todos os tempos. Seus lindos versos, em linguagem matuta, retratam o cotidiano da vida do caboclo nordestino, com suas agruras, garra, destemor, sofrimento, desprezo dos governantes, etc. Nonato/Teresina.

  31/05/2017 - 09:53 -   |   Responder/Comentar  |   


| Ver Próximos |

  Responder/Comentar   |