Cadastre-se no APdoBanespa - É GRÁTIS - Clique aqui

Morte
Visite www.apdobanespa.com

Com o casamento em crise, a moça telefona desesperada para a mãe:
— Mamãe, mamãe! Eu e o Paulo tivemos uma briga horrível hoje pela manhã!
— Calma, minha filha... — pondera a mãe. — Não há nada de errado nisto. Todo casamento tem as suas brigas!
— Eu sei, mamãe, mas e agora? O que é que eu faço com o corpo?


O bêbado entra num velório e ouve a viúva, entre lágrimas, comentar:
— Meu marido era tão bom... Morreu como um passarinho!
Logo em seguida outro bêbado entra também, se encostando ali perto.
— Como foi que ele morreu, hein? — pergunta o bêbado curioso.
O primeiro responde, prontamente:
— Parece que foi com uma estilingada...

O marido estava em seu leito de morte e chamou a esposa. Com voz rouca e já bem fraca, diz à mulher:
- Meu bem, chegue mais perto. Eu quero lhe fazer uma confissão!
- Não, não - respondeu a mulher. - Sossegue e fique quietinho aí, porque você não pode fazer esforço.
- Mas mulher - insistiu o marido. - Eu preciso morrer em paz! Eu quero confessar uma coisa que está me atormentando!
- Está bem, está bem! Pode falar!
- É o seguinte. Eu transei com a sua irmã, com a sua mãe e com a sua melhor amiga!
- Eu sei, eu sei - disse a mulher. - Foi por isso que eu te envenenei, seu filho da p...

Jacó está no seu leito de morte e Sara ao seu lado segura a sua mão.
— Sara, eu estou morrendo... — diz ele com voz rouca.
— Calma Jacó, eu estou aqui do seu lado, como sempre!
— Sara, me diz uma coisa, quando nós vivíamos na Polônia e os camponeses da vila vizinha invadiram e queimaram a nossa casa, você estava comigo?
— Mas claro, Jacó! Eu estava com você sim!
— Sara, e em 42, em Paris, quando aqueles bandidos nos capturaram, você estava comigo?
— Claro que sim, Jacó! Eu sempre estive ao seu lado!
— E quando fomos levados para Ausschwitz, você estava comigo?
— Estava sim!
— Puta que o pariu, Sara! Você me dá um azar do cacete!

Devido ao falecimento do avô aos 95 anos, o jovem Cláudio foi fazer uma visita de pêsames à sua avó de 90 anos.
Quando chega, Cláudio encontra a idosa chorando e tenta confortá-la.
Um pouco depois, quando vê a avó mais calma o neto pergunta:
- Diga-me vovó, como morreu o vovô?
- Morreu ao fazermos amor – Confessa a avó.
Cláudio, espantado, responde-lhe que as pessoas de 90 anos ou mais, não deveriam fazer amor porque é muito perigoso.
Ao que a avó responde:
- Já só fazíamos ao Domingo, de há cinco anos a esta parte, e com muita calma, ao compasso das badaladas do sino da Igreja. Era ding para o meter e dong para o tirar…
Se não fosse o sacana do homem dos sorvetes com o seu sininho, o avô ainda estaria vivo.

Zé: Bença padre.
Padre: Deus o abençoe meu filho.

Zé: Padre, o Sr. lembra do João pintor?
Padre: É claro meu filho.
Zé: Pois é padre, o João veio a falecer.
Padre: Que pena, morreu de quê?

Zé: Moro numa rua sem saída e minha casa é a última. Ele desceu com o carro e bateu no muro de casa.
Padre: Coitado, morreu de acidente.

Zé: Não, ele bateu com o carro e vôou pela janela. Caiu dentro do meu quarto e bateu a cabeça no meu guarda roupa de madeira.
Padre: Que pena, morreu de traumatismo craniano.

Zé: Não padre, ele tentou se levantar pegando na maçaneta da porta que se soltou e ele rolou escada abaixo.
Padre: Coitado, morreu de fraturas múltiplas.

Zé: Não padre, depois de rolar a escada ele bateu na geladeira, que
caiu em cima dele.
Padre: Que tragédia, morreu esmagado.

Zé: Não, ele tentou se levantar e bateu as costas no fogão, a sopa que estava fervendo caiu em cima dele.
Padre: Coitado, morreu desfigurado.

Zé: Não padre, no desespero saiu correndo, tropeçou no cachorro e foi direto na caixa de força.
Padre: Que pena, morreu eletrocutado.

Zé: Não padre, morreu depois de eu dar dois tiros nele.
Padre: Filho, você matou o João?

Ze: Uai, o cara tava destruindo minha casa...  
- Visite www.apdobanespa.com

Nº 121032   -    enviada por     Álvaro Pozzetti de Oliveira   -   Bauru/     em   04/08/2015


|   voltar |
Recomende este site a colegas banespianos da ativa, aposentados e pensionistas

Seu Nome:
Seu E-mail:
Nome do seu amigo:
Em caso de vários E-mails, separá-los por vírgulas.
E-mail(s) do(s) seu(s) amigo(s):

.
APdo Banespa - Bancários aposentados - direitos - justiça
Para qualquer contato utilize este e-mail: ----> pozzetti@gmail.com

Atualmente temos 3717 cadastrados no site
Verifique se você está cadastrado(a) no APdoBanespa

Insira seu
Não está?
Então, preencha o formulário abaixo
para cadastrar-se e participar de um seleto grupo de
Banespianos Aposentados, Pensionistas e da Ativa.



Cadastro de Participantes do APdoBanespa


Ex: 00 0000 0000

Ex: São Paulo/SP
<== AAAA-MM-DD
Ex: Maceió/AL
Ex: 1966/1996



               


  | Relação de participantes   | Voltar  |


Comentários para você ver

Atualmente somos 3717 cadastrados no site. - Clique abaixo para se cadastrar!

Cadastre-se no APdoBanespa, o Site dos Banespianos! clique aqui e cadastre-se!

Tô ferrado, Tô ferrado Veja as rimas e/ou clique aqui e envie as suas quadrinhas!


Para participar clique aqui e Cadastre-se

Adicione Apdobanespa aos favoritos

Faça do APdoBanespa a sua página inicial: ---> Clique aqui!

 | Principal  | Notícias Anteriores  | Objetivo  | Participantes  | Ler Dort  |
 | Classificados  | Dicas  | Mensagens Músicas Receitas  | Afabans  | Fotos  |
 | E-mail@APdoBanespa  | Cadastro  |