Cadastre-se no APdoBanespa - É GRÁTIS - Clique aqui

                                   
DICAS DE SAÚDE
DICAS DE SAÚDE
DICAS DE SAÚDE


Vitiligo
Enviada em 22/06/2018 por     Álvaro Pozzetti de Oliveira

É uma doença caracterizada por lesões cutâneas de hipopigmentação, ou seja, manchas brancas na pele com uma distribuição característica. O vitiligo é uma doença de causa desconhecida, mas existe uma história familiar da doença em 30 por cento dos doentes. A ausência parcial, ou total, dos melanócitos (células produtoras de melanina) funcionantes constitui a anomalia estrutural primária. Apesar de a causa do problema ainda não ser conhecida, existem várias hipóteses sobre a sua possível origem, baseadas em dados estatísticos e na experiência acumulada ao longo de muitos anos. Todavia, nenhuma destas hipóteses foi cientificamente provada.
Em primeiro lugar, considera-se provável a existência de uma predisposição genética para se ser afectado pela doença, já que quase metade dos indivíduos afectados tem antecedentes familiares da doença. Para além disso, alguns investigadores consideram que, devido ao facto de a doença normalmente se evidenciar juntamente com outros problemas do tipo auto-imune, o vitiligo pode ser uma doença do tipo auto-imune, em que a destruição dos melanócitos é causada por uma resposta inadequada do próprio sistema imunitário do organismo.
Por outro lado, observou-se que nas pessoas afectadas pelo problema existem várias circunstâncias, como o stress emocional e os atritos sobre a pele, que podem provocar o aparecimento de novas zonas de despigmentação ou a irradiação das já existentes. A única manifestação do vitiligo corresponde ao aparecimento de máculas acromáticas, ou seja, zonas despigmentadas caracterizadas pelo aparecimento de manchas brancas ou de tonalidade muito clara de forma distinta, mas bem delimitadas. Por vezes, a pele circundante encontra-se excessivamente pigmentada, o que aumenta o contraste entre as zonas.
Embora as zonas despigmentadas possam surgir em qualquer parte do corpo, o mais frequente é distribuírem-se à volta dos olhos, fossas nasais, boca, mamilos, umbigo, vagina e ânus, axilas, parte de trás das mãos e tornozelos. Para além disso, costumam adoptar um padrão simétrico em ambos os lados do corpo, embora muitas vezes as despigmentações se manifestem apenas num lado.
O tamanho e número das manchas são muito variáveis. Na maioria dos casos, o problema evolui por surtos, ou seja, mediante períodos mais ou menos prolongados em que aparecem novas manchas ou as manchas já existentes aumentam de tamanho alternados com períodos de inactividade, em que as manchas permanecem estáveis. Por vezes, os períodos de manifestação dos sinais e sintomas coincidem com épocas em que o indivíduo se encontra sob grande tensão emocional.



Dicas de Informática


Dicas Diversas






Curiosidades









Dicas de Saúde


Comentários para você ver

Atualmente somos 3669 cadastrados no site. - Clique abaixo para se cadastrar!

Cadastre-se no APdoBanespa, o Site dos Banespianos! clique aqui e cadastre-se!

Tô ferrado, Tô ferrado Veja as rimas e/ou clique aqui e envie as suas quadrinhas!


Para participar clique aqui e Cadastre-se

Adicione Apdobanespa aos favoritos

Faça do APdoBanespa a sua página inicial: ---> Clique aqui!

 | Principal  | Notícias Anteriores  | Objetivo  | Participantes  | Ler Dort  |
 | Classificados  | Dicas  | Mensagens Músicas Receitas  | Afabans  | Fotos  |
 | E-mail@APdoBanespa  | Cadastro  |